Quem precisa de flores mortas?

Luz de Luma, Yes party!

Luz de Luma, Yes party!
Luz de Luma, Yes party!
Luz de Luma, Yes party!
Luz de Luma, Yes party!
Luz de Luma, Yes party!
Luz de Luma, Yes party!
Luz de Luma, Yes party!
A vida e a morte de 10.000 rosas vermelhas: Trabalho da artista plástica Anya Gallaccio - "Red on Green" - As fotos mostram dez mil rosas vermelhas dispostas no chão de uma galeria, ao longo do tempo, do auge da beleza até a secura completa.

Qual a mensagem dessa instalação? Eu não posso pensar muito sobre isso, pois é descartável pensar que é preciso cortar dez mil rosas de vários pés de roseiras para mostrar que as rosas morrerão mais rápido, terão seu ciclo de vida interrompido por um capricho.

Não é o que acontece todo ano em datas especiais, principalmente no Dia das Mães? Quantas mães recebem buquês de flores? E se pudéssemos juntar todas essas flores em um único lugar? Não recairíamos no que a artista voluntariamente propôs?

A minha mãe não gostava de receber flores mortas e sempre dizia que se assim quiséssemos presenteá-la, melhor que fossem em vasos. Sempre recebo flores e não tenho atitude extremada, pois nem sempre posso dizer que não gosto de recebê-las em ramos. Os mais íntimos já sabem e não tenho do que reclamar da alegria que é ver um vaso se renovar. Outras vezes, fotografo as flores nos vasos, como se quisesse perdurar a lembrança e depois tento replantar em vasos maiores ou diretamente na terra.
Luz de Luma, Yes party!
Luz de Luma, Yes party!
Não quero ser impertinente com as minhas considerações, afinal, uma flor é uma flor e a tradição diz que Maio é mês das mães. Indo um pouco além, ou seja, fiquei sabendo pela Júlia, uma amiga blogueira de Barcelona, que tudo pode ter começado no Hemisfério Norte, precisamente na Grécia antiga, quando se comemorava a primavera, e a profusão de flores inspirou os gregos a homenagear Reia, a Deusa que era mãe de todos os outros deuses.

Mas e depois? Não mais seguimos a "Deusa" ou se seguimos, fazemos sem saber e foi no século XVII, que a Inglaterra se manifestou e criou o seu Dia das Mães. Demorou um pouco e no século XIX a data passou a ser comemorada nos Estados Unidos. Aqui no Brasil, somente à partir de 1932, quando Getúlio Vargas cravou o segundo Domingo de Maio como o dia de dar flores para as mães, esposas, namoradas, futuras mamães... quer dizer, qualquer mulher adulta. O que não procede nos dias atuais. O que é imposto se molda na sociedade de forma a ser mais conveniente para os envolvidos quando o Estado não "obriga". Fazemos porque queremos, então, porque muitos ficam: "Essas datas são comerciais..."? Que chatice esse discurso. Cada um faz o que quer ou o que a mãe manda, certo? :D

Sei que, de Reia para cá, a mulher mudou e bastante. Atualmente mulheres dirigem tratores, caminhões, empresas e até mesmo países.

Mas uma flor continua sendo uma flor, e a emoção que ela provoca continua a mesma! Mas por favor, vivas! Entre nessa vibe...

Aproveitando para contribuir para o "Vamos brincar com a Chica?", onde nessa semana a palavra é "mãe" e pede para fazermos uma frase com 7 palavras, me inspiro no Vitorio Nani e cito uma frase que vale por duas - vamos dizer que é uma participação dupla, eu e ele, então 2 x 7 = um provérbio judaíco:

"Deus não pode estar em todos os lugares e por isso fez as mães".

Feliz dia das mães, das namoradas, das casadas, das vovós, das futuras mamães e de quem mais chegar!! 

Assine para receber os textos do "Luz de Luma" em seu e-mail ou acompanhe pelo Facebook

69 comentários :

  1. Lindo te ler, ver tuas considerações.Não gostaria de ver tantas flores assim...Tenho pena! Sempre as prefiro em vasos ... Obrigadão por brincar comigo lá! Ficou linda! Parabéns pra ti e todas mamães!bjs,chica

    ResponderEliminar
  2. Muito legal sua reflexão...Parabéns pelo dia das mães!
    beijo
    Leticia
    www.leticiapsicologa.blogspot.com.br
    www.tipoassimtomsik.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  3. Que lindo seu post! Sabe que eu também não gosto de receber flores. Detesto receber Rosas e todo ano meu marido compra para as crianças me darem. Já expliquei que eu não sei o pq não gosto de receber flores, mas se quiserem me dar ao mesmo assim, que sejam Lírios, que são o que eu gosto.
    Então no ano passado ganhei, o que eu acredito que esteja virando tradição: Lírios e café na cama! Todos os anos o mesmo ritual, flores, café na cama e presente!
    Mas depois fica a bagunça da cozinha pra eu limpar... Acaba o encanto!

    ResponderEliminar
  4. Sua mãe e eu ensinamos o mesmo para os filhos :nada de flores mortas!

    ResponderEliminar
  5. Nunca tive esta relação com a flor,,para mim flor é flor, mas ficarei atenta a partir deste texto. Sem pieguismo, uma linda homenagem as mães. Sempre quero ser presenteada no dia das mães, pelo meus filhos. Especialmente eles por serem homens,devemos cultivar o sentimento da gentileza. Por outro lado dou sugestões, que sempre cabem no bolso deles, sou contra a eu ir comprar e dizer que me deram. Neste ano pedi um café da manhã, na Confeitaria Brothaus, aqui em Joinville, que é uma delícia. Simplesmente gentilezas. A vc e a todas as mães, um grande abraço. Raquel .superlinda.com

    ResponderEliminar
  6. Parabéns pelo dia das Mães
    Eu também amo receber flores em vasos
    Obrigada pela sua visita e seu carinho
    Beijos.

    ResponderEliminar
  7. E que a morte é algo que está aí e tem que ser encarado.
    Voltei e preparei um presentinho pra você, venha conferir.
    Tenha um ótimo fim de semana!
    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  8. Tem toda a razão e o meu apoio a causa! É lindo ver os botões de flores desabrochando nos vasos, o renovar da vida!
    Feliz Dia das Mães!

    http://alegravlis.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  9. Vixi, ainda bem que tu me lembrou que o dia das mães é agora. =)

    ResponderEliminar
  10. Lindo seu texto querida Luma.
    Amo ver o desabrochar das rosas em nosso quintal, gosto de fotografar seu dia a dia, temos mais de 15 mil fotos de rosas., um dia ainda arrumo todas num lugar só...Feliz dia das Mães, que Deus abençoe sua vida sempre, beijinho no coração.

    ResponderEliminar
  11. Vida e morte são as duas coisas que o ser humano tem certeza que vão acontecer um dia.
    Feliz dia das mães

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  12. É necessário cultivar o seu jardim, como bem ensinou Voltaire. Realmente a sociedade alimentação de rituais que, quase sempre, implicam algum tipo de destruição...mesmo os dias disto e daquilo.
    Esse tipo de «arte» é bem discutível...
    «Tudo começou nos gregos» diz-se por aqui...

    Beijocas

    ResponderEliminar
  13. Oi Luma, também não gostei da instalação do artista com os milhares de rosas expostas para morrer. Os budistas dizem que, se pudéssemos perceber claramente o milagre que representa uma simples flor, nossa vida mudaria por completo.
    Vivi durante longos anos dentro de uma mata fechada, lá aprendi a contemplar a vida em suas infinitas escalas – da planta inteira, caule, folhas e flores, ao microcosmo de cada nervura de folha. Algumas caem, outras renascem, e assim a gente vê de perto como é a vida acontecendo.
    Então hoje, quando ganho plantas, flores em vaso ou não, as recebo como seres e não como objetos. Pétalas de rosas que vão caindo ao longo da semana, por exemplo, vão para um pratinho para secar e depois continuam enfeitando e perfumando por longos meses.
    Tudo sempre se renovando.
    Um beijo grande e feliz dia das mães para todos nós. Yvone

    ResponderEliminar
  14. Um lindo trabalho realizado pela artista plástica que pode nos fazer refletir sobre a duração da beleza e da vida. Deixo um pequeno texto meu sobre as flores também...

    Seja qual for a sua dor,
    Haverá sempre uma flor,
    Para lhe cobrir o peito.
    Rosas, crisântemos ou margaridas,
    Flores sobre um corpo,
    Cheiram mais do que uma vida.
    Mas não nos esqueçamos dos crisântemos,
    Também não esqueçamos das orquídeas,
    As flores dos lírios são brancas,
    Mas suas ilusões são coloridas.
    Dizem que até as flores têm a sua sorte,
    Pois umas enfeitam a vida,
    Outras enfeitam a morte.
    Flores que deixam loucos os colibris,
    Flores que desabrocham na primavera,
    Flores que dei à namorada no jardim,

    Flores são tantas as flores,
    - Tirem estas flores de mim!

    ResponderEliminar
  15. Oi Luma,
    Saudades de vir aqui e ler suas mensagens tão oportunas. Passei uns dias fora, mas estou retomando o contato com as amigas.
    Eu também sou a favor das plantas vivas e embelezando nossas vidas.
    Bj e bom fim de semana,
    Lylia

    ResponderEliminar
  16. O trabalho da artista não faz bem aos meus olhos. Gosto de ver as flores vivas, coloridas e perfumadas. Mas confesso que nada tenho contra dar e recebê-las, seja em vasos ou em buquê. Cuido delas com o mesmo carinho e duram bastante. A natureza se renova e, mesmo nos galhos, elas vão morrer, pois têm seu ciclo já determinado.
    Que o dia das mães seja especial para todas elas. Bjs.

    ResponderEliminar
  17. Interessante suas colocações...Achei um desperdício tantas rosas só para vê-las completar um ciclo...Enfim...
    Eu amo flores, principalmente rosas. Quando comecei a sair com meu ex-marido. Antes mesmo de namorarmos ele encheu o carro de flores para comemorar o dia da primavera...Eram tantas flores que eu quase não coube no banco da frente kkkkk. Claro que eu gostei!!!!

    Beijão


    Mãe vai muito além daquilo que se imagina...
    Só quando se é mãe é que se compreende o que é “ser mãe”...
    Mãe, mesmo quando erra está certa, porque tudo o que faz é por amor!

    ResponderEliminar
  18. Luminha querida,
    Aqui em casa não entra flores. Somente vasos de plantas.
    Como trabalhei muitos anos com terra, flores, plantas etc..
    a flor nunca deve ser arrancada. Achei idiotice essas roas mortas.
    Sou mae sim, tenho o meu bebe, tenho 2 enteados e cuido de
    20 bebezinhos no pavão pavãozinho(morro carioca).
    Desejo de ♥ um Feliz dia das maes com pitadas de alegria e paz.
    E um vasinho de planta.rs.

    ResponderEliminar
  19. Não gosto muito de receber flores, mesmo em vasos. porque sempre morrem tbm :(
    Mas, se recebo, fico feliz pelo gesto delicado da pessoa que me deu. Esse é o verdadeiro presente!
    Bjs, querida!
    MP.

    ResponderEliminar
  20. Luma,
    é mesmo desconcertante ver-se o ciclo de vida das flores mortas, por isso já consegui, algumas vezes sucesso, ao replantar umas que ganhei em datas especiais, mas também não consigo radicalizar quando ganho -as em bouquet.
    Apesar dos pesares, flores vivas são mais bem-vindas.
    Um Feliz Dia das Mães!
    Abraços,
    Calu

    ResponderEliminar
  21. Sim, pode parecer estranho vê-las assim, mas o que o artista quis mostrar é justamente nossa finitude, embora as roseiras, quando podadas corretamente, estimulam a floração e a brotação.
    Adoro flores, adoro recebê-las e dá-las!
    um abraço carioca

    ResponderEliminar
  22. Oi Luma!

    Engraçado que também não gosto de receber flores cortadas! Prefiro os vasos!!! Tenho várias flores plantas no quintal da minha mãe que ganhei! E me lembro de cada uma com carinho especial! O mais engraçado que na época de poda fico com dó das roseiras... kkkkkk Mas depois elas voltam a brotar com tudo, se enchem de rosas e tudo fica lindo novamente. Por isso que não gosto do inverno, época que até as plantas ficam tristes!

    E eu vi na tv essa " Parabéns para você que não tem filhos, mas adota todo mundo, abre mão de tudo para ver os outros sorrirem." Contei para uma amiga e ela disse: "essa foi para você e eu ainda acrescento: Larga mão disso mulher, tem gente que não merece ser seu filho adotivo!" Foi um tapa delicado dela mas ri muito....rsrsrs


    Beijos

    ResponderEliminar
  23. Oi Luma! Pior que só de cortar a flor do pé ela já está em processo de morte! Mas que é bom receber um ramalhete de flores do campo é! Lindo você ser grata a N. Sra. de Fátima por sua vida! Normalmente nossas mães, que fazem as promessas, é que ficam eternamente grata e nós que fomos diretamente beneficiadas, nem sempre agimos assim! Parabéns por manter essa devoção. que a Virgem de Fátima continue te abençoando! Bjks Tetê

    ResponderEliminar
  24. Olá Luma! Concordo plenamente com sua mãe e com você. Não vejo nada de bacana nesta instalação. Gosto de flores em vasos e tenho poucas, mas que amo muito. As flores dos vasos também morrerão, mas no seu tempo, quando a natureza (Deus) quiser... Capricho, você disse tudo! Aproveito e deixo um beijo de dia das mães!

    ResponderEliminar
  25. Já dei muitas flores. Acho que eu gostava mais de as dar do que as pessoas que as recebiam gostavam. Também gosto mais delas vivas, nos jardins, nos campos, mesmo florzitas sem expressão , sem glamour: uma flor é uma flor, é uma flor...
    Viva o dia das mães! Abraços.

    ResponderEliminar
  26. Luma, receber a planta viva é muito bom, mas não me importo de recebê -las em buquê. O ciclo é inevitável e o ato tem seu significado.
    Beijo, menina

    ResponderEliminar
  27. Oi Luma, essa me fez lembrar de uma "instalação" que uma pessoa fez no Parque Lage (RJ) pintou toda a grama de vermelho. Fiquei revoltada, isso para mim não é arte. Como também não acho graça nenhuma em ver essas rosas todas "jogadas" aí. Flores só plantadas! Em jardim ou vasos, e devemos deixar que elas vivam seus ciclos.
    Tenha um ótimo fim de semana.
    joturquezzamundial
    Beijos.

    ResponderEliminar
  28. feliz dia!!!!!!!!!!!!!!!! http://aculpaedasestrelasfilme.com/tfios-feliz-dia-das-maes/

    ResponderEliminar
  29. Sou apaixonada por flores. Lembrei de uma parte da exposição do Roberto Carlos que haviam várias delas.
    Já respondeu nossa pesquisa no blog ?
    Big Beijos

    ResponderEliminar
  30. Oi Luma! Minha mãe não gosta de receber buquês, por isso sempre prefiro dar mudas de flores. Ou opto por flores que ela possa plantar depois que o buquê murchar. Eu e ela adoramos flores, mas achamos que o dia das mães é frescura. Explico: tem gente que nunca lembra da mãe, mas corre para comprar um presente (qualquer quinquilharia) no dia das mães, só por obrigação. Aprendi com ela: presente a gente dá quando tem vontade.
    Bjs.

    ResponderEliminar
  31. È por sentir saudades que estou aqui para desejar
    um abençoado e feliz final de semana.
    Que DEUS te abençoe a cada
    dia com sua infinita graça e Misericórdia.
    Beijos no coração e meu carinho.
    PS.Recadinho na postagem..
    Evanir.
    Feliz dia das mães amiga.

    ResponderEliminar
  32. Querida Luma
    Para além de gostar muito de a ler,também concordo em absoluto consigo.
    Adoro flores,mas... em vasos.
    Quando mudei de casa, a minha prioridade era escolher em função de ter ou não uma varanda.Para poder cultivar plantas,mesmo no centro de uma grande cidade.E muito me orgulho da minha varanda florida!!!
    Neste momento,a minha lavandaria também é um jardim suspenso.
    Experiências com rosas,só para ver o ciclo de vida???!!! Inaceitável,para mim.
    Há outras formas de ARTE!
    Parabéns pelo seu texto,com informação sobra a origem do Dia da Mãe.
    Bom fim de semana.
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderEliminar
  33. Nesse domingo comemoramos o dia das Mães
    Vim deixar meu abraço pela nossa amizade e desejar
    um dia bem alegre pra vc, que seja um domingo feliz

    Parabéns pelo nosso dia especial bjussss

    └──●► *Rita!!

    ResponderEliminar
  34. As fotos são lindas e tristes
    Que pena ter perdido td assim ...
    E quem precisa de flores mortas?

    Bjusss.

    ResponderEliminar
  35. Dei o presente para a minha mae ontem. Ela me pediu caças palavras e cruzadas, "pra ver se eu não esqueço das coisas, exercitar a memória". Com ela e com a 1ª dama nunca tive muita cerimonia para presentes, basta ter a vontade. Não temos a conexão com esta ideia de "tudo é comercial", e no meu caso em especial, por "viver delas"... mas das flores, também prefiro no jardim, no vaso, numa distancia segura. Quando em buques e outros adornos "historicamente orientados para valorizar a mulher", me parece muito mais uma "degradação bela" de algo que faz muito mais sentido quando no seu ambiente natural. Nada contra quem gosta (a 1ª dama gosta demais, inclusive), só me parece estranho.

    beijos! e feliz como mae todos os dias =)

    ResponderEliminar
  36. Também não gosto de flores mortas e presenteio sempre com vasos de flores. Vez ou outra compro um vaso e coloco em cima da mesa. O presente, nesse caso, é para a casa, mas todo mundo se sente presenteada/o.
    :)

    ResponderEliminar
  37. Vim ver sua participação na brincadeira da Chica, linda frase.
    Fique com Deus.

    ResponderEliminar
  38. Profundo e reflexivo texto, gosto disso também e posso dizer que entendo um pouco o/a artista que o instalou.
    Minha mãe em vida também não gostava de receber flores em ramo ela sempre agradecia quando vinha plantada em vasos.
    Parabéns a todos as mães.
    Abraço

    ResponderEliminar
  39. Compartilho deste mesmo pensamento, mas qdo recebemos um buquê, não podemos fazer desfeita mesmo... hahaha!
    Aí é partir pra vários macetes pra prolongar a vida das flores, ora com água gelada, ora com uma dose de enxaguatório bucal. Doideira, mas dá certo! rs
    Bjns
    :)

    ResponderEliminar
  40. Realmente, Luma, flores mortas não fazem sentido. Isso me lembra do filme ET, e do vasinho com uma flor, que as crianças lhe dão de presente quando ele volta pra casa.. Gostei da sua ideia de dividir comigo uma frase para a BC da Chica. Obrigado e Feliz dia das Mães! Beijo.

    ResponderEliminar
  41. Luma houve uma época que eu nunca havia ganhado rosas de quem quer que fosse!
    Por isso comprar... Aqui em Viçosa, temos Santa Rita como padroeira... E há o "milagre das rosas"... Se vc ler sobre ela saberá... Então... não importa se estão vivas ou "mortas"... O importante é que estão bentas!!!

    bjo de mãe pra mãe!

    ResponderEliminar
  42. Tudo termina um dia..
    Feliz dia das mães beijo Lisette.

    ResponderEliminar
  43. Oi Luma,
    Gosto de flores, de todo jeito. Se ganho uma ou um ramalhete tenho pena de jogar fora e muitas vezes acabo por guardar em um livro, desidratando.
    Minha mãe tb gosta de flores como eu, mas gosta de comprar em vasos azaléias e lírios. Uma vez até tentei forçar uma polinização dos lírios, porém sem sucesso. Ela gosta de cuidar de plantas, principalmente as flores. Tem mão boa!
    Um belíssimo e amorosíssimo fim de semana por ai.
    Bjks.

    ResponderEliminar
  44. Muito lindo os pensamentos
    Feliz dias das mães
    Bjus

    ResponderEliminar
  45. Por ser arte, não significa que apoiemos sem o nosso olhar crítico. Entende-se a mensagem mas desde que tenho casa com jardim que deixei de ter plantas dentro de casa e não colho as minhas rosas (tenho praticamente roseiras), a não ser em casos especiais, como o fazer eu própria um ramo com o que tenho no jardim para dar à mãe. Também gosto de receber um ramo de flores mas apenas no aniversário. Quando um ramo me é muito simbólico, sou capaz de o deixar secar e enfeitar uma peça, por ex. um pote de barro natural.
    Para todas as mães, um feliz dia.
    Bjo, querida Luma :)

    ResponderEliminar
  46. OI QUERIDA
    Muitas vezes dedicamos momentos de nossos dias
    a determinadas situações que merecem a nossa atenção e respeito.
    Hoje, não apenas alguns minutos, mas sim o dia inteiro
    é dedicado a você, e em especial a tudo o que você representa.

    Gostaria que soubesse, que sempre estarei torcendo para que
    seus objetivos sejam alcançados, e para que a alegria de
    dias especiais como o dia de hoje, encham seu coração
    do mais puro sentimento.

    Somente uma pessoa especial como você, tem o privilegio
    de ser chamada de mãe.

    Parabéns pelo seu dia

    ResponderEliminar
  47. Oi Luma ! Obrigada pelo carinho. Sou mãe de duas moças e uma bebezinha, rs, Mel, a mascotinha chihuahua. Este ano será bem doído esse dia das mães. Acabei de perder a minha no dia 3 de abril.
    Um feliz domingo pra você também, bjs

    Ah, eu amo flores mas não gosto que cortem de seus pés para enfeitar.

    ResponderEliminar
  48. Sua reflexão é interessante!em nome da arte e das homenagens muita coisa é feita e nem sempre nos agrada, enfim, dá o que pensar. De qualquer modo, bom mesmo seria se os filhos dedicassem esse amor no dia a dia, não é?
    Feliz Dia das Mães!
    Abraço!
    Sonia

    ResponderEliminar
  49. Tbm não achei nada bacana essas 10 mil rosas morrerem.
    Não gosto de receber buques de flores concordo plenamente com sua mãe acho uma maldade, em vasos é totalmente diferente como bem disse.
    Um feliz dia das mães pra ti e todas as suas seguidoras.

    ResponderEliminar
  50. Tb não entendo mulheres que gostam de receberem buquê de rosas, elas estão mortas... Quero te desejar um excelente dia das mães na presença dos
    seus. Que Deus abençoe você e sua família.

    Abraços

    ResponderEliminar
  51. Luma
    faz tempo que gosto de flores vivas. Já disse que ao morrer não quero flores no meu caixão ou em minha homenagem.
    Flores são para a vida.
    Plantadas , melhor ainda. Compreendi a proposta de arte das rosas, mas deu peninha. foi muita flor morta mesmo.
    Linda escrita, principalmente a parte em que fala da Reia.
    foi bom aprender e recordar sobre a origem do dia em que comemoramos .
    bj Zizi

    ResponderEliminar
  52. Nossa, concordo plenamente. Aliás, nunca entendi isso de buquê e presentear com flores mortas. Sim, porque ela estão mortas, foram cortadas, fim. Pq não presentear com um vaso pequeno com uma roseira? Ou qualquer outra planta. Eu amo planta mas vivas e bem plantadas. Adorei a postagem. Bjs e Feliz Dia das Mães.

    ResponderEliminar
  53. Com esse trabalho sobre as 10.000 rosas veio avivar o que sempre achei, o que sempre senti e o que mais detesto: ramos de flores apertadas num arranjo embelezado com laços e afins e dias depois estão no lixo.
    Gosto imenso de flores mas no seu habitat natural ou se ofertadas com vaso ou sem ele, mas que venham com as ruas raizes num punhado de terra para eu replantar.
    Tudo isso mostra o "comércio", maldito "comércio" e que tal as floristas mudarem um pouco a sua forma? Pois é...
    Mais, tal como o meu pai pediu...quando eu morrer não quero flores...eu faço eco do que foi a sua forma de ser e estar...e no dias das mães recebo sempre uma flor desenhada, feita em papel, com raiz para plantar ou até já num vaso. Não havendo fico igualmente feliz pelo "alô manhê" um beijo e um abraço ou seja afectos. Bom dia para tia Luma e para todas as mães e que todas cuidem bem dos seus rebentos e quem não os tiver pode partilhar com uma irmã, com a mãe ou até com a vizinha.

    Beijos


    ResponderEliminar
  54. É complicado pensar nisto, pois eu adoro dar e receber rosas.
    Mas será que é para tanto? Pois afinal, quem vive é a roseira e não a rosa, assim como o fruto de uma árvore.
    Ainda bem que agora há rosas pequenas que são possíveis dar em vasos.

    Bjs

    ResponderEliminar
  55. Prefiro mil vezes flores vivas, ensinei os meus filhos a apontar nos prados as flores que me queriam oferecer:). Gostei muito sobretudo da primeira frase da participação!
    Bjs
    maria

    ResponderEliminar
  56. Boa tarde Luma,adorei a sua reflexão! Instintivamente cheguei á conclusão que que sinto dessa forma! Foi excelente ler esta sua reflexão sobre as flores mortas! Beijinhos e Feliz Dia para si e todas as Mulheres! Ailime

    ResponderEliminar
  57. Eu gosto de receber um ramo de flores. Na minha varanda já tentei várias vezes flores vivas mas como dá o sol todo o dia não consigo que nenhuma se aguente lá. Então tenho cactos, e alecrim que são plantas resistentes e se dão bem com o sol.
    Também devo ser das poucas mulheres que não gosto de rosas. Melhor, gosto de as ver num jardim, ou numa foto. Nunca compraria uma e também não é flor que me deixe feliz se me oferecem.
    Um abraço e feliz dia das mães.

    ResponderEliminar
  58. A mi me gusta recibir flores en todas mis celebraciones y si es un dia cualquiera simplemente porque piensan en mi me hace muy feliz y si miras el post de las rosas de Sant Jordi tambien es una celebracion muy bonita de aqui de Catalunya, gracias por tu visita y felicidades por tu bloc

    ResponderEliminar
  59. Luma, querida, posso ser taxada de ignorante, mas tem certas "artes" que não entendo e uma delas são as instalações. Esta de deixar tantas rosas morrerem assim é uma delas.Fui até o site da artista plástica e tem outras instalações com flores e frutos que se deterioram, muitas árvores cortadas... Posso até entender a intenção, mas não aprovo.
    Uma vez fui visitar instalações numa universidade (nem sabia o que era) e nem sei dizer o que senti quando vi um vaso sanitário com uma boneca com a cabeça dentro dágua, outras sentadas nas beiradas e outras largadas pela sala. Pelamordedeus, o que pode-se entender disso? Se alguém souber, por favor, me explique.
    Uma outra instalação era uma saleta toda forrada com jornais, um rosa vermelha em uma das paredes e um som ligado, bem baixinho, com músicas estranhas. Os verdadeiros artistas devem se virar nos caixões.
    Adoro receber flores e as trato com carinho, cuidando para que se conservem o máximo de tempo, mas prefiro no meu jardim.
    Um beijo bem grande, cosquirídia, desejando que tenha um dia muito feliz e sejas muito paparicada.

    ResponderEliminar
  60. Olá Luma!
    Eu adoro flores principalmente as rosas.
    Gostei muito da sua postagem, ótima p/ refletir.

    Eu sou mãe sim, tenho 1 filho de 20 anos.
    Obrigada pelo carinho!

    Bjs, fique com Deus!

    ResponderEliminar
  61. Pois é querida Luma, disse há pouco que hoje me passeei pelo meio das minhas rosas, e aqui volto a encontrar rosas. Fico extasiada ao contemplar qualquer flor pela perfeição da sua beleza geométrica- isto levar-nos-ia ainda mais longe! - mas as rosas com os cambiantes das cores e agora também trabalhadas geneticamente, são de uma beleza estonteante. Hoje cortei, para oferecer, umas cor de fogo. Isso. Fogo! Meu Deus!
    Vivas? Sabes, gosto tanto de flores que me dá dó cortar as que são MINHAS! Prefiro visitá-las na sua casa, demorar-me nesta contemplação, para voltar no dia seguinte. Mas se me oferecem aquele bouquet com tanta arte, aí eu deixo secar, sim e fico com a recordação de flores naturais secas. Mania? Talvez sensibilidades!
    Para ti...uma exceção: aí vai um ramos das minhas rosas com um abração!

    ResponderEliminar
  62. Luma, postagem de "babar" e aqui fiquei lendo e babando mesmo, diante disso! Excelente comparação do frisson da artista e do comércio! Frase também conhecida e grandiosa! Um grande abraço e que você tenha uma grande semana!

    ResponderEliminar
  63. Boa noite, Luma!
    No início dos anos letivos, sempre aviso aos aluninhos que se quiserem me dar florzinhas, não estraguem aquelas verdadeiras.
    Peço que façam-me um desenho, que terei para sempre, guardado junto ao semanário pedagógico. E assim acontece!

    Excelente semana procê.

    ResponderEliminar
  64. Penso como voce sobre as flores: vivas, por favor!
    A última vez que dei flores para minha mãe, foram numa data qualquer porque, mãe merece presente sempre! E, as flores vieram no pé de limão, que esta agora mesmo plantado no jardim da casa dela =)
    e, devo dizer, são flores perfumadíssimas as de limoeiro.

    Eu sou do tipo de pessoa (vegetariana) que pensa que, só devemos arrancar da planta mãe aquilo que iremos comer.
    Feliz dia das mães, no mais amplo significado da palavra, eu por exemplo, sou mãe de cachorro :D
    beijos e boa semana!

    ResponderEliminar
  65. Assino embaixo tenho até um poema falando disto, flores vivas sempre enfeitando os canteiros, os jardins, nos mostrando as bençãos Divinas, beijos Luconi

    ResponderEliminar
  66. Adorei seu texto, Luma
    Também prefiro flores em vasos
    Por sinal, minha casa está uma "florália"
    Lindos vasos espalhados pela sala dando alegria e cor ao ambiente
    Amoooo
    Uma ótima semana para você, querida
    Beijinhos de
    Verena e Bichinhos

    ResponderEliminar
  67. Luma, gostei bastante de seu ponto de vista com relação as flores. Também sou adepta de dar flores vivas. Tanto é que acabei comprando para minha mãe uma vaso de Anturios, que ela ama. Ficou lindo na sala e sempre que posso, compro uma planta nova para ela e para mim também que adoro ver a casa florida.
    Bjs

    ResponderEliminar
  68. Sei de quem decorou sua casa só com flores 'mortas'

    Beijo!

    ResponderEliminar
  69. Nunca pensei assim!
    Mas é verdade! Quantas rosas são recolhidas só para datas especiais!
    Mas elas são lindas mesmo!
    Neno

    ResponderEliminar

Tenha identidade, não seja anônimo na web. Crie sua identidade virtual.

...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

PlagSpotter - duplicate content checker tool
Licença Creative Commonsget click

Algumas coisas não têm preço


finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
Verificar conteúdo duplicado

Me leve com você...

Leia o luz no seu celular

Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

Leia mais para produzir mais!

Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor