Sociedade Petalógica


Para quem não sabe "peta" é sinônimo de mentira.

"Vivemos um tempo em que, em terra de cego, quem tem a felicidade de ainda ter um olho não é rei. É um monstro" (Márcio Tavares D'Amaral)

Não faz muito tempo, a nossa grande bênção era viver em uma sociedade que entendia de onde vinha o conhecimento: não da autoridade política ou da revelação de cada pessoa, mas de um processo público de debate aberto, no qual milhões de pessoas se arriscavam e testavam bilhões de hipóteses. As teorias, sobreviviam, floresciam com o tempo e compreendiam nosso conhecimento.

O processo incansável de tentativa e erro não permitia que o conhecimento humano fosse completo ou perfeito, mas permitia uma melhoria constante. Se uma sociedade está aberta a um debate crítico robusto, você pode olhar para seu desenvolvimento moral e intelectual ao longo do tempo e saber o caminho que está sendo executado: geralmente em direção a menos violência social, mais participação social e um círculo mais amplo de dignidade e tolerância. E se você vê uma sociedade presa e sem progresso, você imagina que seu sistema intelectual não é liberal.

O fator crítico deixa de ser o compromisso dos indivíduos com a verdade.

A história mostra que, quanto mais aberto for o ambiente intelectual, melhores as minorias estarão. Aprendemos empiricamente que as mulheres são tão inteligentes e capazes quanto os homens; esse conhecimento fortalece as reivindicações morais da igualdade de gênero. Aprendemos com a experiência social que as leis que permitem o pluralismo religioso tornam as sociedades mais governáveis; esse conhecimento fortalece as reivindicações morais da liberdade religiosa. Aprendemos com o argumento crítico que a noção de que algumas raças são adequadas para serem escravizadas por outros é impossível de defender sem recorrer à hipocrisia e à falsidade; esse conhecimento fortalece as reivindicações morais da dignidade humana. Para tornar o aprendizado social possível, precisamos criticar nossos adversários, é claro. Mas não menos precisamos deles para nos criticar.
"A porta da verdade estava aberta, mas só deixava passar meia pessoa de cada vez. Assim não era possível atingir toda a verdade, porque a meia pessoa que entrava só conseguia o perfil de meia verdade. E sua segunda metade voltava igualmente com meio perfil. E os meios perfis não coincidiam. Arrebentaram a porta. Derrubaram a porta. Chegaram ao lugar luminoso onde a verdade esplendia os seus fogos. Era dividida em duas metades diferentes uma da outra.

Chegou-se a discutir qual a metade mais bela. Nenhuma das duas era perfeitamente bela. E era preciso optar. Cada um optou conforme seu capricho, sua ilusão, sua miopia."
(ANDRADE, Carlos Drummond. A Verdade Dividida. In. Contos Plausíveis: José Olympio, 1985)
Esse poema é um retrato de aprimoramento e exemplifica muito bem o assunto tratado. O correto é nos aprimorarmos no dia a dia, na rotina que fortalece, repetido como exercício, seja um poema, um pensamento, um trabalho, uma receita, um beijo, um hobby... ah... o amor... amar se aprende amando. Passo por passo, ponto por ponto.

O que acontece na atualidade e sem mérito somente do Brasil é que petalogicamente se caminha para um lugar que não chega. Lembrou-se da política? Essa é apenas uma das facetas da sociedade global que negativamente afeta seu desenvolvimento. 

“Este poema apareceu inicialmente no livro Corpo, de 1984, um ano antes da publicação de "Contos Plausíveis", de onde foi extraída esta versão. Entre as duas edições há ligeiras mudanças. Vale a pena observar essas alterações porque elas sempre revelam um pouco dos métodos de composição do poeta.


Em Corpo, o título era “Verdade”. Talvez o autor tenha achado esse título um tanto pretensioso e atenuou essa possibilidade, mudando-o para “A Verdade Dividida”. No terceiro verso da terceira estrofe, o que era “seus fogos”, passou a ser “os seus fogos”. Na mesma estrofe, o que antes era “metades” transformou-se em “duas metades”.


Na última estrofe, em lugar de “perfeitamente bela”, como se lê ao lado, estava “totalmente bela”. O trecho “E carecia optar” evoluiu para “E era preciso optar”. A frase final permaneceu a mesma, mas a palavra “conforme” pertencia, antes, ao penúltimo verso. ” (Drummond: 100 anos, Carlos Machado, 2002)

A porta da verdade estava aberta e permanecerá aberta à apreciação do tribunal de sua própria consciência. Evoluindo sempre, mesmo com ou sem pretensão de chegar a algum lugar. Há de se dizer que a questão não é chegar à lugar algum, mas que exista verdade. Para quê se vive, senão pela verdade.

Uma nação dividida não chega à nenhum lugar.

54 comentários :

  1. Uma nação dividida não chega a nenhum lugar.
    Que grande verdade Luma. Porém a história mostra-nos que na maior parte das vezes, são os próprios governantes que a fomentar a divisão usando e abusando do lema "Dividir para reinar".
    Abraço e saúde

    ResponderExcluir
  2. Tão verdadeiro e tão discutível. Um texto que remete os leitores para uma profunda reflexão.
    .
    Um dia feliz
    Cumprimentos poéticos

    ResponderExcluir
  3. Beleza de texto e realmente a divisão não acrescenta. Mas aqui, temos governantes que a fomentam e até um vírus, um remédio acaba em política.Tudo! E por isso estamos nessas condições que se mostram cada dia piores! Até quando/ não sei! Há de acontecer uma grande mudança em cada pessoa.. Um dia ,talvez as coisasmudem! beijos, bom te ver! chica

    ResponderExcluir
  4. Que beleza de texto.


    Adorei seu blog, estou acompanhando já ♥

    https://jhonatasrodriguesblog.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. É a sociedade das aparências. Uns sabem mais e manipulam o resto de forma a ditar regras sem uma reflexão. A sociedade não é mais chamada ao diálogo. Quem pensa diferente é tachado de ignorante, extremista... veja o quanto a TV manipula. Estamos num impasse, o que é democracia? A democracia demoníaca que agora desvirtuada é aliada de corruptos que querem calar a população, colocando como antidemocráticos aqueles que querem respeito das instituições. Mas sigamos e chegaremos, espero que logo à um consenso. Um texto que faz refletir. É isso que precisamos!

    ResponderExcluir
  6. Olá, Luma!
    Tô voltando devagarzinho aos blogs e acabo de ler esta obra prima de poema do grande Drummond, sempre atemporal.
    Sim, há neste momento complicado que estamos vivendo, não só aqui no Brasil, mas em diversos outros países, uma "abertura do portal" e essas duas partes, pelo menos por aqui, ainda estão desencontradas, mas considerando que o Brasil é um país jovem e que experimenta esses movimentos ainda com muita intensidade e incompreensão, mas não deixa de ser altamente interessante e benéfico. Vemos hoje quantas pessoas falam e leem e comentam e brigam e se desentendem e também se entendem... Tenhamos fé que um dia as duas partes se unirão pela consciência, empatia e amor! grande abraço

    ResponderExcluir
  7. Que beleza sempre sua aparição por aqui Luma.
    Que bela viagem em reflexões sem dor desta humanidade tão dividida e cheirando à hipocrisia reinante. Um texto rico como sempre para fazer olhar para dentro, para saber das duas metades, para buscar incisivamente o melhorar. O olha do conterrâneo sobre o mundo que ele sabia vasto ainda assim sabia do seu coração.
    Diante da terrível divisão que vivemos não sabemos como a porta suportará, mas temo para que a porca não torça o rabo amiga.
    E aquela esperança de tudo mudar e ou de que teremos um novo homem, parece ficar distante. E se não houver amanhã, estaremos todos na porta que só passa a metade.
    Carinhoso abraço amiga, muito bom vir e encontrar esta lucidez.
    Beijo e tudo de bom com todos os cuidados.

    ResponderExcluir
  8. Belas séries de frases, eu gosto de lê-las. Saudações da Indonésia.

    ResponderExcluir
  9. Oi Luma
    Muito oportuna sempre nas suas postagens que ensinam e propõe por si só a reflexão _essa tão pouca usada na sociedade atual_haja visto as manifestações de fim de semana,envolvidas em conflitos e desarmonia total.
    E Drummond, exímio na arte das palavras.
    Obrigada,sempre bom estar aqui contigo.
    abraços

    ResponderExcluir
  10. Oi LUma, eu não sabia que peta era mentira. Já comecei ess ótimo texto aprendendo. Aprender sempre. Quanto mais conhecimento e cultura e aberta a aprender sempre, melhor será a nosso sociedade. E sim uma nação dividida interessa e favorece apenas àqueles que estimulam, provocam, instigam a desarmonia.
    beijos
    CHris


    Inventando com a Mamãe / Instagram  / Facebook / Pinterest

    ResponderExcluir
  11. Muito bom regressar aqui !

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  12. Um retrato fiel da sociedade e a sua envolvência nas múltiplas particularidades de cada um de nós.
    Gostei imenso do texto.

    ResponderExcluir
  13. é triste que a humanidade não se entenda....

    Isabel Sá  
    Brilhos da Moda

    ResponderExcluir
  14. Oi Luma,
    Qual coisa melhor que seu comentário??kkk
    Até parece a Torre de Babel!!
    A soberba e a individualidade do homem de todas as nações sempre houve, só que naquele tempo não havia televisão, internet etc, os quais quase todos têm acesso, aí viram que a ganância, a individualidade para o mal é constate.
    Maldito aquele que desobedecer as leis de Deus, depois da morte amargará uma escuridão sem fim ( minha opinião).
    Adorei sua visita.
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  15. Desculpe os erros
    Acordei agora!kkk
    Dorli

    ResponderExcluir
  16. Salam from Indonesia, nice

    ResponderExcluir
  17. Oi, Luma!
    Esse seu texto me fez lembrar de um versículo bíblico que li hoje de manhã e fiquei sem entender por um bom tempo. "A glória de Deus é encobrir as coisas, mas a glória dos reis é investigá-las." Provérbios 25:2. Entendi que a Verdade nunca será totalmente descoberta, pois Deus é infinito, e sendo infinito sempre teremos algo a mais para investigar e descobrir.
    Abençoado fim de semana, bjs 💋

    ResponderExcluir
  18. Ah! Luma, não consigo abrir sua postagem (no link leia mais) pelo celular com aquele modelo dinâmico. Não sei o que acontece. Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também não consegui. Tive que acessar pelo link

      Excluir
  19. Oi, Luma, que bom te encontrar no Vida & Plenitude...
    O mundo, o Brasil precisam da verdade que vem dos Céus!...
    Uma reflexão que nos leva a ver o quanto a humanidade anda dividida e confusa.
    O meu abraço... Muita paz e saúde...

    ResponderExcluir
  20. Boa tarde Luma,
    Um grande texto.
    Na verdade na ultima linha resume tudo: a nação dividida não leva a nenhum lugar, não floresce.
    Um beijinho e continuação de boa semana.
    Ailime

    ResponderExcluir
  21. Sábia reflexão Luma. Já ouviu falar que a nação tem o governante que merece?
    Respondendo seu comentário: o vídeo que eu fiz o destaque era apenas a área dos olhos, não uso base com máscara e o batom vermelho foi só pra ilustrar o vídeo.
    Big Beijos,
    Lulu on the sky

    ResponderExcluir
  22. Oi, Luma,
    A gente sempre leu – até mesmo nas mais radicais ficções, como os romances – que os governantes veem o povo como uma massa de ignorantes, que por isso mesmo é manipulável. Também temos ciência de que quanto menos uma pessoa sabe sobre algo, mais ela se sente à vontade para julgar esse “algo”.
    O resultado disso é o que estamos vendo: pessoas realmente mal educadas (no sentido de não terem recebido educação suficiente), incultas e ingênuas defendendo coisas irracionais e atacando as racionais e lógicas.
    Mas a vida tem as suas próprias leis e haverá de fazer as coisas voltarem para os devidos lugares.
    Beijo

    ResponderExcluir
  23. A busca pela verdade , mesmo que dolorida, deve ser a nossa meta,sendo as meias verdades os disfarces da mentira...por mais que soframos com a verdade ela precisa ser revelada.Em um país onde o governante está sempre desmentindo o que disse, em que pessoas acreditam cegamente em todas as suas bravatas, chegando ao ponto de acreditar na "roupa do Imperador"quando na realidade ele está nu, o que nos resta???Seguir o Flautista de Hamelin e levar todos os "ratos" para fora de nossa terra ou procurar uma nova Nárnia que nos receba e acredite em nossas verdades? São perguntas que me faço constantemente, Luma...
    Seu texto incentiva a uma reflexão necessária e o poema de Drummond é instigante e provocador.
    Bravo, amiga!!!!!!

    ResponderExcluir
  24. Cada vez estou mais descrente do mundo, da humanidade. Só mentiras ao nosso redor, e que nos entram casa adentro.
    Belo texto que proporcionou uma bela reflexão.

    Bom domingo e boa semana!
    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  25. Oi Luma mas pode acontecer da sociedade ter sua mente cauterizada a tal ponto de transformar a verdade em mentira e a mentira em verdade, como um doente, que mente e acredita em suas mentiras.
    Gostei da reflexão, beijos,Vi

    ResponderExcluir
  26. Bom dia Luma obrigado pela visita e aproveitei e te sigo também. Muita saúde a você e sua família.

    ResponderExcluir
  27. Querida Luma!
    Fique emocionada e agradecida pelo o seu comentário em Despedida. A dor da perda do Carlos, meu companheiro de caminhada por quase 48 anos tem sido uma provação para mim. Não tenho conseguido até hoje superar essa ausência. Tenho dois filhos, que me apoiam, dois netos que são uns amores. Mas eu imaginava que nós dois ficaríamos juntos até bem velhinhos. Mas não foi o que aconteceu...
    Agora com essa pandemia, estou muito só, morando sozinha e tenho visto pouco meus filhos, pois eles precisaram sair da quarentena por causa do trabalho, e querem me proteger, pois eu tenho 77 anos.
    Tenho postado músicas, filmes, fotos, alguma coisa no blog que tenho desde 2005. Bom você me sugerir para continuar postando, pois ele me apoiava tanto, tirava tantas fotos lindas, realmente é uma forma de dar continuidade... expor ainda tantas lindas fotos que ele tirava. Muitas amigas me dizem isso. É também uma forma de manter contato com as queridas e antigas amigas, como você!
    Me desculpe não ter lido o seu post agora. Vou voltar pois seus textos são sempre muito bons e nos fazem refletir.
    Tenho tido muito trabalho com o inventário e também tentar levar adiante o trabalho que nós dois fazíamos juntos, no ramo imobiliário. Embora ele esteja no momento estagnado.
    Querida Luma, desejaria também poder dar e receber o seu abraço carinhoso. Mas ele chegou até aqui com todo o seu carinho.
    Beijos! Sonia.

    ResponderExcluir
  28. Boa tarde Luma, com vai você?

    Passando pra deixar minha marquinha e me deparo com esse maravilhoso e reflexivo texto, muito bom ler algo consistente,lamentável que tenhamos que engolir essa grosseira divisão que esses corruptos nos apresenta.

    Aplausos de pé para seus pensares.

    Bjs e obrigada pela visita.

    ResponderExcluir
  29. Luma, um texto que suscita profunda reflexão e ampla dicussão.
    Fique bem.
    Beijo

    ResponderExcluir
  30. Luma, fiquei encantada com o seu texto, com a sua filosofia, a maneira como você escreve, nos propõe à reflexão e ao entendimento, trazendo ideias novas, poemas que continuam tão atuais que chega a ser assustador, e , ainda acrescentando fatos aos momentos tão difíceis que estamos enfrentando atualmente...
    Você escreve de uma maneira tão elegante amiga, nossa, como os seus textos primorosos estavam fazendo falta na blogosfera...Aqui tem um luz no fim do túnel!!
    Grata por essa reflexão e por esses valiosos momentos que passei aqui ao te ler!!
    Grata pela visita aos meus cantinhos, eles estão um pouco abandonados, pois as circunstâncias os deixaram assim...Tem dias que a minha criatividade se esvaia...
    Então me refugiei na música para encontrar um porto seguro.
    Beijos querida Luma e uma excelente semana!! :)))))

    ResponderExcluir
  31. Gostei deste post, achei muito bem escrito e bem reflexivo, meus parabéns.

    Arthur Claro
    http://www.arthur-claro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  32. É mesmo!
    A união faz a força.
    Bjs

    ResponderExcluir
  33. Querida Luma
    Obrigada pela sua honrosa presença no meu humilde cantinho.
    O seu texto é um excelente ponto de partida para uma reflexão sobre Ética.
    Ah! A verdade! Quantas vezes inatingível! É certo que um significante não tem o mesmo significado para cada um de nós!
    Fique bem.
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderExcluir
  34. Passando para dar um abraço nos amigos da blogosfera... Andei meio afastado deste espaço.

    ResponderExcluir
  35. Bom dia minha amiga estou de volta as ondas e voltei poeticamente :-) Assim além de um abraço imenso estou a te convidar a participar do 11º Pena de Ouro, decidi reativá-lo, pois neste momento de clausura nada melhor que colocar a mente para funcionar, topas brincar? Não querendo vai uma visitinha no meu novo Ostra só para conhece-lo, ok! Beijos ♥ Eis o link https://ostra-da-poesia2.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  36. Olá Luma querida


    Um belo texto que nos faz realmente refletir.


    Beijos
    Ani

    ResponderExcluir
  37. Migah do céu senti-me lendo um dos textos da facul, matéria de Sociologia (pior que gosto desses textos que nos tiram da zona de conforto). Identifico em teu texto muitas das situações e das dúvidas que essa geração tem atualmente. Ótimo texto. Bjs Monalise Nogueira
    www.dividindoexperiencias.com

    ResponderExcluir
  38. Que breve cheguemos ao lugar luminoso em que a verdade esplenda!

    ResponderExcluir
  39. ... e eu estarei atento a ele!...

    Saudações!

    ResponderExcluir
  40. Em tempos de ignorância
    e vazio, onde as pessoas abrem mão da inteligência,
    para seguir mitos ignorantes,
    palavras assim são preciosas...

    Abraço, Luma...

    ResponderExcluir
  41. Oi Luma!Que surpresa boa te encontrar em meu blog! Teu texto me fez lembrar uma frase que li sobre a verdade: que ela é aquilo que nós acreditamos,ou seja, se vc acredita numa coisa ela se torna uma verdade pra vc, mas pra mim que não acredito? Tem gente que acredita tanto numa coisa que se torna cego e não ver que acredita em uma mentira... nem me fale na situação atual da política...tenho verdadeira aversão aquele homem que elegeram presidente.E estamos cada vez mais divididos.Beijos! :D

    ResponderExcluir
  42. E o que falar da Copa do Mundo® no Brasil, atualmente?
    “Muito engana-me, que eu compro” = Partido dos Trabalhadores[™].
    Em vez de se construir hospitais, construiu-se prédios inúteis. A Copa das Copas®, do PT e de lula™.
    Estilo PT de ser, hein?
    Jamais esquecer a Comunicação Petista: PT [™] = “Me engana que eu compro”.
    E PT®?
    E o PT®? Qual o poder constante de sua propaganda ininterrupta?
    Eis:
    Vive o PT© de clichês publicitários bem elaborados por marqueteiros. Ao estilo do brilhante e talentoso João o Milionário Santana. Nada espontâneo.
    Mas apenas um frio slogan (tal qual “Danoninho© Vale por Um Bifinho”/Ou: “Skol®: a Cerveja que desce Redondo”/Ainda: “Fiat® Touro: Brutalmente Lindo”). Não tem nada a ver com um projeto de Nação.
    Aqui a superficialidade do PETISMO:
    0. “Coração Valente©”
    1. “Pátria Educadora™” [Buá; Buá; Buá].
    2. “Pronatec©”
    3. “A Copa das Copas®”
    4. “Fica Querida©”
    5. “Impeachment Sem Crime é Golpe©” [lol lol lol]
    6. “Foi Golpe®”
    7. “Fora Temer©”
    8. “Ocupa Tudo®”
    9. “Lula Livre®”
    10. “®eleição sem Lula™ é fraude” [kuá!, kuá!, kuá!].
    11. “O Brasil Feliz de Novo®”
    12. “Lula é Haddad Haddad é Lula®” [kkkk]
    13. “Ele não®”.
    14. “Minha Casa, Minha Vida©”
    15. “Saúde não tem preço®”
    16. “Haddad® agora é verde-amarelo®” [rsrsrs].
    17. “Bolsa Família®”
    18. “LUZ para TODOS™”(kkk).
    19. (…e agora…): “Ninguém Solta a Mão de Ninguém©”
    20. “Água para todos©” (é mesmo?)
    21. “Mais Médicos®”, pura propaganda e publicidade
    22. PT = “Controle social da mídia” [™] (hi! hi! hi!): desejo do petismo.
    23. “Brasil Carinhoso©” [que momento açucarado].
    24. “bela, recatada e do lar”
    25. “Rede cegonha©”
    26. “SKOL®: a Cerveja que desce RedondO”.
    PT© é vigarista e aderente ao charlatanismo.
    Vive de ótimos e CALCULADOS mitos publicitários.
    É o tal de: “me engana que eu compro”.
    Produtos disfarçados, embalagens mascaradas e rótulos mentirosos. PT™!
    Nós todos gostamos de consumir alguma coisa, com certa constância. Então isso seria bom… Mas não nesse caso. PT™ é uma farsa, simulacro Kitsch. Um partido de extremo mau gosto. Nivela tudo por baixo. Sobretudo a cultura, a arte e a educação básica de crianças.

    ResponderExcluir
  43. Olá!

    Conhece Lagos, a cidades onde eu nasci?

    Pois tenho um novo poema a ela!

    Bjsss!

    ResponderExcluir
  44. A questão não é Chegar a algum lugar, mas que exista verdade. Para que se vive, senão pela verdade.
    Oi Luma, fiquei com saudades de ler suas postagens. A sociedade petalógica daquela época criou raiz e mudou de nome. Hoje a rede de mentiras e as fack news são patrocinadas pelo governo. Gepeto deu vida a Pinóquio e criou milhares deles, em todos os cargos e posições. Qual será o nome dessa sociedade nos dias de hoje?
    Tenho procurado viver todos os dias a minha verdade. Eu não sei quantas lições já aprendi tão pouco quantas eu ainda preciso aprender. A única certeza que tenho agora é que estou vivendo, me permitindo e sentindo. Minha busca maior agora é por paz, meu desejo maior é a felicidade que só existe na simplicidade de uma vida que vale a pena ser vivida.
    A lição agora e respeitar a minha verdade e a minha vontade. Ser eu mesma e ser livre para ser mais feliz.
    Saudades de você

    ResponderExcluir
  45. Boa tarde querida amiga Luma
    A vida é feita de lições!
    Mas, o mais importante é que sejam de teor verdadeiro!
    E infelizmente vivemos num mundo tão corrupto e tão manipulador!
    Desejo - lhe um domingo abençoado!
    Um abraço esperançoso!🌼❤🌼
    Megy Maia🌈


    ResponderExcluir
  46. Olá, bom dia! Passando para te desejar saúde, paz, e muita alegria!

    ResponderExcluir
  47. Oi, Luma. Estando de volta, após um longo afastamento, me deparo com este ótimo e oportuno texto. São coisas que realmente fazem temer o destino de nossos tempos, o extremismo, a hipocrisia, a falsidade. A mentira tem características bem evidentes, uma delas ser mal escrita e cheia de ofensas. Gostei muito e achei muito oportuno o seu texto. O predomínio do extremismo neste tempos já faz pagar seu preço. A pandemia se espalhou como fogo e teve como cúmplices extremistas que pelo mundo. Comentário muito propício dizer que a divisão desprotege, pois quanto mais formos inimigos uns dos outros mais frágeis estaremos.

    ResponderExcluir
  48. Amem entrego minha família e aqueles que mais precisarem de deus.amem

    ResponderExcluir
  49. Luma, querida, que saudade.
    Seu post é maravilhoso, mostra muito bem nossa triste realidade. Confesso que ando desanimada com o ser humano.

    Feliz 2021!
    Beijosss

    ResponderExcluir
  50. Olá! Gostei muito do blog e já o segui! Quero convidá-lo a visitar e a seguir o meu blog de volta <3

    www.pimentamaisdoce.blogspot.com

    ResponderExcluir
  51. Adorei essa reflexão, pois o que me decepciona na atualidade é que mesmo com recursos disponiveis a preguiça de uma parcela da população mundial se recuse a ir buscar as verdades, são guiados por meias verdades ou até mesmo por mentiras forjadas para alienar. Precisamos entender que não existe "verdade absoluta" mas existe uma verdade e para formularmos uma opinião precisamos estudar cada uma das metades da verdade, nossa história é um exemplo disso foi sempre contada pelo vies do colonizador agora começamos a ter documentos e relatos que dão conta da verdade do colonizado, e conhecer esses dois lados faz toda a diferença em como encarar a vida.
    Desejo que 2021 seja mais leve e com harmonia!
    Muita Luz e Paz!
    Abraços

    ResponderExcluir
  52. Como sempre, excelente texto. Infelizmente não conseguimos ver um futuro muito bom para nossa nação.

    ResponderExcluir
  53. Parece que a sociedade perdeu a sensatez. Antes havia todo um cuidado para repassar informações para não sermos confundidos com levianos, fofoqueiros, etc. Os livros eram escassos, porém valorizados. Como fazer com uma sociedade que não lê, que é viciada em manchetes? Os valores de uma sociedade devem ser refletidos no dia a dia. Não se deve sair de casa ou acessar redes sociais se não for por uma boa causa. Essa pandemia ajudará o bicho homem a mostrar apenas seu pior lado?

    ResponderExcluir

...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

Licença Creative Commonsget click
Leia o luz no seu celular

Algumas coisas não têm preço

finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008

Me leve com você...

Copyright  © 2021 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

Leia mais para produzir mais!

Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor