Poesia numa hora dessas? 2ª Edição do BookCrossing Blogueiro

BookCrossing Blogueiro

Conforme havia comunicado no post anterior, estaria viajando na data marcada para a 2ª Edição do BookCrossing Blogueiro. Mesmo assim não deixaria de participar. Aliás você pode libertar um livro a qualquer tempo, o bookcrossers para quem chega agora - clique no link para saber do que se trata - basicamente é uma forma de incentivar pessoas que compram e leem livros demasiadamente, a distribuí-lo sem o apego egoísta que enclausura os livros, ajudando a incentivar a leitura, principalmente entre aqueles que não tem chance de comprar livros com tal disposição.

Mais um dia...
Em breve, mais um ano...
Depois mais um século...
Mais um milênio...
Haja reticências...

O livro escolhido desta vez foi Poesia numa hora dessas?!, de Luís Fernando Veríssimo e os poemas que ilustram a postagem fazem parte desta reunião espetacular de poemas, tiras e desenhos publicados em jornais e revistas todo impresso em papel couché. Como puderam perceber na postagem, deixei o livro em um lugar bastante inusitado e o "Bêbado" que dá suporte ao livro foi bastante inspirador.


Fique atento para participar da 3ª Edição do Bookcrossing Blogueiro que acontecerá no dia 08 de Novembro - marque na agenda ou leve o banner ao lado para não se esquecer. Junte-se a nós nessa empreitada de interação entre os blogues e incentivo à leitura.


Gostaria de montar uma lista de participantes como fiz na 1ª Edição e se você tiver participado nesta edição, me avise para poder montá-la. Sim, mesmo com atraso estou bastante animada - Gostaria de convidar você que não participou a fazê-lo! A leitura abre mentes e este blogue, como bem sabe quem o frequenta adota a tônica de que a mente só funciona depois de aberta, ou seja, "Porque a mente é como um paraquedas, só funciona depois de aberta" (Frank Zappa)


  • Isadora Nardy - O Castelo de Vidro, de Jeannette Walls


  • Luma Rosa - Poesia numa hora dessas?!, de Luís Fernando Veríssimo


  • Bia Jubiart - "Como Educar Crianças Para Pensar Por Conta Própria", Dra. Elisa Medhus e "O Livreiro de Cabul", de Asne Seierstad.


  • Rosélia - O Itinerário da Fé Pascal, de Álvaro Barreiro.


  • Elaine C. Chieppe - As mentiras que os homens contam, de Luís Fernando Veríssimo.


  • Luciano A. Santos - Espinheiro, de de Ross Thomas.


  • Norma Emiliano - A Valsa dos Adeuses, de Milan Kundera.


  • Lu Souza Brito - A Cabana, de William P Young.


  • Giovanna Valfré - O amor nos tempos do cólera de Gabriel Garcia Marquez.


  • Jussara - Clarissa, de Érico Verissimo


  • Denise - Seu Balde Está Cheio?, de Tom Rath e Donald Clifton.


  • Paola - A menina que roubava livros, de Markus Zusak


  • Cristiane Aguiar - Sobre meninos e lobos, de Dennis Lehane


  • Boas leituras!

    38 comentários :

    1. Oi Luma
      Eu participei, fiz inclusive um post. O livro esquecido foi A Valsa dos Deuses de M. Kundera.
      bjs

      ResponderEliminar
    2. Há sempre uma poesia para todos os momentos...
      Ainda não participei do Bookcrossing Blogueiro, mas quem sabe esse ano.

      Bjs
      Mah

      ResponderEliminar
    3. Luma querida, esta idéia de vocês é fantástica, sucesso garantdo e quero participar da próxima.
      Mais uma vez ando por fora da internet, inclusive estou na caa da minha filha que está se recuperando de uma cirurgia. Quando dá venho por aqui.
      Bjim, cosquirídia.

      ResponderEliminar
    4. A poesia com seu texto mostra a grande sensibilidade.
      Não mais amar, seria assim? Ou seja, deixar de amar.
      Assim me desperta para mais.
      Bom dia Luma!

      ResponderEliminar
    5. Oi Luma! Saudades... Cheguei inteira da aventura urbana...

      Bella, deu vontade de encontrar seu livro esquecido... Este ainda não li.

      Ando limpando meus livros, falo sempre que eles respiram, e fico matutando como poderia compartilhar melhor os que estão fechados por muito tempo. Sobre doar p/ biblioteca... Aqui na minha city, ficará mais empoeirado do que na minha casa, não temos revistaria, livraria, sebo, enfim cultura de leitura é zero, isto caracteriza bem o atraso educacional da região Norte em várias estatísticas. Aproveitei a viagem em Sampa p/ compras de livros (fui na Nobel), só não tive tempo para ir no sebo do Messias, não pode se querer tudo (perde a graça).

      Dia hoje corrido... Uma linda semana p/ vc.

      Beijooooss e carinhossssssss

      ResponderEliminar
    6. Luma,

      Gostei muito da forma como contou "seu esquecimento", desta vez consegui me conter e não fiquei olhando para ver quem o pegou. Sabe, nunca tinha pensado num livro como um rio, adorei a comparação, e é real a forma como nos enche, e depois seca, mas lá ainda fica o leito, uma marca, nunca o esuqeceremos. Será que viajei??

      Grande beijo, boa semana.

      ResponderEliminar
    7. Ahhhh... eu estava tão doida por aqui que só agora que vi que passou 8 de abril... :-(((

      Vamos ver se em novembro eu participo.

      Uma ótima semana procê, querida!!!

      ResponderEliminar
    8. Enquanto me envolvia com o seu "esquecimento" acabei eu me sentindo esquecida em mim mesma.
      Eu gosto de deixar livros por aí. Acho saudável saber que eles não ficarão limitados a estante. gosto disso. Nunca sonhei com prateleiras cheias de livro, até porque os favoritos ficam sobre a mesa. rs
      bacio

      ResponderEliminar
    9. Toda vez que leio seus posts me encanto com sua habilidade em expressar idéias e sentimentos com palavras e me dou conta que preciso ler mais.
      Leio menos do que quero e preciso mas os livros que compro uso como "moeda de troca", é verdade, estou sempre trocando livros com amigos. Se me emprestam algum, ofereço outro e assim eles não ficam na estante.
      Ps: quero notícias do origami.
      Bjs

      ResponderEliminar
    10. perdi...
      bonito poema.
      bjs laura

      ResponderEliminar
    11. Oi Luma,

      Adorei participar e pretendo estar também nas próximas edições.

      Encantada com seu texto, misturado as poesias. Tão bem ilustrado o esquecimento de um livro ( um amor). A arte do desapego, rsrsrs.
      Beijos

      ResponderEliminar
    12. Todos os momentos são de poesiaq...até num bichinho que pousa numa flo...rsrs

      E agora, vou te confessar uma cois. Já falei pra Isadora.

      A véia coroca aqui esqueceu COMPLETAMENTE do livro.

      Vou ver se na próxima não perco!Credo!!!`São os aninhos,srrs beijos,linda semana!chica

      ResponderEliminar
    13. Será que o devido valor só é dado qdo não se tem mais?!?

      Eu,patia
      Tu,rbilhão

      Beijo enorme...
      Ótima semana prá vc tb.

      ResponderEliminar
    14. Espectacular... e os poemas do Eu e Tu ...sem palavras. Uma boa semana (sem FMI - estão a chegar cá a este lado... ), e enquanto as saudações não pagarem imposto deixo os meus habituais sorrisos, flores e ...poesia.

      ResponderEliminar
    15. A vida é uma eterna poesia ... e pode ser linda, linda, e cada vez mais linda e profunda. Basta a gente querer.
      Minha querida Luma, tem um selo para você no meu blog, tá amor?
      Beijo meu.
      Angel.

      ResponderEliminar
    16. Oi, querida
      Nossa!!! Estou pasma como vc conseguiu intercalar a sua fala com a do autor do livro... ficou instigador...
      Fiquei curiosa e prendeu minha atenção a leitura do seu post...
      Foi sim diferente o local da entrega do nosso livro...
      Mas será que nos dois locais não há sede???
      Creio que sim!!!
      Gosto desse projeto... os livros sempre me encantaram...
      Já doei muitos ao longo da vida... vale a pena!!!
      Ainda mais quando a gente se conscientiza de que não os leva na vida pós morte...
      A partilha é salutar e necessária em todos os âmbitos da vids...
      Vcs foram super felizes nessa iniciativa... parabéns mais uma vez!!!
      Bjs de paz e excelente semana com alegria...
      P.S. Vamos nos ver no sábado??Tomara!!! Finalmente!!!

      ResponderEliminar
    17. Não conhecia o livro. Pecado que o banco onde ele foi deixado não é o do parque aqui ao lado. Eu teria trocado por outro. :)

      ResponderEliminar
    18. Revendo minhas postagens,achei um comentário teu sobre a blogagem coletiva o Nascimento.Como estou te seguindo,te convido a me seguires também.Quero participar da segunda fase a Infancia,é dia 15 de abril?Estarei postando um texto,Abraços

      ResponderEliminar
    19. Luma Querida,

      Eu,ropeu também quer participar!
      Mas não pode né!
      Tenho feito bookcrossing cá em Portugal, meus livros são muito viajados! Amo ler e compartilhar leitura.

      Tu,rismo transatlântico eles iam adorar fazer, mas...e os portes Portugal-Brasil...?
      Beijo do Eu pró Tu,
      Rute

      ResponderEliminar
    20. Oi Luma,
      eu te inspirei e vc me deixou muito feliz, tornando pública essa inspiração no coments que fez. Inspirar alguém através do blog à fazer artesanato é uma realização pessoal, eu te agradeço por isso.
      Amiga desta vez perdi a data de esquecer um livro, porém acho que podemos e devemos esquecer um livro a qualquer tempo e é isso que vou fazer, sem me apegar muito a datas.
      Beijos
      Lola BH

      ResponderEliminar
    21. LUMA

      Poeticamente perfeito! Quantas metáforas entranhadas! Gosto dessas possibilidades desafiadoras no "apossamento" do texto lido.

      E o lugar inusitado, até por conta do "ritmo" diferenciado e desapegado, tipicamente "leve e solto"... Queria filmar a reação de quem tomou o livro para si... E queria mais ainda, testemunhar o momento seguinte: a libertação propiciada pelo mesmo tomador. E se pudesse, mágico seria presenciar a restauração permitida ao ser...

      Vou tentar participar do próximo, embora eu precise, primeiro, libertar algumas amarras pessoais, pois apego-me indevidamente aos meus poucos livros. A proposta vale a pena!

      Meu carinho, Luma!

      ResponderEliminar
    22. Olá Luma, boa tarde
      Participei de um ano passado, dia 8 de novembro. Este 8 de abril me esqueci completamente, depois que vi as blogagens coletivas foi que me lembrei.
      Mas ainda pretendo fazer isto, mesmo morrendo de dó de me desfazer dos meus livros queridos.
      Bjos

      ResponderEliminar
    23. Um bom texto de Fernando Veríssimo e muito bem colocado por você, para falar do "esquecimento do livro".
      Beijos,]


      Meu novo blog:

      www.nocaminhodaspalavras.blogspot.com

      ResponderEliminar
    24. Sou fã do Verissimo. Esta ideia dos livros é simples e tão prática que todos podem aderir.

      Beijo Luma

      ResponderEliminar
    25. Curiosa esta em festa. Comemorando 568 Seguidores e 162.850 mil visitas.
      Esta conquista só foi possivel, porque vc fez a diferença no blog. Muito obrigada pelo carinho, pela amizade e seu afeto.
      Só tenho agradecer pela confiança que sempre depositou no blog. Sei que ando mesmo sem tempo trabalhando muito.Mas tenha a Certeza que a nossa amizade fez com que nos tornassemos grandes amigos. Obrigada pelo seu carinho. Grandes Amigos moram no Coração da Gente. Mesmo sendo pequenos. Portanto venha buscar seu presente. CURIOSA TE ESPERA. FAZES PARTE DESTA CONQUISTA.
      Muito obrigada..
      Um forte abraço
      Sandra

      ResponderEliminar
    26. Fiquei de queixo caido com a sincronicidade do texto com a poesia. Penseique era tudo teu, de tao harminico tudo.
      Sempre inteligente, acima da media, grande garota. Nao estou participando da blogagem, meufolego esta curto para tanta coisa , obras em casa no momento, fora todo o de sempre.
      Beijos,
      Cam

      ResponderEliminar
    27. Luma querida!
      Esqueci completamente, como disse a Chica!
      Ando envolvida com outras coisas e realmente não me dei conta do dia 08. E, olhe, não costumo falhar...rss... são as mudanças!!!
      O seu post está lindo. Eu adorei.
      Um beijo grande.
      Astrid Annabelle

      ResponderEliminar
    28. Amo poesia, aprendi à gostar no terceiro ano do segundo grau. Tive um ótimo professor de literatura, feinho que dói mas quando recitava poesias ficava tão lindo. Bom, eu não me apaixonei por ele, mas conheço várias que sim.
      Eu nunca lembro dessas campanhas :/. Vou fazer um esforço.

      abraços

      ResponderEliminar
    29. Luma querida, ao invés de esquecer eu doei meus livros. Estou adquirindo outros. Tenho a vantagem de trabalhar em uma biblioteca e leio as novidades.

      Teu escrito foi de um encanto peculiar a sua forma de exposição. Sempre misteriosa até mesmo na escrita, digno das pessoas de escorpião.

      Dá uma passadinha por lá para que você veja as gurias.

      Beijos!

      ResponderEliminar
    30. Oi Luma! Gostei demais da maneira como mesclou os textos! Muito lindo!

      Ah, a árvore de Luma está perdendo as flores e folhas, logo estará parecida com a do seu site. Tirarei outra foto e mandarei, rsrsr. Beijos!

      ResponderEliminar
    31. Luma:
      Palavras lindas para dizer "Como esquecer um livro..."

      Uma pena. Não participei. Vou paricipar no próximo.
      Beijos.
      Anny.

      ResponderEliminar
    32. Luma:
      Pensei melhor.
      Vou doar um livro para minha professora de Pilatis.
      "A menina que roubava livros"

      E na próxima, vou esqueçer e fazer um texto.
      Certo?
      Beijos.
      Anny.

      ResponderEliminar
    33. Oi Luma.
      É difícil se desfazer de antigos romances, especialmente aqueles impressos em forma de livro, frequentemente mais fiéis do que os de carne, osso, beijos e lágrimas. Sorte de quem encontrou o novo amigo. Quiçá, um novíssimo amor.
      Um beijo e parabéns pelo desprendimento.

      ResponderEliminar
    34. Oi Luma!
      Muito obrigada pela ajuda!
      O problema que tive foi o template que deve ter vencido:) Ainda não consegui personalizar o meu e nem ser ponto com, então uso os disponíveis na web.
      Não sei fazer o que vc sugeriu:) Se puder me ajudar eu agradeço.
      E que maravilha vc ter respondido ao meu chamado de ajuda, assim conheci seu blog que é tudo de bom, muito bem escrito e faz bem para a alma:)
      Obrigada!!!
      Beijos e uma ótima noite

      ResponderEliminar
    35. Oi...poetar, versejar...poemar...criar, inventar, produzir...sorir, viver, escrever...
      Ahh...bom demais doar livros...esquec~e-los em alguma praça...
      Um abraço na alma
      Beijo

      ResponderEliminar
    36. Oi Luma!

      Saudade de ler você minha linda, saudade do mundo blogueiro, sério mesmo. Aos poucos, volto. E, como sempre, "viajo" no textos seus. Gostei muito, muito memo.

      beijo grande com carinho,

      ResponderEliminar
    37. Luma, eu sou oito ou oitenta para livros : fico num apego tátil com eles , num registro dos meus caminhos emoldurando , sei lá, minhas consequências . Tenho livros em cada canto da casa muitas vezes enfeitando os locais como se fossem plantas ornamentais ou "ser" parecido. Pedem que eu me desfaça e o que eu faço é desfazer móveis e espantos e colocar a casa a servi-los como quando comprei uma enciclopedia enorme e nem tinha lugar para colocar . Fui trocando piso, parede, tinta e planejando móvel, tudo para que ela ficasse a vista . No contexto oitenta , eu vou emprestando meus livros para os amigos e eles nem me devolvem a ponto de decretá-los como perdidos( os livros, rs)
      Acho a idéia do perdimento incrível. Eu gostaria de achar o do Veríssimo . Aliás vou comprar , pois não vou conseguir viver em paz se não comprá-lo para mim e não nomeá-lo o presente da vez para os próximos aniversariantes amigos.
      Luma, como bula, li cada pedacinho do post achando tudo muito lindo e necessário. Preciso de umas vitaminas de texto bom para ficar "mais fortinha", rsss
      Beijos, desculpe a tagarelice

      ResponderEliminar

    Tenha identidade, não seja anônimo na web. Crie sua identidade virtual.

    ...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

    PlagSpotter - duplicate content checker tool
    Licença Creative Commonsget click

    Algumas coisas não têm preço


    finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
    finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
    Verificar conteúdo duplicado

    Me leve com você...

    Leia o luz no seu celular

    Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

    Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

    Leia mais para produzir mais!

    Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor