Vi por aí!

Vi no Blogue Bicha Fêmea da Lidiane Vasconcelos o sorteio de uma camiseta da ONG - Viva Melhor, que vem a ser um centro de Apoio a mulher mastectomizada. Para concorrer, basta deixar um comentário no post do Bicha Fêmea até o dia 28, constando e-mail e pronto! Você estará ajudando a divulgar esta sociedade civil que tem finalidade assistencial, sem fins lucrativos para reabilitar mulheres mastectomizadas - dando apoio estético, físico e emocional.

Vamos ajudar esta instituição que minimiza sofrimentos, orienta e informa, que integra a mulher mastectomizada à família e à sociedade. Se você mora em Santo André ou São Bernardo do Campo pode se voluntariar! Em Breve, nova unidade em Diadema! Que se espalhe!

Quer ganhar um exemplar do livro "Perseguição Digital" autografado pela autora? Acesse o Blogue da Elaine Gasparetto e veja as regras de participação! Conforme exposto no banner, a inscrição vai até o dia 10/06/2010 e o sorteio será no dia dos namorados!

Hoje é dia de blogagem coletiva em que o assunto é Bullying! Quem promove é a Ana Karla do blogue Misturação! Para quem caiu de paraquedas no mundo adulto e não sabe o que é bullying, participe da blogagem, pelo menos lendo para se inteirar, saber como identificar sintomas nas crianças que praticam ou sofrem com estes ataque e como fazer para ajudá-las.

Infelizmente não tive tempo para escrever um postezito sobre o assunto, mas gostaria de destacar a importância do carinho e atenção dedicados às crianças. A agressividade infantil em geral começa dentro de casa e se quer ver o seu filho sem problemas, até mesmo de aprendizado, ensine a ele o caminho do amor! Quem recebe amor, dá amor! Não damos ao outro aquilo que não temos, o que não é explorado, não é desenvolvido e amadurecido!

Gostaria de indicar a leitura da reportagem apresentada no programa Papo de Mãe/TV Brasil, pela jornalista Mariana Verdelho e que teve como entrevistado Rubem Alves.

Bullying: entrevista com Rubem Alves

Descontraindo...
Também vi no blogue do programa Papo de Mãe, a widget para twitter, desenvolvida pelo Kadazuro!
Lindinha, né?
Vai lá pegar o código e configurar a widget nas cores de sua preferência. Ela só aparece direitinho na sidebar, aqui no post fica essa coisa!

Em breve a Ediouro estará com novo portal e até que saia do forno, oferece como distração para os leitores que já estavam acostumados com o conteúdo, informação e cultura, oferecidos no antigo portal e também para aqueles que agora chegam, o "Concurso Cultural Livros que Mudam Vidas".

Para participar é super simples - Eu diria para os preguiçosos que tudo é a base do clique! (rs*). Entre no site e sinta-se respondendo: "Que livro mudou a sua vida?" - imagens de livros já consagrados pelo grande público serão apresentadas para ajudar na sua escolha e se o livro da sua vida não estiver ali, digite no espaço abaixo, o título do livro que, se não mudou a sua vida, que tenha mudado algum pré conceito. Abaixo, justifique a sua resposta pois ela lhe dará a chance de receber 60 livros + a assinatura da Revista História Viva.

Depois da etapa acima, aparecerá na tela opções de 36 biblicotecas pré-listadas, que você indicará para o recebimento de uma doação de 210 livros. Se a sua biblioteca não estiver ali, digite abaixo o nome da instituição que deverá ser uma biblioteca com atendimento ao público, sem cobrança de entrada. Ao final do concurso, a instituição que receber mais indicações, receberá um bônus de mais 210 livros.

Preencha o cadastro e pronto! A data limite de participação vai até 7/6/2010.

"Um livro pode mudar a sua vida. Mais de mil livros podem mudar a sua e a de muita gente". Participe!

A blogueira Teresa Abreu, está participando de um concurso literário em Paris, chamado "Paris en toutes lettres" (Paris em todas as letras). Gostaria de pedir que votassem em seu texto, neste link. A votação é simples - basta clicar em 'voter' e adicionar seu e-mail para confirmação do voto!

Leia o texto original: Cuatro piernas y un corazón... brisé ou a traduçãoem português: Quatro pernas e um coração... quebrado

Já havíamos dançado antes, você perguntou minha origem, eu respondi às suas breves perguntas enquanto dançávamos. Naquela noite, você me convidou de novo, e lembrou que eu sou brasileira. Conversamos ainda menos do que da primeira vez. Não tínhamos maiores curiosidades sobre o outro. Estávamos ali para dançar. Mas algo aconteceu. O tango foi entrando na veia, os acordes foram dominando. Verdade que aquela foi uma prática fora do habitual, pois havia uma orquestra. Normalmente, dança-se ao som de um CD player de qualidade pra lá de duvidosa. A orquestra nos transportou. E os nossos corpos se aproximaram, nossos pés encontraram seu compasso e nós comungamos a magia do tango argentino.

Para mim, surpresa total. Encantamento. Você não sabe, mas eu sou um espelho: o meu comportamento reflete o meu estado de espírito, para o bem e para o mal. Você percebeu o meu transportamento e também se deixou levar. Tanto que não quis dançar com mais ninguém naquela noite, só comigo. E quando anunciei minha partida, você pediu o número do meu telefone. Combinamos nos encontrar para dançar, e assim foi. Quando nos reencontramos, o fenômeno se reproduziu. Na verdade, você encontrou o jeito de me conduzir, e eu encontrei o jeito de te acompanhar. Eu não te estranhei (mesmo que não te conheça), não achei repugnante nem invasivo o contato estreito dos nossos corpos, colados das bochechas às coxas. Você estava feliz, e eu também. Christian disse que foi bonito nos ver dançando.

Mas então, tal qual num conto de fadas, o encanto foi quebrado, estilhaçado em pedaços. Na ânsia de repetir a magia, eu te passei uma mensagem no celular falando sobre o curso de eletrotango. Talvez esperando a mesma transcendência, você me telefonou dizendo que iria ao curso. Mal sabíamos... Lá não éramos quatro pernas em passos unicórdios. Éramos uma dupla aprendendo uma nova figura. E você não compreendeu de imediato. Quando pedi à assistente do professor que te esclarecesse, o seu sangue ferveu. O meu coração gelou. A partir daí, você era todo críticas. Criticou o professor, acusando-o de ser muito argentino, enquanto você mesmo estava sendo exageradamente francês. Acusou-me de falta de equilíbrio, de eixo, de noção de diálogo corporal (ça alors!!!). Exasperou-se. Imediatamente compreendi que o “nós” tinha chegado ao fim. As doze badaladas soaram e tudo voltou ao seu estado natural, ou seja, nós voltamos a ser duas pessoas estranhas uma à outra. Tudo o que sabemos é o prenome e o número do telefone celular. Com a cabeça regada do champanhe do 31 de dezembro, ainda te mandei uma mensagem de feliz ano novo, que você só respondeu dois dias depois... às três horas da madrugada.

Depois, silêncio. Repetir aquela magia virou uma obsessão, uma necessidade física, como quando a gente come e mais tarde volta a ter fome; ou quando acorda de uma noite bem dormida e no fim do dia tem sono de novo. Para aplacar a falta da “nossa” comunhão, saí todas as noites, percorrendo as milongas de Paris, em busca de outro parceiro que me levasse àquele êxtase. Em vão.

Des jours heureux!!

33 comentários :

  1. Tb estou participando desse movimento de comentar mais no blogs, afinal todo e qq blogueiro qdo escreve no seu blog, tem a expectativa que as pessoas deixem comentários sobre o assunto escrito não é mesmo?
    Big Beijos

    ResponderEliminar
  2. Luma, a carapuca serviu. :-))) Eu sou uma que gosta de ler e não comenta. Hehehe. Vou tentar mudar isso.
    Bjs!

    ResponderEliminar
  3. Luma, que post rico esse. Não vou participar da blogagem coletiva, pois estou sem tempo, mas amanhä volto pra visitar os links e ler tudinho, assunto muito interessante, espero que alguém tenha escrito sobre o assédio no mundo adulto também.
    Acho que não tem como compartilhar pro meu blog o seu post, mas vou enviar pro facebook, pois está muito util e interessante.

    Valeu por dividir essas ideias com a gente.

    Beijo

    ResponderEliminar
  4. Luma, que post rico esse. Não vou participar da blogagem coletiva, pois estou sem tempo, mas amanhä volto pra visitar os links e ler tudinho, assunto muito interessante, espero que alguém tenha escrito sobre o assédio no mundo adulto também.
    Acho que não tem como compartilhar pro meu blog o seu post, mas vou enviar pro facebook, pois está muito util e interessante.

    Valeu por dividir essas ideias com a gente.

    Beijo

    ResponderEliminar
  5. Gostei das dicas, principalmente do movimento comente mais. Quando escrevemos é pq queremos interagir e sem os comentários, como haverá essa interação?!

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  6. Boas dicas. Vou aderir à campanha dos comentários e com uma razão a mais: passei algum tempo só escrevendo e lendo, mas não comentando. Agora, estou voltando, também, aos comentários, às conversas nos blogs que gosto. E vou, com certeza, descobrir novos.

    ResponderEliminar
  7. Eu adoro comentar, fui la no Blog das Gurias, comentei e levei o selo da campanha. Muito interessante também o sorteio do Bicha Fêmea, uma causa mais que nobre a que ela está divulgando. Sabe que até pouco tempo eu não sabia o significado do termo Bullyng, mais ultimamente ando lendo bastante sobre isso nos blogues.

    P.S
    Quero muito ganhar esse livro PERSEGUIÇÃO DIGITAL que minha amiga Elaine está promovendo. Bom o livro, boa a promoção e o blog da Elaine: ÓTIMO.


    Beijos
    Mah

    ResponderEliminar
  8. Mesmo não participando, a tua participação acaba sendo sentida...

    Fique com Deus, menina Luma.
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  9. Olá Luma é muito bom comentar nos blogs dos amigos. Quando vou visitar aos blogs, gosto de comentar é bom se interagir um com outros.
    Sobre os livros, amo ler( novidade né rsrs...)
    Gostei muito das promoções, mas dessa vez não irei participar, mas em todo caso passarei no blog que vc indicou para dar uma lida.
    Beijinhos a vc!

    ResponderEliminar
  10. LUma
    Quanta coisa boa e algumas já estou participando e melhor ainda nos deliciar ao final com este texto maravilhoso da Teresa Abreu.
    Beijos

    ResponderEliminar
  11. Muito boa as dicas, sobretudo da blogagem coletiva sobre o "Bullying" que infelizmente está fazendo parte do dia a dia de muitas escolas brasileiras.
    Abraços,
    Janeisa

    ResponderEliminar
  12. Luminha querida!
    Você me mantém ligada, menina! O pessoal está animado promovendo blogagens... Adorei o texto, repetir magias são necessidades básicas que temos e que nos fazem ir em frente. Pena que muitas vezes estes momentos mágicos não voltam mais, por isto mesmo são mágicos!

    Beijos!

    ResponderEliminar
  13. Puxa, muita informação nesse post, gostei.

    Luma, desde a primeira vez que entrei num blog, fui logo comentando, se gostar do texto , não só leio como comento, bacana essa iniciativa. pena que não tenho muito tempo para sair por lendo e comentando.
    Vou ver o código do twitter.
    Adoro bibliotecas, livros, nem sei dizer que livro mudou minha vida.
    Muito bom um post em que coloca vários links, gerando tráfego para outros espaços.
    Bjos

    ResponderEliminar
  14. Luma,

    Vou tentar acompanhar a coletiva sobre bullying, este é um tema que deve ser discutido, assim como merece ser acompanhado com seriedade por todos.

    Abraços.

    ResponderEliminar
  15. Sabe, amiga, a blogosfera está reluzindo, cada dia tem uma nova idéia ou sugestão. Basta que fiquemos atentos a posts como o seu, cheio de dicas legais.
    bjs cariocas

    ResponderEliminar
  16. Bacana essa ideia de comentar mais. A questao é tb ler mais, como falamos uma vez. Tem gente que passa para dizer um oi , ok legal. Mas tem gente que dialoga com o que a gente escreve e essa é a delicia de ter um blog, para mim,claro. Vou entrar no site da mastectomia, acho esse assunto tao sensivel, mexe tanto com a mulher, o apoio é realmente bem importante. Sobre o assunto bulling.
    nao sei se sempre existiu sem esse nome, ou se a coisa esta piorando nas escolas. Tema bem serio mesmo.
    Beijos querida,
    Cam

    ResponderEliminar
  17. beijos e bom dia!

    Se amar-te foi um pecado,
    então já estou sentenciado.
    Meu corpo já não me pertence,
    minha mente foi subjugada,
    pertinaz, só tenciona ter-te.
    Espero de Deus, apenas piedade
    quando penitente eu morrer de amor
    tenha da minha dor, compaixão
    e absolva o espírito deste homem
    que em desatino para ti entregou:
    o corpo, a alma e o coração!

    Valter Montani

    ResponderEliminar
  18. Luma, a maioria dos blogs, hoje, nao está sendo mais visitado e nem comentado, como antigamente. Parece que algo mudou.Uns dizem que a culpa é do Twitter. Outros, do facebook.
    Nao sei ao certo.Sei que anda tudo muito estranho.
    Mas, esse lance de comentário ´´e complciado.Tem gente que fala OI e acha que comentou.tem outros que calam e nada falam.Outros que sao visitados, comentados e nunca nos dao um OI. Eu, pelo menos, deixei de visitar a quem nao me diz nem um OI.Esse lance de masoquismo nao é comigo.
    Mas, honestamente falando, esse lance de campanha por comentários, nao vou aderir nao!
    Além do que, eu , também, ando estressada, divulgando meus trabalhos e cuidando da minha viagem à África. Pois quando ponho na cabeca de ir para lá, preciso de meses para captar recursos...
    Ah, tenho conseguido apoio de pessoas que passam pelo blog, outras que já me conhecem de logna data.
    Enfim...a vida continua..
    bjs e dias felizes!!

    ResponderEliminar
  19. Eu sempre comento, se gostar... se não achar bobagem... se tiver tempo...e se tiver algo a "acrescentar". Esse lance de só dizer "parabéns, ficou ótimo" é clichê demais pro meu gosto. E vazio.

    Por enquanto, não curto blogagens coletivas. Não condiz com a minha realidade. Mas apoio a ideia.

    Sobre bullying, a psicóloga Lila do blogue "Conversando com os pais" publicou um texto coerente e esclarecedor:
    Bullying. É preciso levar a sério!

    Um abraço,
    Michelle

    ResponderEliminar
  20. Bacanérrimo seu post Luma! Já fui me inscrever pra ganhar livros;uau! ai se eu ganho! vc é a blogueira mais antenada e generosa que eu conheço, sabia? beijos

    ResponderEliminar
  21. BElo giro pelo mundo blogueiro minha amiga LUma!!

    Gostei e apoio a campanha de se comentar mais nos blogues e da campanha do Blog femea!!

    bjs e tenha um otimo final de semana!!

    ResponderEliminar
  22. Luminha:
    Acertaste em cheio!
    É difícil comentar quando se vive a correr. É difícil ser dona do meu tempo.
    Grande abraço

    ResponderEliminar
  23. Nossa, que delícia!!^^

    Bom, já está mais que votado!! Merece sim o meu voto!! =D

    Já estou vendo todos os esses link's e adorei o #movimentocomentamais!

    Pena que perdir a blogagem do Bullying, é um tema importantíssimo e precisa ser abordado. POis nós, família, precisamos conhecer e ajudar!

    Luma é sempre muito bom vir aqui!

    Beijos querida!

    ResponderEliminar
  24. Oi Luma,
    querida, respondi o seu comentário lá no meu blog ok?
    Bjs carinhosos pra você e lindo final de semana.
    Márcia

    ResponderEliminar
  25. Votei na Terèse...

    Já deixei de participar de vários blogs por não ter tido o recíproco comentário...
    Também já escrevi a respeito, aí desisti...
    Às vezes a gente entende, às vezes não...

    Bjs.

    ResponderEliminar
  26. Tenho sincera admiração por seu fôlego na prestação de serviço e no lirismo vindo via texto tão envolvente quanto intrigante, posto haver no próximo e no distante o envolvimento da magia.
    Cadinho RoCo

    ResponderEliminar
  27. Olá, Luminha, a moça de pezinhos e pernas tão lindos.
    Voc~e é a minha referência de blogueira-cidadã. E por estar sempre antenada no que vai pelo mundo virtual, sempre trás dicas preciosas para nosotros que não temos este seu dom.
    Fiquei particularmente interessado na campanha das bibliotecas. Inclusive queria participar doando exemplares do meu livro para bibliotecas públicas ou que disponibilizam seus acervos para a sociedade.
    Sua postagem, como de hábito, é maravilhosa.
    bom final de semana. Carpe Diem. Aproveite o dia e a vida.

    ResponderEliminar
  28. Bonito blogue, uma boa prestação de seviços e o texto muito interessanta. Tem coisas que nos viciam mesmo.
    beijos

    ResponderEliminar
  29. Luma, quanta informação hoje aqui no seu espaço!
    Eu costumo na maioria das vezes deixar um comentário quando visito um blog. Me sinto culpada por não dar meu feedback e deixar pelo menos uma palavrinha... (risos)

    Obrigada pelas adoráveis palavras sobre o meu netinho Daniel. Ele é mesmo muito lindo! (falando a vovó coruja)
    Beijos.

    ResponderEliminar
  30. Luma,

    A campanha em prol de comentários nos blogs é válida. Os comentários são uma espécie de tornômetro para o que escrevemos. E independe se as opiniões são favoráveis ou contrárias, o importante é que os leitores escrevam o que acharam.

    Irei visitar o site do Portal Ediouro. Quem sabe eu não ganhe o concurso e leve os livros (rs).

    Beijos, Luma, e ótimo final de semana.

    ResponderEliminar
  31. Luma
    tanto assunto bom ,mas o de qual o livro que mudou sua vida é muito interessante
    com carinho Monica

    ResponderEliminar
  32. Gostei muito deste teu post e de toda a matéria. Comentar ou não comentar os blogues, respeito em absoluto, mas o que me irrita mais é virem dizer: gostei muito do blog, visite o meu, ou seja publicidade gratuita.

    Beijos e um bom fim de semana

    ResponderEliminar
  33. Consegui Luma!
    Olha só, você arrasou nesse post. Informou, inovou e acrescentou.
    É muito bom termos os comentários pois com eles crescemos também.
    Foi muito gentil.
    Xeros amiga!

    ResponderEliminar

Tenha identidade, não seja anônimo na web. Crie sua identidade virtual.

...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

PlagSpotter - duplicate content checker tool
Licença Creative Commonsget click

Algumas coisas não têm preço


finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
Verificar conteúdo duplicado

Me leve com você...

Leia o luz no seu celular

Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

Leia mais para produzir mais!

Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor