Movimento Natureza



Passem
o protetor solar,
usem
roupas leves,
ponham
chapéus,
encham
seus cantils
e não se esqueçam,

O resto é o resto!
dunas cabo frio

Vejam essa imagem, parece neve mas não é; são as Dunas de Cabo Frio. Areia branquinha, fininha como sal, onde o sol bate e reflete em todos os ângulos.

As dunas eólicas são formadas pelo vento e costumamos visitá-las para apreciar a vista e também para viver aventuras: As crianças usam uma tábua como prancha e a duna como escorrega, praticamos o que se chama - surfe de areia. Outros esportes também se praticam nas dunas, como o sandboard e o rally.

No final do ano passado, a equipe brasileira Petrobras Lubrax de rally se preparou, aqui em frente de casa, para o Rally Dakar que começou em Lisboa, Portugal e terminou em Dakar, Senegal. Eram motos, carros e caminhões prá lá e prá cá, destruindo as dunas. Coisa feia Petrobras!

E o que não falta é duna pelo mundo, elas existem nos desertos, nas áreas costeiras e nas margens de rios e lagos.


Quem vive perto das dunas conta sempre histórias de lagos, quintais e plantas que sumiram cobertos pela areia. O soterramento ocorre porque, no período seco, o vento traz as areias das praias e as dunas mudam de lugar.

As dunas atraem muitos turistas que retiram a vegetação, jogam lixo, atravessam as lagoas rasas, andam de carro em excesso , deixando marcas de pneus por onde passam, agredindo aquilo que ele veio apreciar. Com jeitinho, com cautela instruímos que preservar as dunas é preciso.

E nós, vamos lá, nas dunas, colher material para nossos trabalhos artísticos.


Nosso dia em contato com a natureza ainda não terminou. Sabe que a vida ao ar livre dá muita fome?!


E a gente aprende que tudo o que precisamos, a natureza nos dá. É por assim dizer uma troca. Zelamos por ela e recebemos benefícios.


Vai dizer que a natureza não é gostosa?






Cumprida a tarefa,


vou-me embora!!

- Peraí! E a árvore?

Não ia plantar árvores?



A bonitinha está crescendo, se fortalecendo e enquanto isto, a prefeitura local não autoriza o plantio. C'est la vie! Vou arrumar um vaso grandão e colocá-la no terraço. Por enquanto, lindinha tá na minha sala.

Na postagem que ia ao ar (aquela que babau) eu explicava como é todo o entrave burocrático para se conseguir plantar uma árvore. Não basta que tenhamos vontade, tudo depende da 'boa vontade' dos burocratas. C'est la vie [2]. E vamos seguindo, cuidando da natureza todos os dias.

E como fazem todos os anos, o pessoal do Faça a sua parte! se reune para comemorar o dia da terra, postando sobre ações que reduzem o aquecimento global. Aproveite e dê mais um passo para se conscientizar! Visite o Faça a sua parte! E comemore o dia da Terra!

Feliz dia da terra!!

8 comentários :

  1. Parabéns, Luma, excelente post! Retuitei, com certeza! Já passei tantas vezes pelas dunas de Cabo Frio, e nunca tive a visão que você teve. Parabés, novamente!

    ResponderEliminar
  2. Por aqui (RJ) ainda não precisa de autorização para plantar árvores; apenas para derrubá-las (o que é justo).

    Isso é uma inutilidade burocrática sem sentido.

    ResponderEliminar
  3. Mas aqui também andou desaparecendo post??? Ihhhh... tem algo de podre no reino da Dinamarca!!!

    Luminha desculpa... fiquei tao encantada com as fotos que nem li o post direito... vou lá de novo ahahhahaha

    ResponderEliminar
  4. Muito bom saber que várias pessoas participaram do movimento. Espero que sirva de exemplo para instituições governamentais que ações a favor do meio-ambiente não devem ficar somente nas palavras.

    Parabéns!

    ResponderEliminar
  5. Parabéns minha linda e bom fim de feriado pra ti e sua linda família, deu vontade de comer essa geléia parace tão boa, hummmmm
    Luma, enviei e-mail pra ti, mas é que voltou por causa do span, agora creio que foi.
    Adorei o texto e já fui procurar outros do mesmo autor, meu marido até levou para o grupo de estudos bíblico. Se você puder me indicar mais eu aceito de coração, muito obrigada por seu carinho, além de ter uma vida super corrida ainda arruma tempo para pensar em todos.
    Que Deus te abençoe e te muitas graças.
    Beijos!

    ResponderEliminar
  6. Sabe Luma, quando fui a primeira vez em Cabo Frio, lembro que fiquei impressionado com o tamanho das dunas, invadindo a estrada e tomando conta de tudo. Outro dia voltei e vi com tristeza a quela pequena duna, num enorme descampado, andando solitária de um lado para outro, como que procurando a família que a abandonara. A verdade é que trabalhei por anos na Cisper e sei bem o destino das velhas dunas, viraram copos e garrafas e não voltarão mais. Vi carretas e mais carretas entrando na fábrica, carregadas de uma areia branca como a neve, fina como açúcar. Eram as dunas de Cabo Frio, sendo desovadas nos fornos das vidrarias.

    Beijo

    ResponderEliminar
  7. Oi,Luma!
    Vim agradecer à esta participação tão lindinha e com fotos prá lá de fofas que você deu ao nosso chamado. Eu e a Georgia ficamos muito honradas.
    Quanto ao que vc disse sobre o uso das lindas areias de Cabo Frio para o rally, se eu fosse você e tivesse fotos do ocorrido, enviaria uma carta à Ouvidoria da Petrobrás para que não mais se repitam atos como esse tão anti-ecológicos.
    Parabéns pela participação.
    abraço carioca

    ResponderEliminar
  8. Que paisagem linda. Gostaria de conhecer. Está na minha lista das coisas por fazer. :o)

    ResponderEliminar

Tenha identidade, não seja anônimo na web. Crie sua identidade virtual.

...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

PlagSpotter - duplicate content checker tool
Licença Creative Commonsget click

Algumas coisas não têm preço


finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
Verificar conteúdo duplicado

Me leve com você...

Leia o luz no seu celular

Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

Leia mais para produzir mais!

Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor