Bocejar


Saí cedinho e só agora cheguei! Vim bocejando pelo caminho...é curioso o porquê de bocejarmos, é curioso o efeito dominó do bocejo. Daí a gente brinca, boceja de brincadeirinha pra saber qual a pessoa seguinte que também cairá na tua. Fiquei curiosa! (curiosa já é um estado) e fui saber do bocejo: "É uma forma de ativar o cérebro e evitar o sono"
Ao bocejar, o segundo e o terceiro ramo do nervo trigêmeo (um dos nervos da face) são ativados, estimulando o cérebro. O mesmo efeito pode ser obtido mascando chiclete. O único mistério é o fator epidêmico do bocejo. Ninguém sabe porque as pessoas bocejam quando vêem outras bocejando.
Basta que alguém boceje ao nosso lado (ou até que simplesmente vejamos uma fotografia com alguém bocejando) que nós bocejamos logo em seguida. Mas isso de repetir gestos sei que chama "corporativismo corporal". Quando vemos, ouvimos e registamos no nosso cérebro; as células nervosas processam a informação e atingem em cheio a medula óssea, que transmite os dados de volta ao cérebro e faz com que repitamos o acontecido.
Com algumas pessoas isso também ocorre com tosse ou comichão. Mas, com os bocejos, é praticamente universal. Provavelmente um resquício no nosso inconsciente do que ocorria na idade da pedra, onde os homens das cavernas simbolizavam com o bocejo que estavam cansados. Como a comunidade era muito unida, quando um estava cansado, todos ficavam também. E também o cansaço no meu caso foi construtivo, precisava cair no mundo...



Quem não conhece essas montanhas, eu apresento Campos do Jordão, vista do alto
E já que estamos apresentando...este fazia-me crepes todos os dias.


Agora vamos tratar de assuntos sérios; a Magui me passou uma corrente que não ia responder, porque não gosto de correntes, mas gosto da Magui, então, sabe como é. (rs*)
  • Quatro primeiros empregos: desenhista, recepcionista Infraero, advogada e empresária.
  • Quatro filmes que vejo sem contar: "Era uma vez na América"(1984) de Sergio Leone; "Noites de Cabíria"(1957) de Federico Fellini; "As pontes de Madison"(1995) de Clint Eastwood e todos os filmes do Coppola.
  • Quatro programas de TV: Manhattan Connection apesar dos desfalques, Late Show with David Letterman, Lost e

Adult Swing (desenho animado para adultos do Cartoon Network)

  • Últimos lugares onde estive de férias: Depois que cresci e terminei a faculdade, nunca mais tirei férias.
  • Websites que visito diariamente: Todos os linkados na minha biblioteca pública na coluna lateral
  • Lugares que gostaria de estar agora: No colinho da Mamy, serve?
  • Quem indico: Ózeas, Irene, Julio César e Bee.

    Respondendo a essa corrente, lembrei-me de um fato: No aeroporto uma única funcionária atendia o balcão e tentava elucidar os passageiros que se agrupavam numa longa fila após o cancelamento de um vôo.

    De repente, um passageiro irritado "furou" a fila até chegar ao balcão, atirou o bilhete para cima do balcão e disse:
    - Eu tenho que entrar nesse voo, e tem de ser na primeira classe.

    A funcionária respondeu:
    - Senhor, desculpe, terei todo o prazer em ajudá-lo, mas tenho que atender estas pessoas primeiro, já que elas também estão aguardando pacientemente na fila. Quando chegar a sua vez, farei tudo para poder satisfazê-lo.

    O passageiro ficou irredutível e disse, bastante alto para que todos na fila ouvissem?
    - Você faz alguma idéia de quem eu sou?

    Sem hesitar, a funcionária sorriu, pediu um instante e pegou no microfone, anunciando:
    - Posso ter um minuto da atenção dos senhores, por favor?

    (a sua voz ecoou por todo o terminal) E continuou:
    - Nós temos aqui no balcão um passageiro que não sabe quem é, deve estar perdido!
    Se alguém é responsável pelo mesmo, ou é parente, ou então puder ajudá-lo a descobrir a sua identidade, solicitamos comparecer aqui no balcão de atendimento.
    Obrigada!

    O homem olhou furiosamente para a funcionária, rangeu os dentes e disse, gritando:
    - Vou-te f@%&#...!!!!

    Sem recuar, ela sorriu e disse:
    - Desculpe, meu caro senhor, mas mesmo para isso, vai ter que esperar na fila...

    Bom restinho de semana!
    Beijus

    0 comentários :

    Enviar um comentário

    Tenha identidade, não seja anônimo na web. Crie sua identidade virtual.

    ...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

    PlagSpotter - duplicate content checker tool
    Licença Creative Commonsget click

    Algumas coisas não têm preço


    finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
    finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
    Verificar conteúdo duplicado

    Me leve com você...

    Leia o luz no seu celular

    Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

    Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

    Leia mais para produzir mais!

    Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor