Amigos Virtuais


Desde o início de 2000, o boom digital revolucionou o estilo de vida das pessoas e o imediatismo tornou-se um mantra entre pessoas conectadas e temo que a facilidade da informação tenha gerado uma certa preguiça mental nas pessoas. Há quem diga que as pessoas estão abdicando dos relacionamentos pessoais em detrimento dos relacionamentos virtuais. A internet também estará gerando preguiça social nas pessoas?
Em contrapartida, temos a internet pensante, onde comunicadores e geradores de conteúdo estão o tempo todo movimentando a massa cinzenta, trazendo atualidade para os fatos e novidades de entretenimento e comportamento.

Porém, a blogosfera é um mundo dentro da internet onde a compreensão, organização da memória e pensamento, exigem cuidados ambivalentes. As pessoas se aproximam por interesses comuns e, para se tornar "amigo virtual" leva algum tempo, o que também acontece com os vizinhos das redes sociais - Que participam lendo o que postamos, muitas vezes sem qualquer interação ou apenas "curtindo" ou divulgando a sua postagem - Essas pessoas nunca conheceremos a fundo.

Porém existem aquelas pessoas que nos chamam a atenção de imediato e quando existe empatia, a amizade logo fica à mercê de muitos cliques e palavras.
O "Luz de Luma" somente surgiu no ambiente on-line por causa dos amigos virtuais, órfãos do "Elas por Elas" que deu origem ao livro "Mulheres ao Ataque". De lá para cá, somam mais de quinze anos que estou na blogosfera, onde vi muitos blogues morrendo ou blogueiros morrendo. O "Luz de Luma" tem 10 anos.
É muito triste quando um blogue deixa de existir, mais ainda quando é o blogueiro que parte dessa vida - Nesse momento, imagino que muitos estão se lembrando dos amigos virtuais que perdemos e que soubemos de seus falecimentos. Também de outros que somem, não deixam recado ou não se previnem para quando acontece o pior. 
O mais engraçado é que lembro-me dos meus amigos virtuais como se eles fossem reais. É algo muito estranho, porque muitas vezes sabemos mais da pessoa lendo ela - seja em posts ou em comentários - do que de pessoas que são "reais", mas que não se abrem em conversas mais profundas. São os velhos "conhecidos", aquelas pessoas que passam por nós todos os dias e mantemos conversas superficiais. São pessoas que a gente vê mas não enxerga por dentro. Na blogosfera é diferente; por aqui encontramos almas que se mostram e se há identificação, queremos colar a nossa alma na dela.

Admiro as minhas amigas blogueiras que enriquecem a blogosfera de um consumismo melhor, mais positivo, lançando sementes de AMOR. Seres humanos notáveis que por onde andam, sentimos o quanto possuem o sentimento genuíno de BEM VIVER.

Este post faz parte da Blogagem Coletiva - Amigos Virtuais, organizada pela Ana Paula do blogue "Do Lado de Fora do Coração" que acontece até o dia 23 de Maio.

Para você, as amizades virtuais existem? 

Venha participar da Blogagem Coletiva!!

*De certa forma, essa blogagem é uma homenagem à Chica, uma pessoa especial que em um repente saiu da blogosfera. Só que não... Ninguém deixou! (rs*)

Aproveito a oportunidade para avisar que o blogue da Janeísa Tomás está de endereço novo. Se ainda não conhecem o blogue, sintam-se convidados!

Assine para receber os textos do "Luz de Luma" em seu e-mail ou acompanhe pelo Facebook

72 comentários :

  1. Isso é bem verdade, quando a gente gosta de um blog e o blogueiro desiste é bem triste e pior ainda quando a causa é falecimento. Nunca pensei que pudesse fazer amizades fortes pelo mundo virtual mas isso é bem possível, tenho três amigas que não abro mão e que conheci por meio de blogs. Parabéns pelo post!

    ResponderEliminar
  2. Eu era blogueira desde o msn spaces que depois acabou e depois de um tempo voltei e encontrei outra blogosfera na qual ainda acho difícil me encontrar rsss saudades daquele tempo que se lia as pessoas rsss vc continua ainda bem. Conheci algumas blogueiras e amigos virtuais que gosto bastante tempos atrás.
    Hoje estou mais isolada e quietinha por aqui.
    Adorei seu post e sua forma de pensar. Bjo

    ResponderEliminar
  3. É verdade, Luma, num mundo em que é cada um para seu lado, um blogue consegue dar-nos um pouco de aconchego! Já conheci pessoalmente algumas bloggers e hoje conto com duas como amigas :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Uma óptima homenagem à amizade, Luma! Também eu sinto como se conhecesse alguns blogueiros sem nunca os ter conhecido, mas entretanto conheci outros pessoalmente. Não posso deixar de mencionar a Roseane, do "Pavulagens da Ro", que conheci quando ela veio a Portugal. Acompanhei a luta da Ro contra a doença, os testemunhos de luta tão corajosos e inspiradores, torci e rezei por ela; e agora ela partiu. Estou desolada! E a minha tristeza é bastante real. Portanto as amizades que a internet gera podem ser e são frequentemente reais!
    Beijos, Luma.

    ResponderEliminar
  5. Luma, em primeiro lugar, agradeço o carinho hoje e sempre! Bem sabes o quanto adoro essa vidinha de blogueira, nossa blogosfera e as amizades que nela formamos. Minha saída durou menos de 24 horas...Nem aqui em casa ,nem os amigos deixara, e voltei. Fiz bem , pois a pessoa chateação que me levou a tal gesto de sair, ainda existe e, pelo jeito, muiiiiito ainda chatear´á todos aqui em casa. Se dependesse disso, estaria lascada! Fiz o melhor, aqui me sinto bem e revigorada!

    E por aqui, choramos as perdas das que se vão pra sempre e saudamos novas amigas! Obrigadão! bjs, tuuuuuuuuuuuuuuuuuudo de bom,chica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu recebi o texto pelo sistema de Feeds em que tenho a Chica e Luma. Quando cliquei no texto de despedida, o mesmo já havia sido removido.

      Comigo já aconteceu algo parecido. Já quis deletar todos os blogs, mas, antes de fazê-lo desistir.

      Ainda bem que a chateação e as razões que levaram Chica passou em tão pouco tempo.

      Eliminar
  6. Temos a possibilidade de ser o lado pensante na massa que é a web. Os blogs para mim são a ferramenta ideal para isso. Mas acho que a preguiça mental anda com uma aresta bem afiada!
    Sabe que essa saída da Chica, só que não, deu um chacoalhão em muitos blogueiros.
    eu me enriqueço muito com os blogues, eu sinto esse amor espalhado através das telas e gostaria que fôssemos como as formiguinhas que se tocam, fazendo o mesmo por aqui de duas formas: com a possibilidade de um café cara a cara e também com postagens e comentários que são de alguma forma um toque!
    Adorei a tua participação! Beijo.

    ResponderEliminar
  7. Ahhh Luma!!! Primeiramente bom dia!

    Eu também estou há mais ou menos 15 anos nesse mundo virtual. 4 anos de Bolhinhas... Quantas amizades passaram e chegam por aqui... Namoricos, enganações também (infelizmente fazem parte), chateações como disse a amiga Chica (bem merecida a homenagem - é uma presença marcante nos blogs)...

    Fiz amizades que ficaram, estou fazendo outras (como você - ontem estava respondendo seu testamento com outro..rs).
    Tenho uma amiga de Mato Grosso do Sul que viajou 28 horas pra ser minha madrinha de casamento.
    Aliás, prova de que muitos relacionamentos podem dar certo é meu casamento. Conheci meu marido em uma comunidade do antigo orkut. A internet nos ajudou a trocar e-mails enormes até nos conhecermos e nos casarmos. Esse tempo todo durou apenas 4 meses e meio. Temos as loucuras por aqui também..rsss

    Eu também amo os blogs... Sou apaixonada por interação, por isso já quebrei tanto a cara e ao mesmo tempo me alegrei com várias situações e pessoas...

    É um mundo fascinante, as vezes perigoso, outras vezes acolhedor e aproximador de pessoas... E você tá certa.. Muitas vezes conhecemos mais a alma das pessoas daqui do que aquelas que passam perto da gente e se dizem "amigas"...

    A internet serviu também para consolo quando meu pai adoeceu e se foi... Foi de grande ajuda...

    E assim vamos... Bom senso e cautela são sempre os melhores conselhos que vemos por aqui para uso da internet... mas eu... sou toda coração! ♥

    Beijos e um abraço virtual caloroso! :)

    ResponderEliminar
  8. Essa quase saída de Chica entrou para história dos blogs rsrs
    Eis-me aqui achando muito legal suas colocações e sabendo mais sobre seu blog e sobre você
    Vou aproveitar e dar um passeio por posts passados
    E nessa de amigos virtuais em comum, além da Ana, te vi no Blog de Felipa, que na sacudida de roseiras do Movimento Chica voltou a bogar
    Colcha de retalhos, espaços de trocas, de amizades
    Que assim sigam sendo nossos blogs
    Que venham seus próximos dez anos o/

    ResponderEliminar
  9. Já conheci pessoas pela internet que parecia já haver conhecido em outras vidas e isso me trouxe experiencias incríveis, inclusive a oportunidade de conhecer este espaço.

    ResponderEliminar
  10. Oi Luma
    A blogosfera nos traz muitas possibilidades. Com alguns blogueiros temos tantas afinidades que temos a impressão de conhecê-los da vida real mas há também o outro lado, aquela falsidade e inveja que muitas vezes nos faz querer desistir de tudo. Ofensas, humilhações faz parte desse mundo virtual e assim também é o real. Temos que filtrar o que é bom, o que nos acrescenta e nos nos faz melhores. Os espinhos vamos deixam pelo caminho. Um dia eles apodrecem e viram adubo. Bom senso e cautela é o que precisamos. E assim vamos construindo uma teia de amigos e companheiros. A inveja a gente deleta.
    Um lindo dia para você
    Beijos

    ResponderEliminar
  11. Muito bem descrito ,como é de costume, Luma
    E é muito prazeroso poder usufruir das amizades virtuais _ um vínculo quase inexplicável . Haja visto o pânico que foi a repentina retirada do ar dos blog's da Chica . Lembro-me agora de um blogueiro que adorava ler seus contos maravilhosos e de visita logo aqui no nosso Brasil sofreu um atentado e veio a falecer _ o nosso grande Rolando Palma. Só o conhecia daqui ,mas sofri como se amigo íntimo fosse e penso que toda a blogosfera também sofreu essa perda. Isso pra dizer que não há distãncia quando há empatia carinho respeito e sobretudo a paixão pelos blog's .
    E como a Ana Paula sugere _ eu também 'Amo blog'. rsrs
    deixo abraços

    ResponderEliminar
  12. Tem amizades virtuais que temos um carinho enorme.
    Mas nem só de virtual vive o homem, temos que nós relacionar com as pessoas do nosso dia a dia.
    Tem tanta gente que tem mais de mil amigos em redes, e qdo encontra nem bom dia dá.
    Ai me pergunto pra que isso?

    bjokas com carinho =)

    ResponderEliminar
  13. Oi Luma,
    Nesse mundo dos blogs, com algumas pessoas temos uma empatia
    imediata, e por isso é fácil lembrar dessas criaturas especiais,
    como se fossem reais.
    Isso acontece comigo também!
    Maravilhosa tua partipação nessa BC.
    Beijos :)


    P.S.: Ainda bem que a Chica resolveu ficar.
    Sem ela, a blogosfera, não é a mesma.

    ResponderEliminar
  14. Escrevestes muito bem, mais uma vez, Luma querida.
    Gosto demais deste nosso mundinho(Blogosfera) que me fez conhecer pessoas fantásticas com as quais aprendo muito(você é uma delas).
    Obrigada por particiipar lá da brincadeira no "bichinhos"
    Gostei da sua frase!
    Você tem toda razão,amiga
    Deixo um abraço apertado para tí.
    Com carinho de
    Verena e Bichinhos

    ResponderEliminar
  15. O mundo virtual nos impõe um paradoxo entre querer se relacionar fora dele quando encontramos afinidades ou ao contrário, nos esconder virtualmente e até deixar de existir quando a realidade nos mostra pessoas totalmente distônicas de nós mesmas, já a blogosfera nos enrique com um consumismo material e também com um consumo de amizade e amor que muitas vezes quando perdemos sentimos o vazio que este espaço deixou. Beijos!

    ResponderEliminar
  16. Voltei para dizer que estou participando da BC também.
    Venha tomar um cafézinho conosco.
    Vai ser um prazer.
    http://meusanjosadorados.blogspot.com.br/2015/05/anjos-bc-amigos-virtuais.htmll
    Beijinhos de
    Verena e Bichinhos.

    ResponderEliminar
  17. Muito boa,como sempre, esta sua postagem. O mundo dos blogs dá a oportunidade de criarmos novas amizades, inclusive em países distantes. É uma amizade virtual, mas o nosso coração bate com um sentimento de muita ternura pela grande maioria que nos visita e nos permite visitar. Podemos colocar o que sentimos, o que pensamos... É muito bom!...]
    Um abração,
    Élys.

    ResponderEliminar
  18. Então Luma, você é uma daquelas amigas virtuais que conquistei aqui nestes últimos 7 anos que estou na blogosfera. Já tive vontade de abandonar o blogue não vou negar, mas sinto-me de alguma forma comprometida com muitos desses amigos. E para mim é sempre um prazer enorme ser recebida aqui no seu cantinho. Um beijo grande. y

    ResponderEliminar
  19. Oi, Luminha!
    Amigos são amigos e aprendi com o tempo a não fazer essa diferenciação entre os "virtuais" e os "reais". A propósito, muitas vezes tenho tido mais alegria com os ditos virtuais do que com alguns reais que só me trazem sofrimento.
    Você, por exemplo, é uma amiga que só me traz coisas boas, inteligente, pesquisadora profunda e muito sensível.
    Te adoro de verdade, menina!Bjssss

    ResponderEliminar
  20. Meus amigos virtuais...muitos são mais presentes do que os que se dizem presentes e estão perto de mim, mas n me procuram e nem me abraçam!
    Gosto demais de seu blog,amiga!
    Falo no meu sobre coisas boas, mas sobre absurdos verdadeiros da sociedade também!
    Bjos no seu coração e que a nossa amizade virtual nunca se evapore!
    http://www.elianedelacerda.com

    ResponderEliminar
  21. Então Luma, você é uma daquelas amigas virtuais que conquistei aqui nestes últimos 7 anos que estou na blogosfera. Já tive vontade de abandonar o blogue não vou negar, mas sinto-me de alguma forma comprometida com muitos desses amigos. E para mim é sempre um prazer enorme ser recebida aqui no seu cantinho. Um beijo grande. y

    ResponderEliminar
  22. Oi Luma ~~ A elogios comemorativos para dez anos de blogging! E uma saudação para aqueles que já se foram. Eles são lembrados bem. Para amizade virtual. E para pr�ima amizade. Comradery. Synergy. Profundidade de comunicação. Muitos aplausos e fogos de artifício! beijos~>

    ResponderEliminar
  23. Possuo um perfil de facebook que é um fake-fuleiro: mudei o nome e tasco minhas fotos. Coisa de geminiana, deve ser! Quando o criei foi somente porque queria participar de um grupo de discussão sobre Consumismo e Publicidade Infantil e outro de estudos sobre dança do ventre. Por essa época a foto do perfil era a de uma bonequinha. Nada pessoal no face e assim nenhum contato real me encontraria. #sqn
    Porque os contatos reais já estavam lá, nos grupos de que participava. As pessoas começaram a mandar convites, eu aceitava quando convinha, eram carinhosas, compartilhavam suas vidas...foi me dando um incômodo por não me "apresentar", não me mostrar, daí foi quando assumi meu rosto...mais adiante fui alterando dados do perfil...e há umas semanas comprei uma pulseira de uma designer que conheci através de um contato de face e ela mandou a peça com o nome do Perfil, embora eu tenha preenchido tudo com meu nome verdadeiro. Desfeita a confusão, pois tive que retirar nos Correios, recebo um e-mail dela "Menina, tu tens cara de Nalini, tua tatuagem é nalini (flor-de-lótus em sânscrito), jamais pensaria em outro nome pra ti! Escuta, guria, porque não mudas teu nome para Nalini ou acrescente? Vê aí, porque tu és toda Nalini!" Inclusive pessoas que me conheceram Patrícia me chamam Nalini ou Ná :-) e agora a geminiana está feliz da vida: duas caras e cada uma com um nome. Serão duas caras? Duas pessoas? Que nada! Bem assim é a linha tênue entre o virtual e o real...quantas vezes uma pessoa de carne e osso, que trabalha conosco 10 horas por dia é mais virtual do que nossa amiga-blogueira?
    Acredita que eu não ia falar nada disso? kkkkkkk Deve ser o ascendente interferindo (entendo nada de astrologia rsrsr).
    Beijos, Lumita e obrigada pela reflexão e o carinho da escrita sempre bem cuidada.

    ResponderEliminar
  24. Luma bateu uma saudade daquela época em que eu tinha tempo de visitar todos os blogs amigos... mas o tempo passou, as responsabilidades "reais" aumentaram e o mundo virtual deixou de ser uma constante em minha vida.
    Optei por postar uma vez só na semana e ainda assim, em razão de compromissos em que tenho que estar de corpo presente, algumas postagens eu programo.
    Mas adorei o texto. Obrigada por manter essa nossa amizade virtual-real, amo!!!

    ResponderEliminar
  25. Oi Moça!

    Simplesmente adorei o teu post, ele me representa e muito!!! Poxa, quantas pessoas me deixaram "aos nervos" por simplesmente sumirem sem deixar rastros e eu não sei o que se passou, se estão bem...

    Em compensação muitos outros vieram e estão comigo até hoje, alguns sairam do blogues e viraram amigos "reais"... Inclusive de outros países, que a essa altura são mais presentes do que amigos que estiveram comigo desde que nasci...

    Teu post me trouxe muitas lembranças bacanas! Obrigado!

    grande abraço.

    ResponderEliminar
  26. Traduziu meu pensamento, Luma. É isso mesmo.Estabelecemos uma "amizade virtual" com nossos amigos blogueiros que fazem parte de nossa vida. Realmente é muito triste quando um blog deixa de existir.
    Parabéns pelos 10 anos do Luma.
    Bj,
    Lylia

    ResponderEliminar
  27. Oi, Luma.
    Parabéns pelos 10 anos do blog.
    Puxa, é muito tempo. O meu tem mais de 5 anos, mas passou uns dois anos inativo.
    Também percebo que as pessoas estão interconectadas, mas falta a conexão pessoal mais profunda, a intimidade. Tem muita gente que vive apenas na internet e deixa de viver a vida real.
    Abraços.
    Diego || Diego Morais Viana

    ResponderEliminar
  28. Consegui transpor amores e amigos a partir do blog, para o pedaço mais real da vida... e assim como no ambiente off-line, as pessoas vão e vem, algumas ficam, outras passam... vamos vivendo. A intimidade, a proximidade, é uma via de duas mãos... conforme a abertura que recebemos, nos expomos e nos reconhecemos, e assim ampliamos a teia de relações da nossa vida. Creio que o que mais contribui para a solidão é o culto a celebrização que alguns escolhem incorporar... uma necessidade vazia de ser preenchido pelo outro quando devemos tentar ser inteiros primeiro, para depois ter do [e no] outro um bom reflexo e muitas formas de compartilhar na essência do termo.

    em tempo: como fora a recuperação de um problema que você tinha nas mãos, tudo certo em relação a isso? beijos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada por se preocupar, Tony! Já estou 100% e já me esquecia do ocorrido :)

      Eliminar
  29. ola Luma sempre pertinentes os assuntos do teu blogue que nos faz pensar na amizade, já fui visitar o blogue da Ana Paula, onde deixei também a mensagem que os blogues são ferramentas maravilhosas que aumentam o leque de possibilidades de termos amigos em qualquer parte do mundo. Não substituem os amigos "locais", somente dão-nos oportunidades de acrescentarmos amizades e carinho no nosso dia a dia, tanto no ato de dar como de receber :)
    abracinhos
    Angela

    ResponderEliminar
  30. Luma, acredito piamente que a amizade virtual existe e pode significar muito me nossa vida. Eu me dou, quando gosto de alguém. E sou amiga "até debaixo d'água". Quem não gosta de mim nem imagina o que está perdendo! rsrs
    Beijo.

    ResponderEliminar
  31. Luma, fiz um post falando um pouco disto, de quando criei o blog e das amizades que fiz através dele!
    Eu acredito nessa amizade, e também acho que conhecemos muito a pessoa através do que ela escreve.
    Beijos, ótimo post!

    ResponderEliminar
  32. Engraçado como nos apegamos com certas pessoas virtualmente, e qdo as conhecemos não nos decepcionamos , pois é exatamente assim que são, sem máscaras.
    Já tive o prazer de conhecer 5 delas e adorei, inclusive a Chica , até veraniamos juntas la´na praia da Pinheira...foi mto bom.


    ResponderEliminar
  33. Ótimo post Luma!!! Eu já conheci amigos e amores virtualmente, que passaram para o "real"...Amigos que tenho como família...
    Amores mais intensos que muitos outros que estavam aqui comigo...
    Existe sempre os dois lados da moeda...
    E com o blog também tem sido assim.Recebo carinho e amizades que nem esperava, e sinceramente eu amo muito tudo isso!
    Beijos e beijos

    http://simplesmentelilly.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  34. Oi, Luma!
    Vou participar... Vi lá no blog da Lúcia ( http://sem-medida-lucia.blogspot.com.br) e se é homenagem à Chiquinha, não dá para perder.

    Bjs

    ResponderEliminar
  35. Boa noite amiga Luma!!!
    E é bem assim...amigos virtuais...reais...cada um com seu estilo. Mas os amigos virtuais acabam tendo um espaço especial em meu coração!!! Me lembro sempre de alguns que mantêm o contato e como você relatou mesmo os que somem, ou partem para uma outra dimensão...ficam guardados com carinho!!!
    Show de bola essa postagem!!!
    Que Deus continue a nos abençoar sempre!!!
    Bjokas...da Bia!!!

    ResponderEliminar
  36. Oi Luma! Blogar é um momento muito especial de pensar, rascunhar, editar e publicar a postagem. Para mim funciona até como um divã. Cheguei na blogosfera quando eu estava grávida da Laura! Passei pelo "Memórias Reveladas", "História em Prosa" e agora "Maria Rosa" e nesse meio tempo o "Crescendo Juntas" que, infelizmente, precisei restringi-lo, mas creio que ainda chegará o tempo de poder retorná-lo ao público. E quantas pessoas especiais eu encontrei nesta caminhada! Beijo! Renata

    ResponderEliminar
  37. Nossa, o texto me caiu como um luva ... eu estou me envolvendo com um amigo de Santa Catarina, blogueiro também ... e estamos assim NOS AMANDO ... muito legal essa coisa, né?

    The Neighbourhoods
    http://theneighbourhoods.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  38. Oi Luma!
    Como sempre muito bom o texto!
    Adorei também como colocou os gatinhos para ilustrar o post!
    Bjs

    ResponderEliminar
  39. Olá...
    Olha só como esse mundo é pequeno rs
    Muito bom conhecer e fazer novas amizades, mesmo que sejam virtuais.
    Beijos

    Flavinha

    ResponderEliminar
  40. Essa é uma dúvida que me acompanha: estamos mais ou menos sociáveis, com toda essa relação virtual? Cheguei à conclusão que mais, só que não pessoalmente.
    Tb considero algumas blogueiras minhas amigas e ficou feliz prá caramba de ter a chance de conhecê-las. Se não fosse os blogs, essas amizades jamais aconteceriam e eu não saberia quantas pessoas parecidas comigo existem por aí!
    Bjs

    ResponderEliminar
  41. Sentir-me-ei incluido entre suas amigas! :-)

    ResponderEliminar
  42. Quanta coisa que penso que vc falou nestas frases, já vi duas morrer e foi um baque, muitos abandonaram, e assim é a vida mas o que mais concordo contigo é que por muitas vezes tenho tido conversas com pessoas virtuais mais profundamente do que com as reais, mas as virtuais são reais em algum lugar do mundo então será que não estamos nos acomodando com este mundo virtual e deixando de lado o olho no olho?
    bjs

    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  43. Retribuindo a visita, agradeço o carinho que me fez. Adorei seu texto, realmente muito verdadeiro. Alguns amigos virtuais são mais íntimos que aquele que mora na mesma rua, ou cidade.
    Estou voltando depois de um tempo de problemas e preguiças...
    Seu blog é muito interessante, voltarei com prazer. Beijos

    ResponderEliminar
  44. Boa tarde minha querida!
    Que postagem bonita!
    Texto gostoso e gratificante de ler!
    Ainda bem que o seu blog existe para nos presentear com textos lindos
    cheios de bons ensinamentos. Gosto de vir aqui e ler com carinho o que vc
    escreve pois td que tem bom conteúdo tem que ser lido com carinho.
    O meu blog tem 5 anos e fiz várias amizades que se tornaram reais, hoje mesmo já chorei por uma amiga virtual que está dodói, o desabafo dela
    doeu em mim. Mas com certeza ela estará sempre em minhas orações.
    Desde que tenho o meu blog, já perdi algumas amigas, hoje elas estão descansando em paz. A dor de perder uma amiga virtual a mesma de perder
    uma pessoa real, pois estamos sempre conectadas.

    Um grande beijo e sucessos sempre!

    ResponderEliminar
  45. Ótimo texto,como sempre você escreve muito bem,coisa que adoraria fazer escrever bem.adoro blogar.Realmente nos conseguimos com o blog expor o que sentimos de verdade,com palavras bem escritas ou não.Gosto muito dos meus amigos virtuias.Bjs

    ResponderEliminar
  46. Oi Luma! A Chica quase mata a blogosfera do coração! Mas nós laçamos a Joaninha e não deixamos ela bater as asinhas! rs rs rs Bjks Tetê

    ResponderEliminar
  47. Nesta "fuga" para o mundo virtual descobrimos que tudo é igual ao mundo físico.
    Assim como fora da Net, vemos pessoas indo e vindo em nossas vidas, pessoas trazendo felicidade e outras... tantas coisas ruins.
    Da mesma forma Blogs novos nascem e outros morrem de morte morrida (talvez pelo tempo) e outras de morte matada.
    Fazemos amizades e inimizades nos fazem.
    Construimos família e destruimos famílias.
    ... até virtualmente não deixamos de ser quem somos, pelo contrário, nos revelamos em qualidades e defeitos, virtualmente somos seres-humanos.

    ResponderEliminar
  48. Luma,
    É bem verdade que conhecemos melhor os amigos virtuais. A blogosfera me deu a oportunidade de ter a alma de pessoas maravilhosas ligadas à minha. Você é uma delas.
    Beijo, menina

    ResponderEliminar
  49. Luma muito bom seu post, em especial a parte da preguiça.
    Eu era uma que comentava sempre e hoje infelizmente não consigo mais porém continuo lendo e acompanhando alguns que eu gosto muito.
    Tive que priorizar então acabei perdendo um pouco desse contato por comentários, o que sinto muito.
    Conheci e fiz algumas amizades virtuais muito boas. Quando rola afinidade é como na "vida real".
    Adoraria um dia tomar um café com você.
    Abraços
    Grá
    (meu blog está ai na ativa desde 2006 e a vida tem sido boa por lá apesar de ter diminuido também as postagens. vida longa para nós blogueiros que ainda não desistimos dessa plataforma).

    ResponderEliminar
  50. Luma:
    Quando há empatia, ocorre a Amizade - seja ela virtual ou real.
    Não tenho tanto tempo de blog, quanto você, e por isso creio que não passei por algumas fases na blogosfera...
    Mesmo assim, mantenho algumas amizades por aqui, pelas quais tenho muita consideração, admiração, respeito pelo "trabalho" e carinho.
    Bjs.:
    Sil

    ResponderEliminar
  51. Eu tenho uma lista de alguns amigos virtuais que desistiram de blogar: By Oscar, Rafael, Jesus Apocrifo, Emi a bióloga, Fabi, Lucia Girão, Daniel-Murdock, Ana Paula (Somos todas umas vacas) etc. E, muitos apenas abandonaram os blogs para irem para o Facebook.

    Há muitos blogs abandonados: Beth Santana, Juli Rossi, Meiroca, Iara Alencar, são exemplos. Outros, como por Grace Olssen parou por problemas de saúde. Outras pessoas tiveram contatos pela blogsfera, se apaixonaram por pessoas, e desiludiram, abandonaram os blogs.

    A blogesfera muito me ajudou. Em especial quando estávamos lutando com a saúde de nosso filho e o tratamento do câncer de linfoma. Recebi ajuda financeira, auxilio, conselhos, orientações, apoio.

    O blog Luz de Luma é um dos mais antigos que sigo, leio, acompanho, e comento!

    ResponderEliminar
  52. Oi Luma! As possibilidades do mundo virtual me ajudaram muito em relação a me expor, ainda sou meio bicho do mato, mas melhorei muito, não tenho vergonha como antigamente. Tive um perfil "fake" que era totalmente eu para quem quisesse saber, usava em uma comunidade do Orkut onde aprendi muito.
    Todas amizade mais próximas, seja virtual ou pessoal, acabaram em conflitos, acho que vamos nos expondo, vendo os defeitos e esses acabam pesando mais na questão convivência...somos intolerantes. Penso que a grande causa disso é as pessoas quererem mudar o outro, sabe aquela coisa de: 'Ah, ela é tão inteligente, mas...' Parece aquela coisa da pessoa que gosta de uma beldade, mas o conteúdo é uma lástima (do ponto de vista dela) e aí resolve querer moldá-la ao seu gosto.
    Outra coisa que para mim não funciona nas amizades virtuais é rivalidade entre amigas, fofoquinhas in box e mimimi...Tão adolescente isso, tenho saco, não!
    Gosto demais de algumas pessoas, admiro, mas meu jeito de gostar é caladim e sem conflitos, uns entendem isso, outros não, alguns persistem na amizade, outros somem...Engraçado como as pessoas deixam de admirar as outras só porque estas não correspondem as suas expectativas...E eu, faço questão de ser eu, mudo sim, mas por reflexão, jamais imposição.
    Enfim, relações humanas sempre serão complexas!

    Bom final de semana, beijos!

    ResponderEliminar
  53. Eu achei seu post tão bonito e me tocou tanto porque eu ando afastada da blogosfera e sempre que dá pra postar alguma coisa você está lá no meu blogue. Você deixa um comentário. É uma espécie de: "Ah, estou vendo você". Assim é pra mim... Muito obrigada pela presença. É bom saber que sempre tem alguém que participa, que interage. Não à toa esse cantinho aqui existe há tanto tempo!

    Beijos :)

    ResponderEliminar
  54. Luma,
    Ótima a BC! E excelente o seu texto. Tenho um bom tempo na blogosfera. Deixei de blogar por diversas vezes, deu vontade de desistir. Mas, o problema não era a blogosfera e sim o desânimo que me abateu. Conheço virtualmente várias blogueiras maravilhosas. Elas me ajudaram muito e me ajudam nos momentos de desânimo. Ando devagar nos meus blogs, mas, vou me esforçando para mantê-los. Bjs e que seu dia seja de paz.

    ResponderEliminar
  55. Oi Luma, é a Vi, através do blog tivemos oportunidade de conhecer pessoalmente algumas blogueiras, e fazer amizades.
    Tem aquelas que mesmo sem conhecer pessoalmente se tornaram grandes amigas, pessoas do coração.
    Muitos beijos,Vi

    ResponderEliminar
  56. Obaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa! Eu que o diga o que seria sem meus amigos virtuais?????? Toda minha gratidão! Beijos, abraços, carinho.
    Muito felizzz1!!

    ResponderEliminar
  57. Luma, merecida referência à Chica, que é tão querida. As amizades que fazemos aqui são especiais. Algumas saem do virtual para o real, não nos decepcionando. Quero bem aos meus amigos blogueiros e me preocupo com suas questões pessoais, quando as abordam. Fico triste quando alguém parte, independente da maneira como isso ocorre. Nossa, muito aprendemos e nos divertimos nesses espaços de porta abertas, onde somos sempre bem recebidos. Você fez uma bela participação na BC. Bjs.

    ResponderEliminar
  58. Tem pessoas que conhecemos e carregamos por anos aqui.
    Ótimo final de semana para vc!
    Obrigada pela visita
    Beijos Coloridos!!!♥♥♥

    ResponderEliminar
  59. Oi Luma,
    Sinto saudades da época que você lançava os temas das blogagens coletivas. Qdo fizer novamente, me avise. Conheci vários amigos virtuais e alguns viraram reais . Fico triste quando as pessoas desistem de blogar e aquelas que criam seus blogs só pensam em ganhar dinheiro e serem famosas, mas não é bem assim que acontece.
    big beijos

    ResponderEliminar
  60. É quase certo que nunca nos conheceremos pessoalmente. Mas, ao vir ao teu espaço, é como se visitasse uma amiga real :) :)
    (Sim, o mundo dos blogues é mais credível, mais sustentado. Numa rede social, não há tempo para "criar laços" - salvo raras exceções; estou no FB, essencialmente por questões literárias.
    Bjuzz, Luma :)

    ResponderEliminar
  61. Noossa Luma,
    vc tocou com ressonância as cordas do meu coração.Tuas palavras estão aqui ecoando em sentires, em saudades e celebrações por tudo de bom e de triste que virtu-vivi( expressão inventada agora) nesses cinco anos partilhados em tantas trocas significativas e inesquecíveis.

    Colo minh'alma à tua e as d'outras queridas por cá e acolá, como a Chica, a Ana, a Beth... :)
    Mil bjkas,
    Calu

    ResponderEliminar
  62. Bem, para mim foi uma forma de me aproximar das pessoas. Reencontrei amigos que não via há mais de trinta anos e criei novos amigos, também, com os quais encontro pessoalmente, para um café. Gostei muito de sua visita no meu blog e sobre o livro Doce vida em Paris, gostei sim. Só que o livro não é um romance mais parece uma biografia... mostra a Paris vista pelos olhos de alguém que deixou sua terra natal para lá viver. Eu que vou ao banheiro fazer pipi de hora em hora(até pareço com uma boneca que eu tinha, eu dava a chuquinha com água pra ela e logo ela molhava a fraldinha), vou ter muita dificuldade de encontrar um banheiro por lá... as casas, mesmo as de classe média, só possuem um banheiro e em sua maioria, segundo o livro, bem pequenos. Acho que vou adiar minha vontade de visitar Paris... quem sabe quando eu estiver usando fraldas geriátricas. Um bom domingo! Beijos!

    ResponderEliminar
  63. Oi Luma!
    Gostei do tema, pena que a data já foi... Fiquei sem internet a semana toda. Os amigos que tenho mais intimidade de alguns anos, são poucos, mas tenho a sua mesma sensação, não são virtuais, são simplesmente amigos.
    Bjooooooooo

    ResponderEliminar
  64. Oi querida!
    Muito bom seu post. Adorei
    Tbe refleti muito e participo da BC
    Bjks mil
    http://www.blogdaclauo.com/2015/05/recebi-o-convite-para-participar-desta.html

    ResponderEliminar
  65. Eu estava pensando sobre isso hj, Luma. Estou olhando meus blogs meio abandonados no último mês) e notei que algumas blogueiras realmente sumiram. Que pena, sinto falta delas.
    Bjs.

    ResponderEliminar
  66. Querida Luma querida,
    Pois é, o meu blogue já foi mais ativo e eu já vivi um pouco mais online que hoje (na realidade, sempre escrevi mais que postei, mas ultimamente tenho até escrito pouco). A vida fora da rede me absorve, me encanto mais e o novo menbro da casa (Garcia, o meu Pit Bull velhinho) requer muitos cuidados.
    Grandes amigos, que deixaram de ser virtuais para se tornarem amigos de carne e osso, reclamam que participo pouco das redes sociais. Infelizmente sou assim, deligado e meio maluco. Bato altos papos com amigos - virtuais e em carne e osso - e me sinto feliz, pois nunca estou sozinho. O problema é que esses bates-papos só acontecem na minha cabeça (náo, não sou esquizofrênico). Noutro dia almocei com você aqui perto de casa, onde fazem uma focaccia di Recco deliciosa. E você adorou! Estava com pressa e sem tempo para fazer almoço. Sozinho, resolvi sucumbir a uma das minhas tentações e fui lá. Pensei: "Acho que alguém como a Luma iria gostar..." e fomos nos dois.
    :)

    Também absorvo muito do que as pessoas escrevem e sei quandcomo um amigo virtual está, sente ou pensa, lendo o que escreve. Sei que a amizade precisa ser cultivada, mas... Eu sou desligado.

    Beijoca.

    :D

    ResponderEliminar
  67. Luma querida, prova que existe amizades no virtual, é o carinho que sinto por você e por outras pessoas que conheci através do meu blog e que hoje fazem parte de minha vida. Sinto falta quando não postam por vários dias, me preocupo se estão bem, Alguns, nesses anos de blog, cheguei a conhecer pessoalmente e a amizade só se aprofundou mais, Prezo demais a amizade e não me importo se ficam apenas no virtual ou se extrapolam e passam a fazer parte de fato do meu dia a dia. Tenho carinho genuíno por todos. Luma, acredite, você é especial para mim e quem sabe um dia a gente não se conheça pessoalmente? Bjs

    ResponderEliminar
  68. Eu gosto de conhecer gente diferente, talvez por isso mantenha ainda o blog, mas amizade no mundo virtual, acho bem difícil.

    Beijinho, Luma.

    ResponderEliminar
  69. Oi Luma.
    Vim conhecer seu blogue por causa do desafio do blog da Ana Paula.
    Muito interessante sua experiência nesse mundo blogueiro também.
    bj

    ResponderEliminar
  70. Querida Luma
    Nunca me imaginei com um blog, até que uma grande amiga resolveu presentear-me com um e me pediu que começasse a escrever. Assim fiz e não me arrependo até hoje.
    Em tempos,li numa revista francesa uma notícia com imagens que falava de um idoso a viver só, numa aldeia. Nunca mais me esqueci daquela página: mostrava o senhor sozinho e a legenda dizia «Isolé». Ao lado, uma foto com a família numa grande cidade e ele a olhar para todos, com saudades; a legenda:«Désolé». A seguir, o velhinho estava sentado a uma secretária com o seu computador e a legenda:«Consolé».
    Por vezes, estamos mais acompanhados pelos amigos virtuais do que por quem está ao vivo, connosco!
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderEliminar

Tenha identidade, não seja anônimo na web. Crie sua identidade virtual.

...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

PlagSpotter - duplicate content checker tool
Licença Creative Commonsget click

Algumas coisas não têm preço


finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
Verificar conteúdo duplicado

Me leve com você...

Leia o luz no seu celular

Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

Leia mais para produzir mais!

Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor