Direitos Humanos - um mundo, uma vida

liberdade

Este tema é tão vasto que abrange desde as pequenas ações, como dizer um "obrigado", como também ações de feitura grandiosa, aquelas que em consequência da globalização, instantaneamente mudam de continente - As distâncias diminuiram e estamos mais perto da notícia. Nesse atravessar de fronteiras, as culturas são expostas, como também os interesses econômicos, humanitários e políticos.

Existe, porém, um fator que mesmo com todas as barreiras vencidas, nunca será quebrada - A barreira da fé.

Existem os falsos crentes e pregadores de teologia, que se utilizam da fé para espalhar mentiras e o ódio, consequentemente a intransigência entre alguns povos.

É impedida a revolução das idéias, sangue é derramado e o diálogo torna-se quase que impossível - a irracionalidade no desprendimento do mundo real e a privacidade dessas religiões, que insistem em viver aparte, dando ao crente uma proteção não real. Esses crentes são explorados na fé e os teocratas dementes, acusam a ciência e tecnologia de desvirtuarem seus valores.

A comunicação é dificultada e o poderio bélico subjulga a humanidade. Suicidas, homens e mulheres bombas, que entendem suas vidas como um carma - No meu entender, o único carma foi terem nascido no lugar errado. Essa fé que não respeita os direitos humanos e a sobrevida na terra.

Estará o homem sendo respeitado no seu direito de escolher a quê acreditar?

Um grande passo nesse sentido foi a derrubada do muro de Berlim, antes disso, mais de dois terços do planeta era recoberto por um manto negro, em que a falta de liberdade religiosa demonstrava a falta de ruptura do ser humano com a sua crença religiosa.

A fé não precisa ser associada a existência de Cristo, mas repararem nos anos que se passaram, nesses dois mil anos após seu nascimento; ouro, terras, dinheiro, qualquer bem de valor, algum dia foi doado para uma religião.

Vale ressaltar que nos países de maiores riquezas, a fé coincidentemente com a pobreza andam de mãos dada. Países do primeiro mundo são os maiores beneficiários. Lucra-se com a fé e a pobreza.

bushdalai lama

Nos últimos tempos, o governo comunista e ateísta, apela estranhamentes para a fé dos tibetanos. O Tibet está em vias de extinção. Tibetanos extremistas poderão se sentir livres para recorrer ao terrorismo, haverá caos e sangue.

Que o diálogo sobre os Direitos Humanos, exija do governo chinês, respeito e proteção a identidade cultural e religiosa do povo tibetano.

Este texto faz parte da blogagem coletiva sobre os direitos humanos, idealizada pelo Sam, do Fênix ad eternum. Participem!

direitos humanos

Aqui vai o meu protesto contra o governo chinês.

Falaram sobre o assunto: Menina Malvada, Jacky e Wind, Roseane, Lino Resende, Rigon, Jackie, André L. Soares, André Raboni, Fernanda, Looking4good, Eduardo P.L., Amigona, Fábio Mayer, Elsa Nyny, Alice Valente Alves, Luci Lacey, Maria Augusta, Kaos, Ronald, Veridiana Serpa, Alma Azul, Chicoelho, Ceci, Meiroca, Silvano Vilela, Neptuna, Chuvinha, Dragon Fênix, Andréa Motta, Dácio Jaegger, Adriana, Caco, Jonice, Marie, Fátima André, Isabel Salema Morgado, Juca, Lita, Pedro Fontela, Muffi, Cármen Neves, X-men, Andre Wernner, Naked Pat, Carlos Fran, Wanderley Garcia, Maria Lagos, Luz Dourada, Rosana e Gladys, Peanut, Olavo, Larissa Tietjen, Mei & Chihiro, J_Rosário, Aline Silva Dexheimer, Didgio, Claudia Donadel Kuser...e quem mais chegar!

Além dos participantes da blogagem coletiva, não pude deixar de registrar aqui, os blogues amigos que não participaram da blogagem coletiva, mas que muito bem falaram sobre os direitos humanos.

21 comentários :

  1. Betha07:03

    Oi Luma!!!
    Estou passando para te desejar uma ótima semana. E sim..eu amoooooooo o Oswaldo Montenegro..e confesso que é amor antigo, risos, começou na época dos festivais (td bem que eu era uma meninaaa, mas já tinha bom gosto..risos). E pra completar casei com alguém chamado Oswald.Um abraço!! Betha

    ResponderEliminar
  2. Chuvinha08:27

    Abordagem importante e diferente.Muitos temem falar em religiao. A religiao tem semeado odio e dividido as pessoas. Bom dia!

    http://blairponjinha.blog.uol.com.br/

    ResponderEliminar
  3. Obrigado pela divulgação da minha blogagem. Quanto à China, enquanto for o maior mercado do mundo só nos resta protestar. Duvido que alguém mexa uma palha que seja.

    ResponderEliminar
  4. Obrigado pelo seu texto que consegue conjugar, na minha perspectiva, mente e alma, coração e cérebro.
    E, muitas vezes, parece que é isso que falta nas religiões: a conjunção entre a vida material e social e a vida espiritual. Mas não pela religião original, pelos líderes que, à medida que o tempo passa, acham que percebem mais que os demais.

    A religião é causa de concórdia e de discórdia, ou pelo menos deveria ser.
    E, sem dúvida, o extremismo é um dos maiores malefícios da existência humana.

    ResponderEliminar
  5. Pelo menos no Brasil nós temos liberdade religiosa, mas nós temos turismo sexual infanto-juvenil. Portanto, lá como cá, direitos humanos violados há.

    Parece que o governo chinês, em 1995, prendeu um garoto de 6 anos (está preso até hoje) por ele ter sido reconhecido como a reencarnação de uma importante figura tibetana. Como que alguem tem coragem de cometar um ato tão nojento desses? Realmente é de revoltar essa situação do Tibet.

    ResponderEliminar
  6. Oi, Luma!

    É realmente impressionante como pessoas inescrupulosas utilizam a fé dos outros como forma de subjugação. Estamos em 2007, o mundo evoluiu bastante em termos tecnológicos, mas a mente do ser humano ainda alimenta idéias egoístas e mesquinhas dos tempos antigos. Essa questão religiosa sempre existiu, desde a época do Egito Antigo, quando os sacerdotes utilizavam a doutrina que pregava a existência de vários Deuses e encobriam os acontecimentos com um véu de misticismo e superstição como forma de obter prestígio através da ignorância e, conseqüentemente, do medo do povo. E infelizmente, vemos isso acontecer hoje em vários países do mundo, com inúmeras religiões que se alimentam da ingenuidade e boa vontade das pessoas, que, convivendo com tantas formas equivocadas de fé, acabam caindo no fanatismo, que gera atitudes extremas como o terrorismo...

    Bjos e parabéns pelo post!...

    Adriana

    ResponderEliminar
  7. Infelizmente Fé e religião já viraram "moeda" a muito tempo. AH, FIZ UM POST AGRADECENDO O MIMO QUE VOCE ME DEU (blog cabeça). Dá uma olhadinha la no meu blog. Bj

    marcelo henriques

    ResponderEliminar
  8. Além dos Direitos Humanos, faz tempo que o mundo precisa de Humanos Direitos.

    Abraços!!!

    ResponderEliminar
  9. marcia18:13

    Infelizmente amiga, os valores que realmente importam, são deixados de lado quando se fala em dinheiro e poder... Uma linda semana para você! beijocasssss

    ResponderEliminar
  10. Nossa, Luma! Eu náo sabia nada disso que está acontecendo no Tibet. Tomara que algo seja feito, mas o governo chinês não respeita os direitos humanos já há muito tempo e não acho que comecem agora... :-(

    ResponderEliminar
  11. Luma,

    parabéns pelo tema dessa sua postagem.

    Bjs

    ResponderEliminar
  12. Sabe o que eu acho, Luma?
    Acho que para Direitos Humanos, vale uma frase que uma amiga muito querida usa bem no início do seu template:

    "Porque a mente é como um paraquedas só funciona depois de aberta (Frank Zappa)"

    Não só por que eu adore Frank Zappa e The Mothers of bla bla bla, mas porque acho que o dia que tivermos as mentes abertas, não precisaremos mais nos preocupar em reivindicar direitos e nem cobrar deveres. Todos eles fluirão naturalmente...
    Um beijo!

    ResponderEliminar
  13. Querida,

    DEBA, pra vc lá no blog.

    Daqui eu espero muita criatividade.

    Abraços

    ResponderEliminar
  14. olá
    estive na conferencia publica se ss dalai lama em lisboa

    :)

    beijos boa semana

    ResponderEliminar
  15. Governo e Religião sempre andaram lado a lado, manipulando de acordo com seus interesses

    ResponderEliminar
  16. OLÁ, LUMA, OBRIGADA PELA VISITA AO Viver Melhor. // A questão da exploração de uns por outros, na humanidade se torna cada vez mais patente, está também ligada ao grau de ignorãncia, que fundamenta o medo, a inibição, diante de "poderosos" Felizmente, a natureza está se encarregando de fazer revoluções, não é verdade? Abraços, abraços

    ResponderEliminar
  17. Gostei dessa abordagem destacando a fé e as religiões! Há muito que deixei de crer nas "religiões". Mantenho minha fé, mas na vida, nas pessoas, na possibilidade de que ainda poderemos ter um mundo mais tolerante, complacente e humano!

    Mas como alguns aqui já disseram, o Poder advindo da riqueza é o mal por trás disso tudo. Aqueles que detém o Poder se consideram acima do bem e do mal.

    Aproveito para fazer coro às suas palavras e também deixo aqui meu protesto contra o governo chinês!

    Beijão! Fique bem!
    Juca

    ResponderEliminar
  18. Luma, vc já recebeu o email com seu amigo secreto? Até agora o meu não chegou... e estou louca pra saber quem é! Esperei o dia inteiro e até agora nada! VOu pirar. :-))))

    ResponderEliminar
  19. meire06:25

    Poxa to atrasada, tenho que comentar hoje, ontem nao consegui.
    Tomara que consigamos fazer com q cada um que leu nossos posts pelo menos PENSE.

    Um beijo

    Meire

    ResponderEliminar
  20. Oi, Luma.

    Isso é chamado por alguns teóricos de identidade reativa. Ou seja, num mundo de tanta instabilidade e fluxos comunicacionais (globalização), as pessoas sentem a necessidade de se apegar a algo mais fixo, a tradição, defendendo-a de todas as influências externas. Assim, surgem os fundamentalistas, que são capazes de fazer loucuras em nome da fé.

    Boa semana. Abraço.

    ResponderEliminar
  21. caco3615:44

    Oi Luma,Obrigadaço pela visita.Pois é;a fé e o poder andam de mãos dadas;são armas poderosas que alguns políticos e religiosos usam como manipulação de massa.
    Eu não falo apenas na religião,mas num contexto geral,pois você precisa ter fé toda hora e acreditar num mundo melhor,acreditar que um dia seremos merecedores do nosso habitat,acreditar que aqueles com fé(dem mais),um dia serão tocados pela deusa da sanidade,e sem a venda enxergarão as barbáries que fizeram em nome de uma fé fundamentalista e arbitrária.
    Mas mesmo assim ainda tenho fé.Imagine all the people living life in PEACE...

    ResponderEliminar

Tenha identidade, não seja anônimo na web. Crie sua identidade virtual.

...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

PlagSpotter - duplicate content checker tool
Licença Creative Commonsget click

Algumas coisas não têm preço


finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
Verificar conteúdo duplicado

Me leve com você...

Leia o luz no seu celular

Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

Leia mais para produzir mais!

Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor