Blogueira Profissional

booger (definição em inglês)
Pense que para ter um blogue, tudo o que você precisa é de um computador, conexão com a internet e pagar uma taxa mensal de eletricidade. Porém para você ser um "blogueiro" genuíno e fazer disso uma profissão, você precisará de muitas outras coisas que ajudarão a moldar esse seu sonho, coisas que vão além de ter o dom da escrita e ser uma pessoa inspirada. Não importa qual assunto você destina seu blogue, tem que estar disposto a ter "opinião" e saber o que acontece ao seu redor, pois à princípio, um blogueiro é formador de opinião. Isso quer dizer que terá que trocar horas de sono ou lazer, por horas de leitura direcionada. 

Adicione entre as prioridades blogueiras, muitas doses de interatividade e simpatia. Depois de um certo tempo você começará a entender que para levar um blogue à sério, isso lhe custará um pouco da sua liberdade. Esse é o preço maior que terá que pagar. Você será exposto, principalmente pelos patrulheiros (as) da blogosfera.

Ser blogueiro é como todo trabalho, você terá que priorizar horários, ou melhor, carga horária e deixará de fazer algumas coisas que gosta, se decidir "ganhar dinheiro" com o seu blogue. E aí, quer ser blogueiro profissional ou quer continuar a manter um blogue por hobby?

O Blogue "Desabafo de Mãe" começou a discussão no facebook, o que gerou o post "O que é ser uma mãe blogueira profissional?', destacando o nicho em que o blogue está inserido. Mas poderia ser um blogue que trata de assuntos jurídicos, moda, literatura, cozinha, tecnologia... a discussão é basicamente a mesma.

Assim posto, perante a dificuldade de alguns blogueiros administrarem seus blogues, surgiram os metablogs para auxiliar e ensinar blogueiros iniciantes. Um metablog nem sempre pertence a um blogueiro profissional, pois muitos deles replicam conteúdo genuínos dos "verdadeiros" metablogs. E tomem cuidado ao instalar widgets de terceiros em seus blogues: Google pode penalizar blogs que distribuem widgets, plugins e templates e consequentemente quem os acata.

A questão de ser mãe blogueria tem um agravo: Criança não espera ou não deve esperar, ainda mais quando têm menos de 03 anos, o que coincide com a abertura da maioria dos blogues maternos.

A Raquel Ramos continuou a discussão, preferindo responder os questionamentos da Ceila em seu próprio blogue - um modo perfeito de aumentar a discussão sobre o assunto, pois levará para seus leitores. Raquel antes de blogar imaginava que para ter um blogue era necessário ser escritora ou jornalista e descobrir que podia ganhar dinheiro com o blogue, foi a cereja do bolo.

Noutro dia, olhando os arquivos da New Yorker, li o que poderia ser o primeiro post do Blog de ​​Jean-Paul Sartre (Sábado, 11 de julho, 1959: 02:07) - Em dado momento, escreve:

"Vou continuar a lutar, pensar que o  trabalho é o único objetivo do homem. Isto é o que a burguesia parece nunca entender. Especialmente aquele caipira M. Picard do n º 11. que cada dia é um "dia de descanso" para um tête de mouton. Como eu gostaria que ele não tivesse um Citroën no jardim da frente! As aparências são sem sentido, mas ainda assim, parecem boas". 

Essa é a deixa para que não se iludam com o que lêem ou vêem na websfera. Nem sempre aquele blogue lindo e aparentemente possante é bem-sucedido, perdendo em resultados para um blogue que aparentemente é simples demais. 

Eu poderia botar muita lenha na fogueira, mas vou lhes contar o que pensei quando li o post da Raquel; Tentei lembrar o que pensei a primeira vez que li a palavra "blog" há mais de dez anos. Outro pensamento me ocorreu: Até os dias atuais, todos os dias, milhares de pessoas ouvem essa palavrinha pela primeira vez, como também microblog (Posterous, Tumblr, Twitter...), vblogging (blogs de vídeo), e outras ferramentas de blogagens menos ou mais conhecidas que transmitem conteúdo utilizando de tecnologia.

Um blogue leva tempo, o bem mais precioso que temos nesta vida e se ele não te dá prazer, melhor fazer outra coisa. Porém é bom colocar na balança os motivos pelos quais deve manter um blogue, que pode ir de um simples compartilhar o que escreve, até querer mudar o mundo. Acha que não estou falando sério? Bem, outra verdade é que todas as pessoas que iniciam um blogue querem que ele dê certo e que seja um sucesso!

Sobre ser blogueiro profissional, existem vários pontos de vistas diferentes e nenhum deles é necessariamente errado. Qualquer blogueiro pode se denominar profissional independente de qualquer opinião contrária. Mas existe um entendimento diferenciado para o que significa "Pro" e basta pensar por um momento, especialmente no que se refere às profissões e empregos em outras áreas para que você tire suas próprias definições. 

Essa definição, blogueiro profissional é portuguesada. Problogger, designa: Profissão "Blogueiro", o que também não quer dizer profissional, mas aquele que tornou o ato de blogar sua profissão. Por isso e por outros motivos, acho o termo "Blogueiro Profissional" incorreto. 

O que você pensa quando alguém diz que fulano é profissional? Concordo com o que pensou, pois respeito os variados pontos de vista. Mas podemos exemplificar o que seria um profissional em várias áreas de atuação. Vamos supor que esse profissional nem sempre tem a sorte ao seu lado, mesmo competente - como por exemplo um atleta que desafia o tempo, está super preparado, mas na hora H não consegue alcançar sua meta. Ele seria desqualificado como um profissional da área esportiva? Poderia ir mais adiante e dizer que nem sempre o fato de ser profissional, trabalhar direito, implica em ganhar dinheiro. Quantos escritores, artistas, cientistas... que atualmente são famosos, morreram pobres?

Voltando ao presente mundo blogueiro... Quais as características presumidas para ser um Problogueiro?

Basicamente ter sua própria rede social em torno do seu blogue. A lista de características pode ser enorme e algumas delas podem soar mais verdadeiro do que outras para você e sua perspectiva. Porém ser bem-sucedido em qualquer profissão, é sustentar a si e sua família com a renda gerada pelo seu trabalho.

Posso contar nos dedos os blogueiros que conheço e que realizam essa façanha. Os outros não seriam problogueiros? Também conheço blogueiros que aparentemente não fazem qualquer dinheiro com seus blogues, pois não usam de propagandas explícitas, banners patrocinados e publieditoriais, mas são comerciantes e usam o blogue como plataforma indireta de receita. Eu adoro a forma como isso funciona! É o desfrute da experiência, do exercício da atividade blogueira.

E como comentei com a Ceila e recortando um trecho desse comentário:

O termo "blogueiro profissional" existe, tenho dito, mas implica outras conotações, sendo a principal, aquele blogueiro que sobrevive com a renda do seu blogue. Mas nas minhas palavras, alguém pode chamar a si mesmo de blogueiro profissional quando bem entender, se assim o faz parecer mais apto a atrair para si rendimentos, mas é a comunidade que finalmente suporta esse título autoproclamado.

E para você, o que é ser um blogueiro profissional?

Se quiser responder em seu blogue como fez a Raquel, sinta-se à vontade. Mas traga o link para mim! :)

Agradecimento ao Jens que em resposta aos meus questionamentos, trouxe uma luz para esse texto e também pela citação de Vinícius de Moraes para o jornalista Antonio Maria: "A noite é grande e nela cabemos todos nós".

Comentaram a postagem em seus blogues: Ronaldo Santos, Sérgio Neves, Bia Reis,

Leia também: 50 dicas para blogueiros iniciantes

O post "Blogueira Profissional" apareceu primeiro em "Luz de Luma, yes party!".

138 comentários :

  1. Faltou as ameaças de outros blogueiros profissionais.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Ci!
      Temos que conviver com essa pressão, infelizmente! Triste os conchavos nas suas costas, as conversinhas te detonando para outros blogueiros. Daí o blogueiro faz questão de te contar... tudo pra te arrasar. Mas a verdade sempre vence!!
      Beijus,

      Eliminar
  2. Bom dia Luma!

    Luma,hoje com agenda apertada, viajarei p/ uma cidade próxima, visitar uma feira comercial/industrial... O assunto é pertinente, tenho um monte de abobrinhas p/ falar/escrever rs. Farei um post como vc sugeriu (até sexta-feira postarei).

    Tenha um dia luz!

    Bjãoooooooo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vou esperar, Bia!!
      Vai lá cuidar da vida!!
      :)
      Beijus,

      Eliminar
  3. Que maravilha de post! Esclareceu-me tantas coisas.. Gostaria de ser profissional, mas reconheço que falta muito. Eu tbm preciso por minha saúde à frente, e isso complica tudo... Vou compartilhar esse post extremamente profissional, rá!
    Bjoka!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Meri!
      Você tem um produto para vender e pode se tornar profissional se manter o foco, mas por enquanto tem que dar prioridade à sua saúde. Cuide-se e volte com força. Dou o maior apoio!!
      Beijus,

      Eliminar
  4. Luma, excelente reflexão. Vou passear com ela durante o dia de hoje e depois respondo. Mas acho que meu blog existe apenas como canal de expressão. Não ganho nada com ele a não ser um arrepio de alegria cada vez que aperto o botão "publicar".
    BJô

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Jô!
      Fique à vontade! Desenvolver o pensamento do povo é a melhor forma de progresso de uma nação! :) Acha demais? Vamos semeando aqui e ali que chegaremos lá!
      Beijus,

      Eliminar
  5. Oi Luma,
    creio que todo mundo com quem "convivo" na blogosfera sabe que entrei nesse universo meio por acaso, já que o blog me foi dado de presente por uma amiga das antigas.A princípio eu não entendia nadica de nada, aos poucos fui ficando mais familiarizada e curtindo muito toda a interação que blogar proporciona.Sou amadora, curiosa, interessada e ativista das boas interações pela web.Tenho um blog, mas não sei se posso chamar-me "blogueira".Uso desta ferramenta como extensão de boas e salutares trocas e espero continuar por aqui enquanto o tempo me permitir, porque é uma satisfação estar interagindo com vc e outros mais através de posts como esses: esclarecedores e instigantes.

    Adoro um bom papo!
    Um ótimo dia pra vc.
    Bjos,
    Calu

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Calu!
      Eu sei da sua história blogueira porque se parece muito com a minha. O meu blogue também foi me dado de presente. Você é uma blogueira, ainda duvida? No seu blogue tem conversação pois você interage e as pessoas sempre voltam, criando em torno dele uma comunidade. O blogue é uma rede social que reina absoluta sobre todos as outras.
      Ótimo dia para você!
      Beijus,

      Eliminar
  6. Primeiro, não posso conter-me de alegria por ter sido citada neste post. Próprio de quem é muito mais "tiete" do que "profissa". Enquanto eu, no meu post, escrevo o que acho e o que penso, você Luma, dá uma aula sobre o assunto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Raquel!
      Devemos valorizar as pessoas que se prestam a demonstrar suas opiniões e contribuir para o desenvolvimento do pensamento coletivo! Obrigada, cosquerídia pelo carinho e ajuda!!
      Beijus,

      Eliminar
  7. Eu concordo com você e ainda diria mais: Para tocar um blog profissionalmente uma enorme dose de paciência e diplomacia deve ser aplicada a equação. Afinal de contas, se você "bota a cabeça para fora" e emite uma opinião sobre algo, querendo ou não, vai desagradar alguém. Com isso, os famosos "trolls" aparecem de todos os lados e vão azucrinar a sua vida o quanto você deixar.

    O mais importante sobre isso é que a força deles é diretamente proporciona a importância que você lhes da. Ignorá-los os mata mais rapidamente eficazmente do que atacá-los ou se defender deles.

    Isso sem falar no ato de que é muito mais difícil tocar um blog profissionalmente do que qualquer outro trabalho "formal". No blog não há staff de apoio, estrutura empresarial que facilite algo e, principalmente, grande porte de recursos para um apoio jurídico eficiente e constante; algo que, dependo do assunto que você aborde, será extremamente necessário.

    Forte abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Arthurius!
      Acho que indiretamente falei da diplomacia quando me referi a simpatia. Quanto a paciência, essa precisamos para todas as nossas ações diárias. Até acho que nascemos para aprender a ter paciência.
      Sou sortuda por não ser trollada, mas no passado surgiu apenas um. Como não ofendo ninguém, quem aqui se manifesta de forma baderneira, se faz por contrariar a si mesmo, ou perde a energia antes mesmo de argumentar. Sei que alguns tipos de postagem, incentivam comportamentos negativos e por isso, prefiro andar na maciota.
      Bem, existem alguns blogueiros que possuem equipe de trabalho, como o Nassif e Juca Kfouri. São jornalistas que se travestem de blogueiros para dar um ar informal aos seus trabalhos.
      Não sei se gostaria de uma equipe, até não gosto muito de escrever em coletivos. Não quero perder a minha identidade blogueira.
      Bom te ver por aqui, Arthurius!!
      Beijus,

      Eliminar
  8. Como é bom aparecer por aqui e ler textos tão bons, reflexivos e voltados a assuntos que muitas vezes passa batido. Esse por exemplo é um tema que nunca parei para pensar. Desde que fiz meu primeiro blog, fiz pensando em apenas ter um canal para expressar minhas opiniões. Até já recebi proposta para me filiar a algumas empresas e ganhar dinheiro mas nunca quis. Até mesmo por falta de tempo e por não querer abraçar um compromisso mais sério. De qualquer forma Luma, seu texto nos faz refletir sobre nossa responsabilidade perante todos uma vez que ficamos tão expostos. Vou pensar com mais carinho sobre isso. Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Roseli!
      Obrigada pelo elogio!
      Acho que não tem como não pensar, já que inauguramos um blogue por algum motivo. Que mesmo sem pretensão, alimenta desejos de ser lido.
      Acredito que a proposta não foi boa e por isso o desinteresse. Muitos blogueiros se prostituem por qualquer coisa e devemos combater esse tipo de conduta.
      Beijus,

      Eliminar
  9. Mais um belo post, Luma! Pessoalmente, acho que não me adapto ao nome "blogueiro profissional"; criei o meu blog para me "forçar" a escrever um texto por semana e ao mesmo tempo passar uma mensagem na qual acredito. Apesar de ter a redação como profissão, aqui ela se torna uma diversão; além dos amigos que me proporciona, claro! :) Bom resto de semana, amiga.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Árabe!
      Estou feliz porque a maioria dos meus amigos blogueiros mantém seus blogues sem propósitos capitalista. Como diria a minha mãe "de amarga basta a vida". Vamos blogar sem ter que pensar em ganhar dinheiro. Deixemos esse ítem para o mundo extra-blogues.
      Beijus,

      Eliminar
  10. Luma, querida, você tirou um peso que eu estava começando a colocar nas minhas costas de blogueira velha de guerra: ganhar dinheiro. Ufa! Obrigada, querida, por me ajudar a resgatar o que eu sou e o que eu gosto de fazer sem a pressão mercadológica. Sem esse peso externo fica mais fácil de me comprometer com aquilo que realmente importa: o público de um blog materno. Gratidão eterna!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Ceila!
      Você pode ganhar dinheiro e tem condições para isso, mas não deve ceder à pressão de outras blogueiras. Eu sei que o discurso é mais bonito que a prática.
      Beijus,

      Eliminar
  11. Amei loucamente esse post! Quanta LUZ! Definitivamente não sou uma profissional, meu blog tem uma função terapêutica em minha vida e não quero o compromisso que "profissionalizá-lo" acarretaria. Ademais, não me sinto segura para tal, especialmente porque meu entendimento acerca da ferramenta blogue se restringe ao botão publicar e a uma ou outra "firula" de layout. Meu prazer é dividir a vivência, no meu tempo (embora me incomodo em passar muitos dias sem postar) e monitorar os acessos, afinal, escrevo para pessoas e muito me realiza verificar que tem gente que lê o que escrevo! hehehe
    bjs bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Marcela!!
      Que bom que gostou! O "Luz" também chegou em minha vida em uma época em que necessitava ouvir outras cabeças pensantes pois estava muito presa ao meu mundo profissional, portanto, trazer trabalho para o blogue é uma coisa que evito. Mas não posso dizer que o blogue não me trouxe trabalho - tenho trabalhos paralelos ao blogue conquistados por ele.
      Quem se sente pressionado para postar, deveria adotar o "Slow Blog". Veja o manifesto na sidebar.
      Muito gostosa essa interação que temos nos blogues. Continue! Eu estou adorando!!
      :)
      Beijus,

      Eliminar
  12. Não sou profissional, e nunca pensei no assunto. Mas quem tem blog quer ter acessos, leitores assíduos e se tiver um lucro financeiro melhor ainda.
    Falando do meu blog. uso pra me aperfeiçoar na escrita, nas histórias, enfim, um treino pra que eu tome a coragem de escrever livros e aí sim, me tornar uma escritora profissional.
    É isso!

    Belo post, como sempre.
    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Clara!
      O profissionalismo vem com a prática. O que acho graça são pesssoas que nunca tiveram blogue, compram domínio, montam uma página e se dizem "Blogueiros Profissionais". Gosto de ver esse povinho quebrando a cara!
      A sua escrita já é bem aceita! Já está na hora de reunir material para o livro!
      :)
      Beijus,

      Eliminar
  13. Oi Luma! Olha eu aqui... quanto tempo! E acolhendo ao seu pedido, escrevi em meu blog. Segue o link http://goo.gl/DOVrVl

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Ronaldo!
      Já fui lá dar o meu pitaco e acrescentei seu link à postagem.
      Obrigada por participar!!
      Beijus,

      Eliminar
  14. Bem, Luma, tenho realmente que validar todos os pontos por si expostos!
    Pessoalmente, só recentemente encontrei uma definição que me agrada - "Pro-am"; sou uma blogger amadora, porque não ganho dinheiro com o meu blogue, mas o que faço com ele é de forma mmuito profissional. Porque o faço, então? Porque adoro escrever e ficar em contacto com outras pessoas e opiniões.

    É certo que mesmo não sendo paga em dinheiro, recebo contra-partidas para posts que escrevo a convite de algumas marcas e empresas, o que me dá a grata sensação de reconhecimento.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Fernanda!!
      Pro-am... arrumou uma nomenclatura, mas sabe que ela não se aplica a você, pois como bem escreveu, o faz de forma profissional. Mas podemos nos referir como quisermos, o que vale é como somos vistos. Um blogueiro que se acha pode vir aqui no "Luz" e se sentir superior. Eu deixo!! (rs*) Nada disso mudará a nossa vida blogueira, pois cada um tem a sua originalidade a zelar. Quem não tem, que se acuda!!
      Sucesso, Fernanda!!
      Beijus,

      Eliminar
  15. Um blog pode ser uma excelente «carta de recomendação» para o desempregado que vai a uma entrevista para conseguir o tão almejado trabalho. Ao escrever posts em que expõe aptidões, é um formato curricular e poderoso para exibir ao empregador de que é um profissional qualificado e habilitado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quero acrescentar de que esta é uma sugestão que deveria de ser obrigatória pelo instituto de emprego que paga subsidio ao desempregado... Será igualmente uma excelente forma para reciclar e manter atualizados os conhecimentos profissionais. Tenho dito ;)

      Eliminar
    2. Oi, Alexandre!
      Acredito que muitas pessoas que trabalham com a escrita, tem usado o blogue como carta de apresentação ou mesmo para formatação de livros, como é o caso de muitos blogueiros amigos que começaram despretenciosamente e que publicaram livros, sem nunca ter pensado nessa possibilidade anteriormente.
      A escrita não é o meu trabalho formal, mas tenho feito muitos editoriais para revistas, programas de tv e até mesmo textos e singles para comerciais. Meu blogue não foi criado para esse fim, mas tem me proporcionado várias surpresas!
      Boa semana!
      Beijus,

      Eliminar
  16. Oi Luma,
    Caramba! Que nó! Rsrsrs
    Li e reli o texto. Em princípio, confesso que fiquei com crise de identidade. Sou o que, afinal...
    Mas, calma: não sabendo como responder à pergunta posta ao final, a opção é continuar a minha caminha de amadora. rsrs
    Beijão.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Beth!
      Realmente, se pensarmos do modo que foi-nos incutido pelos vulgos problogger, não saberíamos responder. Você não é amadora!
      Beijus,

      Eliminar
  17. Luma querida, excelente seu post! Ahhh, eu acho que muito profissionalismo acaba por causar a perda da essência do blog, como já vi acontecer muito por aí.
    Para mim o blog é uma extensão de minha vida, de quem sou e do que penso. Isso é humano, e não quero perder esta característica por nada.
    Gostei muito de ler as opiniões e ver que não estamos sozinhos.
    bjos
    Vero

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Verônica!
      Sentimos que a identidade do blogueiro se perde e o blogue de ferramenta passa a produto. Mas você não deixou que suas ideias fossem colocadas de lado em detrimento do seu trabalho, mas esse faz parte do seu cotidiano e se o blogue é um diário, nada justo que seu trabalho seja nele exposto. O blogue é uma vitrine da nossa vida!
      Beijus,

      Eliminar
  18. Oi Lima, thanks pela referência. Você, como sempre, é muito correta e gentil. Aproveito a oportunidade para expressar publicamente a minha opinião sobre o assunto.
    Em princípio acredito que a blogosfera é um universo democrático que tem lugar para todos. Como disse o poeta Vinicius para o jornalista Antonio Maria: a noite é grande e nela cabemos todos nós. Assim é a blogosfera. Nesta moldura há espaço para todo mundo independente da sua profissão, desde a dona de casa e o sociólogo até o marceneiro e o jornalista. Alguns jornalistas profissionais, aqui entendido como aqueles que sabem manejar as técnicas da profissão, usam o blog para publicar suas impressões sobre o mundo ou as coisas da vida e outros textos, muitos com pretensão literária, que não teriam como divulgar na mídia tradicional. Outros fazem do blog uma extensão da sua atividade profissional propriamente dia, em alguns casos o blog é, de fato, a sua principal ocupação remunerada, caso por exemplo do Luiz Nassif. Ele não é um blogueiro profissional, mas um jornalista que tem o blog como principal ocupação, através do qual aufere rendimentos monetários. O mesmo pode acontecer com um advogado ou um cientista político que faça do blog a ferramenta para abordar questões que exijam aplicação de conhecimentos adquiridos através da sua formação profissional. Acho que o termo "blogueiro profissional" tem uma conotação pejorativa, sendo aplicado a blogueiros que fazem proselitismo ideológico para agremiações políticas à direita e à esquerda, sendo pagos para isto.

    ResponderEliminar
  19. Leia-se Oi LUMA em lugar de Lima. Sorry.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Jens!
      Como já lhe disse anteriormente, compactuo das suas opiniões! E espero que os demais blogueiros que passarem por aqui, leiam o seu comentário.
      :)
      Beijus,

      Eliminar
  20. Oi Luma
    Sinceramente nunca me preocupei mto com o assunto, pq minha participação na blogosfera é despretenciosa. Quero escrever minhas bobagens, minhas reflexões, enfim, meus textos carregados de amadorismo.
    Acho difícil ganhar a vida blogando, prefiro usar esse espaço pra pra entretenimento mesmo.
    Um bjo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Paty!
      Penso que assim deve ser. Se por acaso quiser vender algo em seu blogue, será natural. O que acho errado é começar a blogar apenas para ganhar dinheiro - como assim? Isso não é um jogo. Ganhar dinheiro pode ser uma consequência mas não o motivo principal.
      Beijus,

      Eliminar
  21. Um belo tema.Nunca pensei em fazer dos blogs uma plataforma para ganhar dinheiro, mas creio que isto é o objetivo de muitos, o que é natural, pois cada um tem os seus desejos e as suas necessidades.
    Beijos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é, Élys!! Blogar é expor ideias e opiniões. Andam deturpando o ambiente :( Beijus,

      Eliminar
  22. Acho que prefiro continuar sendo uma blogueira amadora... rsrs. Muito trabalho... rsrs.

    Beijocas

    ResponderEliminar
  23. Oi Luma, sei que existem alguns blogs realmente profissionais. Mas, para ser chamado assim o blogueiro precisa trabalhar muita mais de 8 horas por dia e saber muito bem como funciona toda essa engrenagem.
    Sou muito amadora em administrar os recursos que o blogger e outros serviços prestam para divulgar, aparecer mais e até ganhar dinheiro. Estou na blogosfera desde 2007 e o blog rendeu divulgação em revistas (para massagear o Ego), em blogs, em sites e até apareceu pequenos trabalhos que topei fazer. Mas é um 'perrengue'; a maioria das empresas querem te explorar oferecendo mixaria e ainda depois embaçam para te pagar.
    Dá muito trabalho e não faço mais propaganda para ninguém e, até por isso por isso desacelerei bastante.
    De qualquer forma, gosto de blogar e tento fazer do meu 'espaço virtual' um lugar gostoso de visitar de trocar experiências, conhecer sempre gente nova e preservar antigos amigos 'leitores'. Sempre que estou devidamente inspirada e surgem boas idéias possíveis de realizar gosto de compartilhar.Mas, sem pressa, no meu time. Afinal,boas idéias existem para serem compartilhadas não é mesmo?

    Bj grande yvone

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Realmente, Yvone!
      O trabalho é constante e tudo o que fazemos passa para o esquecimento após um tempo. Se formos encarar como profissão, essa é muito efêmera. Ter o blogue como vitrine, você se expõe a propostas absurdas, por isso também não aceito fazer qualquer propaganda. Mas é triste ver que alguns blogueiros se vendem por tão pouco.
      Eu adoro o seu blogue e por isso estou sempre lá!!
      Beijus,

      Eliminar
  24. Oi querida Luma ... amei o seu post.

    Sou completamente amadora porém amante do blog, que fiz apenas com a intenção de eternizar as memórias de minha vida e minha princesa, sua xará Luma. Tenho visto e me espantando com tantas possibilidade e até uma certa rivalidade .. tipo eu sou melhor mãe, melhor blogueira .. isso e aquilo. Acho que tem para todos os gostos, o que não se pode é julgar ou menosprezar ...

    Adoro escrever, desabafar, ensinar, aprender e trocar informações sobre tudo ... pra mim isso é blogar ... não tenho maiores intenções em relação a isso ...

    bjs

    Roberta e Luma
    http://princesaluma.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Roberta!
      Imagino que quando a Luminha estiver lendo, acessará o blogue e passará horas. Será que ela tem alguma opinião sobre o blogue? Ela entende o que você faz?
      Acho bem triste essa rivalidade. Penso também que não existem motivos para que ela aconteça - Na blogosfera existe espaço para todos!
      Está no caminho certo e acho que deve dar um toco nessas blogueiras chatas!
      Beijus,

      Eliminar
  25. Luma, ótimo texto, como sempre. Blogueiro profissional hoje é gente fina: tem blog em jornais, recebe do governo para divulgar ou defender o partido de plantão, viaja às custas da indústria de moda, música, enfim, a lista é enorme. Acho legal, até porque hoje somos vistos de outra forma. Até eu mesmo, que não tenho um anúncio sequer no blog, uso para divulgar meus livros, crônicas e contos, ou seja, um retorno indireto. O importante, no entanto, é gostar do que está fazendo. Mesmo que só atualize o blog uma vez por ano! Um beijão.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É isso mesmo, Carlos!! Os exemplos foram perfeitos!
      Beijus,

      Eliminar
  26. Oi, linda...faz tempo que não ando por aqui, mas seu título chamou muito minha atenção.Eu comecei escrevendo para um site para ganhar dinheiro..Foi bacana , até ganhei alguma coisa, mas o melhor de tudo é que comecei a gostar e precisava ter um blogue para o adsense etc e tal...Foi aí que descobri que poderia escrever, claro querendo ganhar um extra, mas não é bem assim não.Tem que estar ligada, comentar, visitar, interagir com os outros blogues para que se tenha retorno, se não nada feito.Hoje tenho meu blogue e a minha página do face(Buscando o amor) que adoro, mas não busco lucros. Busco pessoas que gostem realmente de ler o que escrevo, onde melhorei muito a escrita, lendo outras blogueiras, aprendendo aqui, tirando lá e compartilhando de tudo isso.É um prazer!!!
    Paz e bem!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Bel!!
      Todos querem ganhar dinheiro fácil!! Não basta instalar anúncios do google no blogue... aliás, é pouco dinheiro, não compensa! Melhor escrever para o site que se referiu. Aprendemos muito com leituras de qualidade!
      Beijus,

      Eliminar
  27. Olá, Luma..:-)
    Hum..vejamos, blogueiro profissional, ou seja, blogueiro "genuíno", terá de trocar horas de sono ou lazer, por horas de leitura direcionada..:)
    O preço pago é a " perda da liberdade", that sounds quite awful..:-)
    É vigiado pelos patrulheiros da blogosfera, oh..my goodness..:-)
    Buenas, entonces...
    Eu acho que blogueira (o) profissional recebe "grana" pelo que escreve, bem como, a prostituta profissional também. A diferença está no fato de receber pelo serviço

    prestado..:)
    Blogueiros em geral, escrevem para se expressarem, as sua idéias, pensamentos, experiências, memórias, e muitas vezes, sem pretensão nehuma, e modificam os comportamentos de certas pessoas; isto é algo que não pode ser medido pelo medidor de freqüências, ou seja, pelo tal "Counter".
    Atualmente o mundo é muito descartável, portanto, dá para faturar até com "lixos" também, isso é bem sabido não é mesmo?..:-)
    E nós pagamos até bem caros para consumir esses "lixos", isso, também é sabido, não é mesmo? ou não?
    Bom, agora vou falar um pouquito do "grupo chamado "KaT-Tun". O grupo tinha programações em determinada estação de rádio; o detalhe é que os membros do grupo, ficaram falando por "5 anos" coisa inúteis ou seja, os fãs ficaram consumindo "lixos= garbages"..:) Existe no japão um ditado popular que diz: "Abata mo Ekubo", isto, quer dizer que para fãs completamente cegas pelo efeito "spell", tudo era "lindo e maravilhoso" :-)
    O dramático, é que eles sabiam disso, mas, isso, não fazia parte das "alçadas" ou melhor "das ossadas" deles, pois, eram pagos para não falarem nada que os comprometessem, e até que isso também cansa, en finalmente chegou a hora de fechar a porta, porém, sempre estão de volta com programações, e assim, vão enrolando, isso, faz parte do tal "game", ou tal de "jogo de cintura" neh..:)
    Opshis..:-) o lero-lero está ficando longo..:)
    Música:
    1. Anime - Hotarubi no Mori e - Short version

    2. Anime - Hotarubi no Mori e - Audio jap.English sub.

    3. Anime - Hotarubi no Mori e - Legendado em português

    Ps. Você poderá assistir com legendas em português. Assistam logo, antes que sumam como o link tah..:-)
    3. Kobayashi Sachiko - Hotaru Zensen=Vagalume ou Firefly - video promotion version

    Ps. Achei a letra dessa música super-linda, e ainda não achei a versão completa dessa música "Hotaru Zensen" lançada recentemente em comemoração a 50 anos de carreira da

    artista Kobayashi Sachiko..:)
    Ótemo e ótima semana!!
    A big Hug and Tchauzinho


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Elena!
      Adorei o modo como você colocou as coisas. Realmente, blogar por dinheiro tem que compensar, do contrário não rola tanto sacrifício!
      Realmente, existem os blogues prostitutos, que não pertencem a blogueiros genuínos como se referiu. Esses só produzem lixo, alimentando a ignorância. Se ganham algum dindim, não sei! Só sei que esses blogues tem tempo de validade.
      Igual a esse grupo KaT-Tun, existem milhares pelo mundo. O comércio sempre girou em torno das mulheres e carinhas bonitas cantando coisas meladas, agradam quem ainda não formou seu gosto musical. Ouvido também se educa!
      Ah, bem que você avisou! Quando cheguei para assistir o vídeo, estava a mensagem "A página que você está procurando neste blog não existe" :(
      Os animes são lindos, mas tristes heim? A voz de Kobayashi Sachiko é linda e ela parece uma bonequinha!
      Beijus,

      Eliminar
  28. Luma, como estou muito distante de ser profissional, mesmo com filhos acima dos 3 anos, ainda me solicitam bastante, não teria tempo e disponibilidade para me dedicar como deve ser um pro.
    Voltarei para ler os links que você sugeriu!
    Beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Ana Paula!
      A blogosfera materna é a que mais sofre para se firmar, justamente pela falta de tempo. Mas o prazer em blogar, faz com que sempre arrume um tempinho, não é mesmo?
      Beijus,

      Eliminar
  29. Nossa Luma, fiquei impressionada com a clareza que você trata o tema. Muito bom o post. Muito interessante. Realmente me levou a fazer uma reflexão sobre a profissão, sobre a vontade de fazer isso, quase que, pra sempre.
    Compartilhei com meus leitores lá na fanpage do blog. Achei interessante para quem é blogueiro pensar sobre esse assunto e para quem não é conhecer melhor e saber como "funciona" esse mundo.

    Parabéns pelo trabalho !
    Sucesso !

    Beijos
    Mari

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Marii!
      Que bom que gostou! Blogar é mesmo apaixonante e também espero fazê-lo pelo resto da vida - se até lá ainda existirem os blogues :)
      Obrigada por compartilhar e sucesso para você!
      Beijus,

      Eliminar
  30. Parabenizo quem leva seu blog profissionalmente. Eu prefiro tê-lo como lazer e diversão. Depois que me aposentei me rebelei contra os compromissos e obrigações. Meu lema agora é: tudo pelo prazer de ser feliz! rs...rs...rs... Mas admiro os blogs levados a sério e profissionalmente! Bjks Tetê

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Tetê!!
      Muito trabalho, não é mesmo? Acho que quem leva o blogue à sério, pode encontrar um meio termo!
      Beijus,

      Eliminar
  31. Abençoada,
    parabéns pela forma maravilhosa que levantou este assunto que nos "assombra".
    O que é ser um blogueiro profissional?
    Na minha vaga interpretação, acredito que é quem consegue viver financeiramente disso, mas reconheço que há blogueiros que só gastam e fazem um perfeito trabalho e outros que ganham $ ficam a desejar na qualidade.
    Tenho uma postagem recente que mostra um outro lado desta questão, querendo é só acessar:
    http://5n3v35.blogspot.com.br/2013/09/destaque.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Sérgio!
      Que bom que gostou!! Você está certo, pois tem blogueiro que vive de "aparências". Turbina o blogue, gasta um dinheirão sem retorno algum e sai por aí dizendo que está ganhando horrores, iludindo aquele que quer sobreviver de blogues.
      Adorei sua postagem!! Obrigada por participar!!
      Beijus,

      Eliminar
  32. A procura de espaço para externar sentimentos creio ser a primeira reação de todos e assim uma verdadeira maratona de seguir e ler e crescer este grupo.
    No inicio era fácil eram blogs afins, mas logo se vê seguindo blogs de todas as modalidades e assim os profissionais surgem.
    Não é fácil administrar um blog com excelência.
    Bom texto amiga.
    Abraços.
    Bjo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Toninho!!
      Temos espaço para todo tipo de blogues e agradecemos, afinal, temos leitura diversificada!!
      Obrigada pelo elogio!
      Beijus,

      Eliminar
  33. Oi Luma
    Você minha querida tem conhecimento e "no-hall" para abordar o assunto. Eu sou uma amadora que faz do blogar uma atividade prazerosa. Um local de encontros e interações. Estou há dois anos nesse mundo virtual mas sou ainda uma iniciante que nada conhece e se surpreende com muitas questões e condutas de pessoas que se dizem blogueiras. Não sou alienada mas o até o presente momento tenho estado feliz em escrever meus rabiscos poéticos e ter o privilégios de compartilhá-los com quem se interessa em interagir comigo. Penso e sei que posso estar completamente equivocada que um blogueiro profissional é quem consegue viver com a renda que o blogue lhe outorga mediante um trabalho de qualidade.
    O melhor da vida é você saber que alguém conseguiu dar um sorriso graças a sua bondade, e saber que esse sorriso fez com que a liberdade de ser feliz se aflorasse por onde quer que você tenha passado e deixado o seu sorriso repleto de carinho e afetividade.
    Tenha uma semana plena de amor e harmonia
    Estou lhe oferecendo um “selo destaque”. Será uma honra se você aceitá-lo. Pegue-o na lateral esquerda do meu blog
    Beijos e carinhos
    Gracita
    ” gracita mensagens”

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Gracita!
      Enquanto tivermos prazer em blogar, estaremos por aqui e você é muito generosa em nos ofertar sua poesia. Além é claro, de todo o carinho que deposita aqui quando vem me visitar!!
      Obrigada!!
      Beijus,

      Eliminar
  34. Fiquei curiosa depois de ler ... curiosa a respeito do meu próprio blogue , sinceramente eu não sei como ele sobrevive!
    Faz tempinho que eu tenho um blogue, mais de seis anos. E, nunca desisti dele, por incrível que pareça!
    Digo isso porque de profissional eu não tenho nada, meu blogue é a coisa mais egoísta que eu já fiz na minha vida, escrevo lá, deixo todo mundo ver mas... eu não espero que ninguém fique seguindo ele, afinal o assunto lá sou 'euzinha' mesma.
    Sendo assim, apesar de não ter certeza de como ele ainda vive após esse tempo, devo dizer que sou muito feliz ...rs. Acho que me basto... logo, ele exite!

    Quanto aos 'PRO' tem alguns que sim, valem o título , mas muitos são apenas ilusão. E os metablogs .. são chatos parakaraí , má experiencia que tive anos atrás com um desses que se 'pensam' ... acho que eles não são interessantes, eu passo!

    Beijos ;*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Cintia!
      A questão é gostar de escrever ou deixar anotado para futuras consultas. De vez em quando acesso postagens antigas do meu blogue e me lembro de fatos que já havia esquecido. Um refresh para a memória! Talvez também esse seja um dos motivos para você blogar.
      Também acho os metablogues uma pedreira! Alguns escrevem besteiras demais. Uma encheção de linguiça.
      Depois quero uma consulta com você...
      Beijus,

      Eliminar
  35. Luma
    confesso que não sei o que é ter um blog profissional.
    É aquele que vende um produto ou que expõe propagandas?
    se for propagandas, eu tenho uma amiga que disse que dá dinheiro.
    colocou várias propagandas, acho que pelo Adsense, mas ainda não viu o dinheiro
    Sei não, tenho dúvidas, mas ela disse que a outra amiga dela, ganha muiiito
    Será?
    por outro lado vejo sites de dentistas, advogados, massagistas...
    são blogueiros? ou são profissionais tentando vender seu produto?
    eu engatinho com o meu blog. Não teria o numero de acessos desejados pela empresa
    nem me atrevo a vender artesanato ou o que revendo.
    beijinho boa noite Zizi

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Zizi!
      Vender produtos e expor propagandas não é próprio de blogueiros, apesar deles também poder fazê-lo. Se o blogue só tem isso, pertence a um comerciante. Um blogueiro vende ideias e opiniões.
      Sua amiga ganha uma mixaria, desculpe falar isso. Uma ninharia que não compensa poluir o blogue com essas propagandas.
      Se o blogue desses profissionais possuem textos informativos feitos de próprio punho, ele é um será um advogado blogueiro, massagista blogueiro que vendem seu peixe e não produtos de terceiros. Quem vende produtos de terceiros é um comerciante. Entendeu a diferença?
      Se você quiser vender seu artesanato, deveria tentar para ver qual seria o resultado. Isso não depende muito de números de acesso e sim conquistar uma clientela entre as blogueiras amigas.
      Beijus,

      Eliminar
  36. Luma, querida, quando li o título do seu post, pensei: "Ela adivinhou meus pensamentos!"
    Há dias venho pesquisando/pensando/analisando a possibilidade de dar um rumo mais profissional ao meu blog - mas, claro, sem perder aquele jeitinho de doce lar, que é a essência dele.
    De qualquer forma, caso eu me decida por isso, sei que tenho muito a aprender/modificar/acrescentar na minha página. Já me disseram o quanto o trabalho é exaustivo, mas também prazeroso e muito gratificante.
    Tenho estudado essa possibilidade porque acho que casaria bem pra mim, que sou mãe-esposa-dona de casa- artesã. Estou sempre em casa, enfim...
    Estou pesquisando, animada e torcendo pra que tudo dê certo.
    Torça por mim, amiga?
    Obrigada de coração!

    Deus abençoe!
    Bjs!!!
    Karin Filgueira
    BLOG: - Meu Doce Lar

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Karin!
      Nada melhor que unir o útil ao agradável, ainda mais que o blogue ocupa um certo tempo, melhor fazê-lo tendo gratificações. Vou torcer por você!
      Obrigada você!
      Beijus,

      Eliminar
  37. Oi Luma. Adorei essa sua reflexão. Não me acho um blogueiro profissional, até porque tem muita coisa que eu não sei e meu blog é até bem simples, embora como vc bem disse, isso muitas vezes não implica em nada.

    Amor escrever e atualizo o meu blog com prazer. Tenho propagandas lá mas não ganho quase nada. Porém, gostaria sim de sobreviver ou ao menos ganhar um dinheiro 'aceitável' com o meu espaço. Mas não consegui ninguém que tenha disponibilidade e paciência para me ajudar, se é que isso seja possível.

    Esse debate é muito interessante e rende muito. Adorei. Bjs e boa quinta.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Sérgio!
      Você escreve bem e faz interessante os assuntos que posta. Já chama a atenção e logo será recompensado! Eu fico na torcida para tudo dar certo para você.
      Beijus,

      Eliminar
  38. Muito bom o post,e a sua reflexão Luma!!!
    Desculpe pela ausência,pois tenho tido problemas pessoais...mas aos poucos vou voltando!...
    Bjus mil ♥

    http://blogluminoso.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Liny!
      Poxa, espero que não seja nada grave!
      Boa sorte!!
      Beijus,

      Eliminar
  39. Bom dia, Luma
    Maravilhoso post....não tenho tempo para ser prifissional
    mas voltarei para ler seus links que vc sugeriu
    Beijos....Araan
    http://blogaraan.blogospot.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É isso aí, Araan!! Tempo é ingrediente fundamental!!
      Beijus,

      Eliminar
  40. Dedicação, prazer e horas na frente do computador para tentar postar algo que faça leitores se interessarem em vir até o meu espaço. Mas estou muuiiiiito longe de ser profissional, quem sabe um dia.
    Mas se for resumir o que seria um blogueiro profissional é o que trabalha em seu espaço, escrevendo sobre o que gosta e entende e claro recebendo por isso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Patrícia!!
      Verdade, querida! Criar conteúdo de qualidade não é algo fácil, é preciso estar informado e ter a própria opinião.
      Beijus,

      Eliminar
  41. Luma, eu apenas blogo por blogar e pelo prazer que sinto nisso. Não quero envolvimentos com mais nada de profissional.Nem saberia! Prefiro a minhas bobagens quando tenho vontade. Assim me divirto, nada sério e obrigações.Chega delas, já temos tantas outras coisas ao nosso redor... beijos,chica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Chica!
      Estou como tu, querendo me livrar de obrigações :)
      Beijus,

      Eliminar
  42. Oi, Luma,

    Eu tenho achado que há muitos picaretas entre as pessoas que se acham ou tencionam vir a ser "blogueiro profissional". E isso mesmo considerando que são inúmeras as razões que podem tornar a leitura de um blog interessante. Eu sempre me espanto com a capacidade que algumas pessoas têm de se projetarem, mesmo quando não têm nada a oferecer ao público a que se destinam. Cheguei a pensar que isto é mais um dos reflexos do baixo nível educacional do brasileiro. Será? Só o tempo dirá.

    Um beijo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Marly!
      Sim, como toda área, a blogosfera não se livra da picaretagem e o conteúdo duvidoso mostra bem a alienação do povo brasileiro que tem ferramentas para combater a ignorância, mas preferem alimentá-la.
      Beijus,

      Eliminar
  43. Querida amiga,
    Saudades!
    Uma linda tarde para você!
    Abraço amigo!
    Maria Alice
    Htts://www.facebook.com/mariaalicefcerqueira
    http://www.mariaalicecerqueira.com/
    http://www.mariaalicecerqueira.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obirgada pela lembrança, Maria Alice!
      Logo mais vou lá no seu blogue!
      Beijus,

      Eliminar
  44. Luma,ultimamente tenho ouvido algumas pessoas se definirem como blogueiras profissionais e não sei o que pensar.Acho que cada um se define como quer.Outro dia fui a um evento,um debate educacional que tinha um escritor conhecido e ele disse que hoje em dia todo mundo se denomina escritor profissional,foi como um deboche,sabe?Fiquei incomodada e pensei:Tem gente que se acha!Quando fui falar,só pra provocar falei que era professora e escritora profissional...rss...Resumindo:liberdade de expressão é o que penso que deve haver.Particularmente,gosto de blogar por hobby mesmo e não quero nem anuncios nos meus blogs.Mas,como disse,vai de cada um.Adorei seu texto e dá pano pra manga!Para mim,vc é blogueira profissional,porque escreve muito bem e sempre assuntos atuais e interessantes.bjs,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Anne!
      Ser problogueiro vai muito da aceitação e credibilidade da comunidade. Qualquer um pode se denominar "Blogueiro Profissinal" quando leva seu blogue à sério ou não, pois tem gente que só coloca anúncios e não alimenta o blogue com conteúdo.
      Hahahaha muito engraçada essa história do escritor profissional! Mas é isso mesmo e você exemplificou muito bem. Blogueiro Profissional é puro deboche!.
      Ah, você está sendo boazinha comigo!!
      :)
      Beijus,

      Eliminar
  45. Oi Luma!Há Quanto tempo sou blogueira?Mais de 10 anos!Blogo porque gosto mesmo!A troca de comentarios/opiniões e até amizade são ótimos,mas também adoro arrumar o blog como se fosse uma segunda casa,uma casa virtual,mas ainda assim uma casa.Já cheguei a parar,hiatus,mas sempre volto!E não me considero profissional.Bjos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Ane!
      Pelo tempo de casa você já se formou em blogueira :)
      Esqueça essa nomenclatura "profissional", isso não existe. Veja que estamos sendo invadido pelos bloggers internacionais que possuem blogues de moda e perceba que não se referem à eles como Blogueiros Profissionais, mas simplesmente como "blogueiros". Talvez o mais perto que de um problogger, sejam os metablogues, pois ambos tem como assunto principal: "Como ser blogueiro de sucesso". Outra grande besteira, você não acha?
      Beijus,

      Eliminar
  46. Mais uma vez estou voltando
    com as mãos estendidas
    para segurar as suas com infinito amor.
    Que , a alegria de dividir meus sonhos
    seja bem recebida por você e ,
    que você também compartilhe
    desse meu sonho.
    Que , nossa amizade nos permita compartilhar
    alegrias , felicidades e também nossas tristezas.
    A mais preciosa amizade é alimento ,
    que sacia nossa alma
    é aquela , que crê em nós
    é aquela , que nos aceita da forma , que somos ,
    pois somos seres humanos
    parecidos sim nunca com pensamentos iguais.
    Um abençoado e feliz final de semana.
    Beijos no coração ,paz e carinho na alma.
    Evanir.
    PS:Com a chegada da primavera na
    postagem tem um mimo
    da primavera.
    Carinhosamente te ofereço
    um mimo é simples mais feito com
    muita ternura.
    Uma oferta de amor pela nossa amizade.

    ResponderEliminar
  47. Amiga vou deixar uma observação eu leio as postagens
    mais infelizmente a mais de 10 anos perdi a sensibilidade
    das mãos por conta de uma mastectomia .
    Eu sofro muito por isso de sorte minhas amizades me entende
    nisso incluo vc doce amiga,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Evanir!!
      Meu coração ficou alegre com a sua declaração de amizade. Obrigada!!
      Não sabia do seu problema com as mãos. Foi bom saber!
      Beijus,

      Eliminar
  48. Boa noite, Luma
    Gostei muito do que escreveu
    Adoro os meus Blogs e eles são uma diversão para mim
    Blogo quando o tempo me permite
    Estou longe de ser uma blogueira profissional

    Obrigada pela gentil visitinha
    Beijos de
    Verena e Bichinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Verena!
      Sinto que faz o blogue com muito carinho!! Divirto muito quando vou lá!
      Ah, vamos ser felizes!!
      Beijus,

      Eliminar
  49. Oi Luma!

    Resposta: http://www.jubiart.com.br/

    Tenha um ótimo dia!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. http://www.jubiart.com.br/2013/09/o-que-e-ser-uma-blogueira-profissional.html#comment-form

      Eliminar
    2. Obrigada por participar, Bia!!
      Link já adicionado!!
      Beijus,

      Eliminar
  50. OLá Luma.
    Adorei ler o seu texto. Realmente eu encaixo na categoria "muito amadora". Quando iniciei o meu blog não percebia nada de internet e muito pouco de informática. Foi um desafio que pus a mim própria, uma forma de aprendizagem. E a verdade é que quase dois anos depois o meu blog para mim tem sido uma grande aprendizagem e uma forma de conhecer pessoas fantásticas com um interior lindo. Não tenho ideias de me tornar profissional porque concordo plenamente quando você diz que é necessário muitas horas de dedicação, leitura especifica... entre outras coisas. Para mim é apenas uma forma de partilhar o que eu gosto e acho interessante. Parabéns pelo post.
    beijinhos grandes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Lena!
      Você é muito divertida!! :D E faz o seu blogue com muito carinho. Isso é o que verdadeiramente importa!
      Beijus,

      Eliminar
  51. Acredito que deve ser uma mistura de não ter medo de arriscar, inovar, estar sempre bem informado, tentar ser o primeiro a abordar alguns assuntos ou a trazer notícias, conhecer tecnologia, fazer contatos e gostar do que faz. É impressionante como blog é um espaço democrático.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Verdade, Bruxinha!
      Blogar é super democrático. Cada um faz do jeito que mais gosta!!
      :)
      Beijus,

      Eliminar
  52. Excelente tarde, Luma!

    Olha, toda esta questão de sonho, dom/inspiração, formação de opinião, manter-se antenado - com leituras direcionadas, usando de simpatia e interatividade, a ponto de arriscar-se a perder parte da liberdade...
    Sim, a doação de tempo e riscos da exposição estão presentes! Blogar é algo novo, tão novo que encontra-se neste limiar entre o amador e o profissional.
    Fui remetida às parteiras, benzedeiras e benzedeiros, que exerciam um papel parecido ao dos blogueiros (através da linguagem oral), em minha infância rural: repassar as fofocas, passar receitas, ajudar em curas, dar conselhos, levar as novidades, introduzir novas ideias através de debates.
    Alguns cobravam pelos serviços: uma galinha gorda, um queijo, víveres especiais da horta, um baita pão caseiro, um conserto de roupa...
    Outros, contudo, abominavam a prática, e se sentiam prostitutos se violassem este dom. A blogsfera, infanta, ainda está neste mesmo reptar...

    Um abraço interiorano.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Cristina!!
      Adorei a sua comparação!!
      Temos muitos pontos na blogosfera brasileira que falta diálogo, diferentemente da blogosfera amadurecida de outros países. Querem adotar por aqui, algo pronto e sem muita experiência e por isso tanta controversia!
      Como bem se referiu, a nossa blogosfera é ainda criança que na tenra idade ainda engatinha.
      Beijus,

      Eliminar
  53. Oi Luma! A primeira vez que ouvi a expressão "blogspot" fiquei surpresa. Adorei a novidade que foi além da imaginação e hoje é a minha paixão, o meu divã. Há pouco tempo me deparei com a notícia de que blogueiro pode ser profissão. Acho bom. Tem blogueiros habilidosos dessa arte. Mas, que dá trabalho, dá e muito. Eu, por minha vez, tenho prazer é de brincar com os meus blogs! Beijo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Renata!!
      Também digo que o meu blogue é a minha almofada virtual, adoro!!
      Beijus,

      Eliminar
  54. Um texto muito interessante, mas Luma você sabe, eu sou assim uma espécie de calhau com olhos, que até Há seis anos atrás nunca tinha mexido num pc e que tudo o que sei aprendi sózinha, fazendo muita asneira. Eu sei lá o que é ou o que faz um blogueiro profissional, ou como ganham dinheiro com blogues. Para falar verdade, já ouvi dizer que há gente que vive do pc, mas pensava que era fazendo trabalhos para empresas.
    Um abraço e vou tentar pôr o conto mais depressa. Na verdade já o acabei, não é muito grande.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Elvira!
      Você como escritora, poderá divulgar seus livros, assim com já o faz indiretamente com os seus textos.
      Li o texto de Domingo. Logo mais vou lá!!
      Beijus,

      Eliminar
  55. Oi Luma, criei o meu blog por acaso, sem pretensão nenhuma, principalmente a de ganhar dinheiro, mais tarde que descobri que mts ganhavam para bloggar, podemos assim dizer, mas... continuei com o meu pensamento de ter um blog para me distrair, não queria compromisso com ninguém e nem criar posts por obrigação e sim por prazer! Mas com o tempo descobri que mts pessoas tinham o meu blog como referência e começaram a chover e-mails com perguntas, dúvidas, pedidos... até me assustei com td isso e foi aí que eu percebi que tinha mt gente do outro lado da tela que ansiava por uma receita (no meu caso), uma dica, sei lá, algo que pudesse ajudá-la no dia a dia. Então passei a me dedicar mais, lendo, pesquisando, estudando... pra ter respostas às perguntas e dúvidas dos leitores e com isso vou Vivendo e Aprendendo dia após dia! Não me julgo uma blogueira profissional, pois, de fato, não sou! Mas aprendi mt coisa que nem imaginava na vida! Mts me perguntam: "vc passa o dia inteiro na cozinha?" e eu respondo: "são ossos do ofício!" rsrs
    A grosso modo, profissão é o ato de professar, professar por sua vez é confessar publicamente, ou seja, professar uma opinião, como vc msm disse "um blogueiro é um formador de opinião", se professamos nossa opinião tds os dias em nosso blog, então somos blogueiros profissionais! rsrs. Está errado pensar assim? rsrs
    Bjs Luma e parabéns pelo post! =)
    www.viveraprendendo.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Corretíssima, Sileni!! É isso mesmo, você pegou o sentido da "coisa". Fico feliz quando sinto que me fiz compreender!! :) Beijus,

      Eliminar
  56. Oi, Luma,
    eu não pensei em ganhar dinheiro com o blog quando o criei. Pensei em partilhar, em participar da interação que eu via acontecer entre os blogs e estava de fora. Acho lindo isso, me sinto enriquecida! O momento, talvez, em que o criei, não tenha sido o melhor, pois meu tempo anda escasso e gostaria de ter mais tempo para me dedicar mais a ele.
    Não me considero uma blogueira pofissional pelas razões que acima expus, mas preocupo-me com o conteúdo do que publico e o faço com muita seriedade. Isso é ser profissional? rs
    Abraço, ótimo fds!
    ............
    Acredito, sim, que é o sabugo do milho que garante o sabor especial ao Frango Jeca. Adorei saber que vc tb é mineira! :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Jussara!!
      É a responsabilidade e ética que faz um Problogueiro e não o tanto de dinheiro que ele coloca no bolso. Se assim pensarmos, diremos que políticos honestos não são profissionais... rs.
      Beijus,

      Eliminar
  57. Luma

    Ali no meio do post vc questionou se o blog te dá prazer...
    Pois é,já há alguns anos,o RAMSES deixou de me proporcionar isso,e tornou-se um hábito,ou um vício,quem sabe.
    De qualquer forma,parabens pelo post. Como sempre,vc aborda os assuntos necessários de forma como só vc sabe.
    Bjo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, DO!
      Não sei se continuaria a blogar sem prazer... mas cada um, cada um...
      Beijus,

      Eliminar
  58. Luma, Amei seu post.
    Blogo há 10 anos e só quem tem paixão consegue escrever por tanto tempo.
    Convido vc responder uma nova enquete no blog
    Obrigada.
    Big Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelo convite, Lulu!!
      Logo mais vou lá!!
      Beijus,

      Eliminar
  59. Luma, qdo resolvi criar meu blog, nunca imaginei ter retorno financeiro com meus posts.
    Mas uma coisa que eu nunca imaginei é que fosse conhecer tanta gente bacana, e pessoas que hj são amigas 'reais', pessoas que encontro para um café ou para compras. E acho isso incrível.
    Claro que seria ótimo ganhar dinheiro com o blog... hahaha... ainda não tô louca. Mas tô longe disso! rs
    Bjns
    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Cici!
      Essas são as recompensas de se ter um blogue. Conhecemos tão bem as pessoas que interagimos, pois elas expõem aquilo que pensam, muitas vezes mais que conversam em suas próprias casas. Aconselho sempre as famílias manterem blogues. Aqui, meus irmãos sempre estão lendo :)
      Quem sabe, Cici? Basta você divulgar aquilo que sabe fazer!
      Beijus,

      Eliminar
  60. Oi, Luma!

    Eu sempre gostei de ter blog pequenino. Não poderia suportar ( como nunca suportei ) meu blog muito online. Vou digitando conforme penso e escrevendo como escreveria no Facebook ou em mensagens instantâneas.

    Eu admiro os blogueiros profissionais e seu empenho para atrair visitantes e cliques em anúncios. Da minha parte quando navego vou direto ao que está escrito e não consigo me sentir atraída pelos penduricalhos. Alguma coisa eu aproveito dos metablogs, mas muito do que eles dizem não serve para mim.

    Penso que blogar pode ser uma profissão e muito bem exercida. Dá para unir prazer e profissão. Particularmente eu sempre vou querer ser uma amadora e sem compromisso, assim vou dormir tranquila e sem me preocupar com nada.

    Antes eu tinha blog mais pelo desejo de conhecer outros pensamentos e fazer amigos diferentes. Hoje tenho blog, mais para conservar os amigos que fui conquistando com o tempo e poder me expressar Livremente.

    Beijos e bom fim de semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Iza!
      Todas as vezes que vou nos blogues dos amigos que tem anúncio, clico para ajudar! O blogue traz muitas recompensas se você sabe equilibrar as ansiedades e não esperar que ele te traga qualquer benefício. Se você escreve com carinho e sem obrigação, o retorno é espontâneo.
      Beijus,

      Eliminar
  61. Gostei de ler tudo isso as dicas são boas
    mas por egto meu tempo e´curto, e ganhar dindin
    quem sabe mais pra frente mas valeu mesmo
    esse post é td de bommmmm

    Bom final de semana
    Abraços

    └──●► ¸.·*Rita!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Rita!
      Quem precisa ganhar dinheiro vai pensar no blogue como um caminho, mas não pode pensar em curto prazo. Blogue é investimento de tempo principalmente!
      Beijus,

      Eliminar
  62. Luma,bom dia e um fim de semana especial pra você!
    Texto muito esclarecedor sobre um assunto bem polêmico como tantos outros que você propõe aqui abrindo amplo espaço para um debate e isto é que eu penso ser ainda mais maravilhoso,ou seja,fomentar a dialética da comunicação.Comunicação que para mim é a base de quem deseja blogar independentemente de qual uso venha a fazer do espaço gratuitamente oferecido como no caso do blogspot.Pessoalmente tenho muito a aprender ainda no uso das ferramentas virtuais,uma questão de tempo e prioridade também citadas por você.
    Abraço fraterno de quem gosta de te ler!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Bergilde!
      Para todas as ações na vida é preciso comunicação e aqui na blogosfera não seria diferente.
      Obrigada pelo carinho!!
      Beijus,

      Eliminar
  63. Olá!
    Excelente postagem! Um assunto que não tem fim.
    Por enquanto estou feliz com meu pequeno blog, apenas fazendo amizades e trocando experiências.
    Bjs
    Tenha um lindo fim de semana!
    Obrigada pelo carinho!
    Bj
    Carinhosamente

    Blog: Femme Digital te espero lá!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Rê!
      É verdade! É um asssunto que não tem fim...
      Obrigada você!
      Beijus,

      Eliminar
  64. Boas dicas, Luma... realmente, ter um blog demanda dedicação e seriedade. beijinhos e bom final de semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Barbie!
      Bom fim de semana para você também!!
      Beijus,

      Eliminar
  65. OI QUERIDA
    Um assunto bem importante para nós. Passando para deixar um sincero e triste recado no meu blog. Dando apoio para amiga Marly Bastos ele perdeu o amrido dela. Apareça e deixe o teu carinho para ela. Um beijinho.
    Ana
    http://brisa-petala.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Brisa!
      Já estive com a Marly dando o meu apoio!
      Obrigada por vir aqui avisar!
      Beijus,

      Eliminar
  66. Não me classifico como blogueiro. Mantenho o site por puro hobby, apenas com o intento de compartilhar, com outros internautas, algumas coisas que considero interessantes.

    O problema é que (como vc salientou, Luma) esse hobby demanda um tempo danado, mesmo para pessoas, que, como eu, não costumam escrever muito e com frequência.

    Mas é uma satisfação imensa quando a gente percebe que aquele post, criado com carinho, teve certa repercussão. É gratificante ver o resultado do trabalho, o feedback, que vem apenas na forma de um clique do botão "curtir".

    Acho que vou ter gás para mais uns dez anos :).

    Mudando de tema, obrigado pela indicação do vídeo com o medley "a capela" de Abbey Road dos Beatles. Adoro aquele álbum, especialmente a parte final, que inclui "You Never Give Me Your Money", "Golden Slumbers" e "The End".

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Carlos!
      Admiro a sua generosidade por partilhar sempre assuntos interessantes e que enriquecem a blogosfera gastando o seu tempo, mas como bem disse, bloga por hobby! E um hobby tem que gerar prazer e espero que esse prazer permaneça por muito mais que dez anos!
      Fico feliz que tenha gostado da indicação. Também gosto bastante Abbey Road!
      Beijus,

      Eliminar
  67. Oi Luma,
    Confesso que a primeira vez que vi esse termo fiquei pensando em como seria,depois de um tempo vi esses blogueiros nas redes sociais,seguidos por milhares de pessoas e sei lá,acho que ser blogueiro é criar um blog e colocar nele amor sabe,não importa se alguém vai ler ou não ou se é só um hobby,mas quando tem amor você consegue criar bons laços de amizade,crescer como leitor e pessoa ao ler outros blogs e pra mim isso é ser blogueiro.
    E tem muitos blogueiros profissionais que até parece que esquecem do carinho das pessoas,de responder quando você comenta algo relevante ou coisas assim e se for pra ser desse jeito não tem sentido.
    Quem faz um blog é a interação de quem escreve e quem lê.

    Uma ótima semana,abraço =)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Suelen!
      Essa sua descrição deveria ser o motivo principal de blogar! Mas percebe que as pessoas ficam com a consciência pesada por estarem se divertindo? como se a diversão estivesse tirando espaço do trabalho. Foi daí que surgiu a ideia de unir a diversão com o trabalho e a consequência é confundir tudo! Daí que inventaram essa história de ganhar dinheiro com blogue. O blogue deixou de ser um hobby para ser um trabalho. Para onde foi a diversão? Acredito que essa é a maior frustração dos problogueiros; eles se sentem culpados por terem destruído um hobby e por não conseguirem ganhar o tão sonhado dinheiro.
      Não quero desanimar quem queira ganhar dinheiro com blogues, mas essa não pode ser a única fonte de renda enquanto o blogue não se estabelece. Também não pode ser a meta principal "ganhar dinheiro", até porque você tem que ter um produto para vender. Se é escritor, pode ter alguma proposta nesse sentido, assim como outros profissionais da área. Se é uma dona de casa, talvez se associar a empresas que fornecem suprimentos para casa, como alimento, roupas e produtos de limpeza. Explore a área de atuação que tem em seu cotidiano. Anúncios não geram a renda necessária e ainda poluem o blogue.
      Beijus,

      Eliminar
  68. Blogueiro profissional é todo aquele que utiliza a ferramenta [blog] para disponibilizar um produto de conteúdo: informação em textos, cultura em filmes, séries e musicas para baixar, pod / video casts... a profissionalização dele é em organizar ou gerar conteúdo. Todo o trabalho adjacente faz parte de qualquer atividade profissional, com seus respectivos níveis... lucro financeiro com ele é uma escolha! Ganhos, sempre se tem :)... Bjos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Perfeito, Tony!
      Mas é que alguns bloggers fugiram da essência e por fazerem publieditoriais, colocar anúncios na sidebar e participar de farofagens, se auto denominam "Blogueiros Profissionais". Pelo que pode ler no texto, não gosto dessa denominação. Imagina se em seu meio profissional alguém se apresentasse como "Publicitário profissional"... rs.
      Beijus,

      Eliminar
  69. Luma:
    Creio que o mais importante de tudo, é poder desfrutar do prazer da escrita.
    Não me considero e nem tive a pretensão de me tornar blogueira profissional, quando criei meu blog.
    Pra mim, sempre representou um hobby, um espaço onde posso expor meus devaneios, rsrsrssr.
    Quanto ao seu comentário lá no meu blog, achei super interessante saber do funeral realizado no Egito.
    Esse é um lugar que eu gostaria muito de ter a oportunidade de conhecer.
    Bjs.:
    Sil

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Silvana!
      Os blogues em essência são páginas que usamos como meio de expressão e não como meio de ganhar dinheiro, apesar de que possa ser usado como uma vitrine para algum trabalho extra-blogues. Mas é errado pensar que somente o blogue seá o meio de ganhar dinheiro.
      Atualmente no Egito não são adotados os ritos antigos e sim as exéquias que são rituais onde as orações são destinadas a acompanhar a pessoa morta em seu caminho para Deus. Muito diferente do que acontece aqui no Brasil, onde apenas uma missa é rezada para o morto.
      O Egito não é mais um país para visitar como roteiro turístico. Até mesmo as pirâmdes estão abandonadas.
      Beijus,

      Eliminar

Tenha identidade, não seja anônimo na web. Crie sua identidade virtual.

...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

PlagSpotter - duplicate content checker tool
Licença Creative Commonsget click

Algumas coisas não têm preço


finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
Verificar conteúdo duplicado

Me leve com você...

Leia o luz no seu celular

Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

Leia mais para produzir mais!

Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor