Deram-te voz e ganhas-te alma

Luz de Luma, Yes party!imagem de domínio público

Pressentindo o desassossego da noite
a voz indicou o caminho
isolou o rosto e diluiu memórias
esqueceu o nome e emudeceu o olhar
a voz
ergueu bocas em beijos loucos
sabotou o canto das aves
juntou à alma o mar
a voz
espreitou pela janela
prendeu-se num raio de luz
navegou desejos e cicatrizou feridas
mas mais...
a voz
congelou lágrimas e culpou a solidão
uniu dois corpos
deixou por fim ouvir o amor
 a voz

(Lena Maltez)

A voz exprime o que somos, fomos e até, de certa forma, o que seremos. Tão peculiar quanto o rosto ou as impressões digitais é decifrá-la e a todos os seus segredos significa revelar o homem. Somos dotados do mais sofisticado instrumento vivo. Só que o indivíduo é o instrumento e instrumentista.

“Só se deveria falar se fosse para melhorar o silêncio” (Pedro Bloch)
ou
"Quando falares, cuida para que tuas palavras sejam melhores que o silêncio" (Provérbio indiano) - Contribuição da Astrid Annabelle

Para poder falar, o sistema nervoso do homem teve que se organizar, o que levou milhões e milhões de anos. Podemos dizer que o diálogo criou a sociedade. Foi a palavra que humanizou e socializou o homem, permitindo a ele arquivar o passado, projetar o futuro e conhecer o abstrato.

A palavra conta a história do homem e da humanidade.

A voz revela a condição física, emocional e cultural de cada um. É pessoal e intransferível. Quando a voz não combina com seu portador, algo está errado – com a pessoa, com a voz ou com ambas.
Não é apenas um som que emitimos pela laringe, esse som vem carregado de mensagens emocionais. Veicula a mensagem intelectual, o que implica a articulação da palavra. Um recém nascido, por exemplo, tem voz, mas não fala: apenas chora. A linguagem, por sua vez, é a organização desse repertório.

A voz carrega mensagens muito mais amplas do que as palavras. A energia que se gasta é extraordinária, e dependendo da inflexão utilizada, ela pode até mesmo desmentir a palavra ou dar-lhe nova significação.

Quem não muda a voz na adolescência, isto é, quem continua falando como criança depois de uma certa idade, fica infantilizado sob diversos aspectos. Quando a transição de voz se dá de uma maneira incompleta, há repercussões na personalidade, como um todo. A correção é simples, mas é preciso descobrir o que levou a pessoa a persistir com a voz de criança. Um pai autoritário? Uma mãe superprotetora? Vale lembrar que a muda vocal não é privilégio dos meninos. As meninas também passam por esta modificação. Nos homens, a voz baixa cerca de uma oitava; nas mulheres, de três a quatro tons.

A mulher fala com voz mais aguda e musical que os homens, emitindo uma gama maior de ondas sonoras, mais difíceis de “decodificar” pelo cérebro masculino. Por causa disso, o cérebro masculino trabalha mais e depois de um tempo, fica com um certo cansaço :) Essa afirmação não é minha, é fruto de uma pesquisa feita na Universidade de Sheffield e publicada no Jornal Daily Mail.

Afirmam que o cérebro masculino tem dificuldade de compreender a voz feminina e não uma má vontade de escutar a mulher (Que maldade!). Os pesquisadores estudaram com um scanner a atividade cerebral de 12 homens, que tiveram de ouvir vozes femininas e masculinas. Desta forma, comprovaram que as vozes ativam diferentes partes do cérebro, dependendo do sexo que as emite.

Essa pesquisa também explica o porquê de algumas pessoas terem alucinações auditivas (rs*) geralmente ouvindo vozes de homens (+rs*), mais fáceis de serem criadas pelo cérebro. (é pra rir ou chorar?) Quantas vezes você chegou a ouvir alguém lhe chamando e não havia ninguém?

Outro dado interessante: À medida que o corpo envelhece, as cordas vocais, se espessam, a voz do homem se torna mais aguda e a da mulher, mais grave.

Certas pessoas se refugiam na rouquidão para evitar a comunicação e fugir das responsabilidades, mas nem sempre é isso que acontece. De uma maneira geral, as pessoas berram demais, parecem não acreditarem em telefone ou microfone. Nem as crianças são poupadas e algumas passam a só falar através de gritos. Como resultado acabam disfônicas, isto é, roucas. A disfônia crônica infantil reflete, quase sempre, um lar infeliz, um ambiente neurotizado.

Saber ouvir também é fundamental. Muitas vezes, concordar é o melhor dos discursos, e o silêncio ou o “não sei”, as melhores respostas. Saber falar implica em saber organizar os pensamentos. E é repensando o mundo e a vida em todos os seus aspectos que se constrói uma vida melhor, ops! Uma voz melhor.

Então fale baixo que alto eu não escuto! :)

O post "Deram-te voz e ganhas-te alma" apareceu primeiro em "Luz de Luma, yes party!".

85 comentários :

  1. Gostei bastante do seu texto. A voz exprime tristeza, alegria... Desventuras são logo percebidas pelos mais próximos a nós. A voz denuncia o ardor do amor e a repulsa! Perfeito, Luma!

    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Edilma! Podemos até disfarçar a voz, mas quem nos conhece sabe bem distinguir as variações do nosso humor! :) Beijus,

      Eliminar
  2. Luma:
    Talvez seja no silêncio, que a alma consiga se expressar melhor.
    Aproveito o post e te deixo 2 frases que eu gosto bastante:
    "Se soubéssemos quantas e quantas vezes as nossas palavras são mal interpretadas, haveria muito mais silêncio neste mundo." (Oscar Wilde)
    "É melhor ser rei de teu silêncio do que escravo de tuas palavras." (William Shakespeare)
    E 1 provérbio: "A palavra é prata, o silêncio é ouro." (Provérbio Chinês)
    Você viu quantos comentários bacanas os amigos deixaram sobre seu blog???
    Fiquei contente com o resultado.
    Bjs.:
    Sil

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Silvana!
      Gosto bastante de ficar em silêncio e quando escrevo tenho a impressão de ouvir a minha voz. Quem escuta a nossa voz, escuta diferente da que escutamos e talvez por isso, seja bom fazer exercícios orais. Dizem também que as pessoas se apaixonam pela voz! :)
      Lendo as frases e provérbiios que deixou, tenho a impressão que devo ouvir mais do que falar! :)
      Obrigada pelas alegria que me deu em seu blogue e também por trazer seus leitores para cá. Já fui lhe agradecer pessoalmente!
      Beijus,

      Eliminar
  3. Adorei o poema e o texto, Luma. Ia dizer que a voz nos faz racionais, mas seria injusto com os surdos-mudos. E muitas vezes precisamos ouvir mais e falar menos. Além de precisarmos pensar muito bem antes de sair falando qualquer coisa. Beijos e boa semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Sérgio!
      Que bom que gostou! O poema é de uma blogueira portuguesa que faz poesias lindas! Um ser pensante!
      Por certo que as pessoas que falam sem pensar, também escutam coisas que não deveria ouvir :)
      Beijus,

      Eliminar
  4. Lindo,Luma!!Não precisamos gritar...Mesmo falando baixinho ou por vezes, apenas com os olhos já nos fazemos entender! beijos praianos,chica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Falar com os olhos é sinal de intimidade!!
      :)
      Beijus,

      Eliminar
  5. Bom dia minha alegria...estou falando baixinho...rsrs
    A frase que atribuiu ao Pedro Bloch eu conheço como provérbio indiano:
    "Quando falares, cuida para que tuas palavras sejam melhores que o silêncio."
    E desde que li este pensamento concluí que vale mesmo falar menos e com mais qualidade.
    E é uma grande verdade quanto mais desequilibrada for uma pessoa mais ela grita e sabe por que? Quem atua com amor fala baixo. Os amantes cochicham !!!
    Gostei dessa conversa logo cedo...gostei muito! E da poesia igualmente!
    Beijão soprado de mansinho para o seu coração Luma......

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Astrid!!
      Você é muito gentil! :) Eu resolvi colocar as duas frases, pois são bem parecidas, mas não iguais. Como tirei a frase de um livro do Pedro Bloch, queria lhe fazer uma homenagem :)
      Mesmo sabendo, às vezes dou as minhas escorregadelas. Não somos robôs, não é mesmo? E vez ou outra tento não sair do sério! Mas é muito certo que escreveu e é para pensar: os amantes cochilam... rs.
      Beijo soprado em seu coração também!!
      :)

      Eliminar
  6. Parabéns Luma, as expressões das vozes mostram o humor da pessoa. Se grita é porque está nervoso e assim por diante...
    Beijoos querida

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Realmente, Rute! Quando alguém quiser perder a razão, basta gritar! :) Beijus,

      Eliminar
  7. Primeiro, adorei encontrar aqui o poema de uma amiga que eu considero uma grande poetisa. Segundo muito interessante o texto sobre a voz humana. Terceiro peço desculpa eu não sei falar baixo. Bem sei que não é educado falar alto. Trabalhei 15 anos numa cabine de pintura com um compressor ao lado e sem auscultadores. Por um lado estou um pouqito surda e por isso mesmo tenho tendência a falar mais alto. Por outro habituei-me nesses 15 anos a falar alto porque era a unica maneira de me fazer ouvir por causa do barulho do compressor.
    Bom falo alto, mas não aos gritos. Por outro lado eu sou uma pesoa, que gosta mais de ouvir do que de falar. Como dizia a avó Piedade, "De boca calada não sai asneira, e ouvindo sempre se aprende alguma coisa"
    Um abraço e tudo de bom para si

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Elvira!!
      Eu sabia que algum amigo português iria reconhecer o nome dessa blogueira poetiza!! :D Adoro!!
      Hahaha imagino como deve ter sido duro ter que aprender a falar alto e agora se policiar para falar baixo. Mas as pessoas do seu convívio sabe bem o que se passa!! :D
      Sabe que imagino como deve ser e veio aqui uma imagem muito boa. :)
      Beijus,

      Eliminar
  8. Gostei do poema e da reflexão. Vivo cercada de gente que fala muito e muito alto. Como reação a isso, tenho me policiado. Acredito que quanto menos falar mais autoridade terei naquilo que chegar a dizer...
    Abraço!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Jussara!
      Existe uma cobrança para falarmos. Quando ficamos muito tempo quietos, alguém sempre pergunta: "Você está com algum problema?" e por esse mesmo motivo, as pessoas estão sempre querendo preencher lacunas de conversas, como se o silêncio incomodasse... a essa altura lembrei de um pensamento que não saberei transcrevê-lo na íntegra, mas que diz mais ou menos assim: Sabemos o grau de intimidade de um casal, quando o silêncio não incomoda! :)
      Beijus,

      Eliminar
  9. às vezes é melhor ficar calado do que falar besteiras... e nada melhor do que um bom ouvinte... boa reflexão, Luma. beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Barbie!
      Passamos por períodos em que achamos que saber falar e tomar posiições é o melhor, mas diante de tanta falação, muitas vezes o silêncio diz muito mais!
      Beijus,

      Eliminar
  10. Por muitos anos sempre supreendo as pessoas quando ouvem minha voz, especialmente aos homens. Contudo, procuro ser o mais contida possível, só solto a voz quando estou rodeada de amigos. Achei a frase de Pedro Bloch perfeita. Lembra o filme da Disney "Bambi" : -se não tem nada especial a dizer, melhor ficar calado.

    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Sissym!
      Agora fiquei curiosa com a sua voz!!
      :)
      Beijus,

      Eliminar
  11. Maravilhoso esse seu post. É mesmo muito mais fácil concordar e ficar calado a falar. Falar não é fácil não! E isso de quem grita muito não tem nada para dizer é mesmo verdade. Detesto conversar com alguém que só fala gritando, alto. Me dá agonia isso!
    Beijos
    Adriana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Adriana!
      Também sinto essa agonia! Me seguro para não pedir para a pessoa falar baixo. E quando é no telefone?
      :)
      Beijus,

      Eliminar
  12. Oi, Luminha,

    A fala e a palavra são importantíssimos. A fala diferencia o homem dos outros animais. E a palavra é simplesmente tudo, basta lembrar do "No princípio era o verbo, e o verbo estava com Deus, e o verbo era Deus". A gente normalmente não se dá conta do quanto a palavra molda a vida da gente, mas deveria! E isso é assim porque tudo é expresso em palavras, faladas ou pensadas. Anos atrás a gente ouvia muito os versinhos:
    "Cuidado com os seus pensamentos, eles se transformam em palavras,
    Cuidado dom as palavras: elas se transformam em ação.
    Cuidado com as suas ações: elas se transformam em hábitos.
    Cuidado com os seus hábitos, eles moldam seu caráter.
    Cuidado com seu caráter: ele controla seu destino".

    Mas na verdade a palavra é muito mais poderosa, é dinamite pura, tanto para a destruição, quanto para a construção. E o pior é que muitas vezes isso ocorre de modo muito, mas muito sutil. No dia em que a humanidade entender o "no princípio era o verbo..." com todas as suas implicações, haverá de ter muito cuidado com o que fala, rsrs.

    Um beijo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Noooossa!! Adorei!! Lembrei da "palavra de um homem" que tinha tanto valor, pois era colocado em risco o caráter! Atualmente as pessoas duvidam de tudo! Duvidam das palavras de Deus... Entendo todo o poder do verbo, mas infelizmente os descrentes estão contaminando o mundo com desesperança!
      Beijus,

      Eliminar
    2. Era mais ou menos o que eu queria dizer, Marly, mas você expressou melhor do que eu. :-)

      Eliminar
  13. Oi Luma. Post interessantíssimo. Você ressaltou um fato óbvio que, porém, nem sempre percebemos: "o diálogo criou a sociedade, a palavra humanizou e socializou o homem". Impossível não lembrar o texto bíblico: "No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. Ele estava no princípio com Deus.Tudo foi feito por ele; e nada do que tem sido feito, foi feito sem ele. Nele estava a vida, e a vida era a luz dos homens". Ou seja o Verbo, a palavra, era um pensamento de Deus e, a partir dele fomos feitos. O Verbo se fez Carne. Assim sendo, é até natural que a voz revele quem somos, não apenas através das palavras, mas também por meio do som, da entonação. Afinal, tudo começou com o Verbo. Putz, acho que estou indo longo demais - você tem o dom de estimular minha imaginação. Melhor me calar. Em boca fechada não entra mosquito. Beijo pra você.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Jens!
      Não se preocupe com ir longe demais! Adoro saber o que pensa!! :)
      Seu comentário tem muita semelhança com o da Marly. Seria muito bom trocar figurinha com vocês!! A conversa iria render muito e não haveria economia de palavras!! :)
      Beijus,

      Eliminar
  14. Concordo com Jens. Este post é muito interessante. Uma pesquisa apurada sobre um tema fundamental. O Verbo...

    Beijinho grande

    ResponderEliminar
  15. Oi Luma :)
    Que texto informativo e gostoso de ler.
    A voz diz muito sobre as pessoas.
    São uma espécie de impressão digital.
    Mas bom mesmo é saber o momento certo de falar.E calar...
    bjs!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Clau!
      Sim, depois do que fisicamente vemos em uma pessoa, a voz é aquilo que vem de dentro. Saber o que alguém pensa é tudo nas relações!
      Beijus,

      Eliminar
  16. Oi Luma! Somos todos contadores de histórias, compensadas ou não pela voz. Beijo!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A voz pode não ser bela, mas diz quem é a pessoa. Ela é o cartão de visitas da alma!!
      Beijus,

      Eliminar
  17. Saber ouvir, saber falar, saber a hora certa de falar... saber silenciar - acho que esse é o grde segredo pra se ser acertivo no momento do diálogo. O saber silenciar.
    Bom, pelo menos no meu caso posso assegurar que é. E sabe pq?
    Simplesmente pq sou uma daquelas pessoas entusiasmadas demais, ansiosa também.
    Preciso, portanto, respirar fundo, me sentir nem que seja por alguns segundos com a mente serena, analisar e então falar.
    É, coisas de Karin... :-)
    Post nota 1000!!!

    Deus abençoe!
    Bjs!!!
    Karin Filgueira
    BLOG: - Meu Doce Lar

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Karin!
      Não deve mudar seu jeito de ser se não existe reclamação. Só temos que tatear o terreno quando não conhecemos o nosso interlocutor direito! As pessoas do seu convívio nem sempre são as melhores para apontar as suas qualidades e defeitos. Você percebe quando é bem aceita, quando as pessoas esperam pelo que você vai dizer.
      Não mude seu jeito, heim?
      Beijus,

      Eliminar
  18. Tem aquela frase tb:
    "Deus deu ao homem dois ouvidos, dois olhos e uma boca para vermos e ouvirmos duas vezes mais do que falamos."
    Perfeito! rs
    Bjs
    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito bem lembrada, Cici!
      Só você mesma para lembrar e estou rindo aqui pois é tudo o que resume o texto!!
      :)
      Beijus,

      Eliminar
  19. Um dos posts que mais gostei até agora, menina arrasou como é bom sabermos como e quando falar e o final foi maravilhoso....então fale baixo que alto eu não te escuto!!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Patrícia!!
      Não poderia imaginar que esse post fosse lhe agradar tanto! Bom saber! Talvez fale mais sobre esse assunto!!
      Essa frase eu dizia muito quando era criança!
      Beijus,

      Eliminar
  20. Deve ser por isso que eu gosto de silêncio. Não sou dada as palavras, mas não - eu nunca ouvi alguém me chamando do lado de fora do corpo, apenas do lado de dentro. Pode rir. Eu não ligo. rs E não era fome.

    bacio

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hahaha somos um pouco parecidas. Tenho uma vizinha que vive perguntando o que quero! Acho que a mente dela vive em franca atividade estressada!! :)
      Beijus,

      Eliminar
  21. Oi Luma! Adorei o seu comentário lá no meu blog sobre São Thomé! Sim, sim, está bem civilizado agora rsrs..uma cidadezinha bem fofa!
    Que coragem ficar na pirâmide para ver o amanhecer...só fui ao entardecer mesmo....tanta aventura assim não é comigo não!! rsrs..

    beijos,
    Gábi

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Gábi!
      Que bom que gostou! Parece que foi outra pessoa, pois não cabe a mim viajar sem conforto. Se não o tenho, prefiro ficar em casa :D Mas foi um tempo bom que adorei!! Mas acho que se lá voltasse, iria dormir na casa da pirâmide! :)
      Beijus,

      Eliminar
  22. Oi Luma!
    Nossa, por isso que falo mil vezes com meu marido e ele ainda responde: Que? rs
    Muito boa essa reflexão!
    Tenha uma ótima tarde!
    Com carinho

    Blog: Femme Digital

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Hahahaha vou te ensinar as palavrinhas chaves! No meio da conversa, quando sentir que ele está desligado, diga as palavrinhas mágicas. Se ele gosta de futebol, diga futebol no meio da frase que estava dizendo, repetindo. E por aí vai... se gosta de sexo, diga sexo! Se é algum fã, diga o nome do "objeto de desejo". Sempre funciona!! :)
      Beijus,

      Eliminar
  23. Pela voz podemos ver o que vai no íntimo da pessoa. E, muitas vezes, o silêncio fala mais que muitas palavras! Luma, você não conhece meu marido... com ele não sobra comida nunca! Só se estiver tão ruim que nem os lobos famintos no Alasca aceitariam...rs...rs...rs... Bjks Tetê

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Tetê! Se a pessoa não se expressa pela face, somente a voz para denunciar. Decifrar gestos, somente para quem conhece muito bem. O Com(viver) é tudo! As palavras tornam-se desnecessárias.
      Hum... seu marido é um glutão! Cuidado com as altas taxas sanguíneas!! Mas compreendo... você sempre o tratou muito bem!!
      Beijus,

      Eliminar
  24. Ótima tardinha, Luma!
    Ah, a questão da voz... na sala de aula é uma "briga", onde a necessidade de expressão infantil rivaliza com a necessidade de comandas para o trabalho do professor.
    Falas vazias, sem embasamento teórico, reflexão ou posicionamento, não passam de falação, por mais que a voz seja "séquici".
    E a voz do bebê? Começa pelos sons plosivos 'P / B (surdo sonoros) e o som M: quais as palavras deste repertório?
    Bebê; mamãe; papai; papinha; mamadeira; bico; babá; palminha, boquinha, pezinho, bumbum, beijo.
    O mais interessante: em outras línguas latinas não é diferente!

    Gostei dos devaneios, beijicos procê.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Cristina!!
      Eles estão em processo de aprendizado e eufóricos! São como as pétalas de um flor desabrochando, muito rico!!
      São palavras do cotidiano, repetidas pelos pais e que carregam carinho, aconchego...
      Beijus procê!
      :)

      Eliminar
  25. Querida amiga

    Ler palavras que nos toquem
    o coração,
    é como chegar as estrelas
    nos braços da luz.

    Que haja sempre em ti,
    tempo para estar a sós contigo
    para ouvir a música do teu coração...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Aluísio!!
      Você sempre chega com palavras que fazem voar junto!!
      Obrigada pela presença constante!!
      Beijus,

      Eliminar
  26. minha voz é meu instrumento de trabalho e meu meio de expressão.
    Teve uma época q tava com fenda nas cordas vocais e tive q ficar "muda", evitar falar ao máximo, fiz fono e tal, e fiquei meio depressiva...mas qdo tive alta, voltei a cantar, como sempre faço ao longo do dia e retomei a alegria de viver. hahahaha

    Beijosssssssssssssssss
    ┌──»ʍi૮ђα ツ

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Micha!
      Aposto que isso aconteceu no começo. É que as palavras chegam junto com a ansiedade e emoção, o que faz sobrecarregar as cordas com tensão! Engraçado que é usando a voz que aprendemos a falar!
      Beijus,

      Eliminar
  27. Excelente reflexão, Luma. Por força do oficio, falamos alto demais, por vezes, gritamos.Encarar a voz como revelação de nossa alma, seria um começo para ouvir mais e falar menos.
    Beijo, menina

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Wow!! Obrigada, Denise!!
      Com o passar dos anos, educamos a nossa voz e também o nosso ouvido. Vê como as crianças precisam de flutuações de vozes dependendo do momento? Conquistar a atenção pela voz não é fácil!
      Beijus,

      Eliminar

  28. Olá, Luma..:-)

    Humm.. esses dias atrás não aguentei ficar ouvindo as asneiras de uma cambada de rapazes, que apareceram no programa da NHK; o detalhe era que eles queriam "aparecer" tanto, dai, mudavam as entonações de vozes e caiam na maior risada :), consequentemente, meu cerébro reagiu assim como pensamento: "Urussai Bakalharou !!."="Calem a boca, seus idiotas!!", e levantei e fui mudar de canal :), na verdade eu estava na internet, e a tv NHK estava ligada..:))
    Daí, fiquei pensando, será que só eu sou assim? =*^..^*=
    Pelo seu texto, percebi que tem outras pessoas também, que não aguentam ouvir determinados tipos de tons de vozes..:))
    Música:
    1. Andy Williams - Speak Softly, Love - Movie Godfather theme song

    Ótemo e ótima semana!!
    A big Hug and Tchauzinho



    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que música lnda deixou para eu escutar! :D Obrigada!!
      Love Story!!
      Eu tenho certeza, pelo sua educação auditiva que estava escutando coisa ruim, para querem mudar de canal! Mas acho que em uma certa altura temos que diferenciar a música de entretenimento, para não achar que estão produzindo coisas ruins - é puro entretenimento! Mas as vezes passa da medida!!
      Beijus,

      Eliminar
  29. Oi Luma:
    Voltei, rsrsrsrs.
    Mas dessa vez é apenas pra te avisar que já saiu o resultado da enquete.
    Confira nesse link = http://meusdevaneiosescritos.blogspot.com.br/2013/10/resultado-da-enquete-e-agradecimento.html
    E também publiquei um post, que gostaria muito que você lesse.
    Basta acessar aqui = http://meusdevaneiosescritos.blogspot.com.br/2013/10/a-arte-de-ser-leve-imperdivel-momento.html
    Bjs.:
    Sil

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Silvana!
      Obrigada por vir avisar! Vou lá também ler o post!
      + Beijus,

      Eliminar
  30. Querida Luma
    Gostei muito do poema e do seu texto.Aliás, a Luma já me habituou à sua óptima escrita;faz pesquisa,sabe o que diz e como dizê-lo.Muito interessante é tudo isso que descobriu sobre a voz. Muito obrigada pela partilha.
    Parabéns pelas pesquisas.
    Beijinhos da
    Beatriz

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Beatriz!
      Que bom que gostou! Ah, eu quero te deixar acostumadinha :D
      Sempre bom ter você por aqui!
      Beijus,

      Eliminar
  31. Que interessante. O poder da fala é muito importante, e você além de conseguir enfatizar isso, no final cita o quanto é crucial ouvir. O diálogo se dá através da fala e da escuta. Ótima postagem!

    Muito sucesso!!

    www.teoriasdoleaodamontanha.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá., Leão da Montanha!
      O nosso poder de comunicação está em saber ouvir. As pessoas querem sempre falar delas mesmas ou de suas experiências e se esquecem que ouvindo aprendemos muito mais!! Beijus,

      Eliminar
  32. Gritar só se for de prazer... hhehehe! No resto só na fala mansa! Show teu texto, gatíssima! E ri alto ao saber que tens 3 amigos de FB seguindo o palhaço... te cuida, hein?! Hahahaha! Bjs!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Fred!!
      Tapa ouvidos para a vizinhança!! :D
      Estou mesmo precisando me cuidar!!
      :)
      Beijus,

      Eliminar
  33. Boa reflexão!
    Feliz fim de semana...Beijos...Araan
    http://blogaraan.blogspot.com.br

    ResponderEliminar

  34. Com meu carinho de sempre
    e amor incondicional .
    Estou marcando minha presença
    para desejar um abençoado final de semana.
    Desejo de coração que veja minha postagem .
    Quanto a comentar ficarei feliz mais faça aquilo
    que mandar seu doce coração.
    Beijos que sei final de semana seja na benção e na paz de Deus.
    Evanir.
    Eu também não tenho medo de ser feliz doca e amada amiga.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Evanir!
      Obrigada pelo carinho!
      Estou com problemas nos olhos, mesmo assim tenho uma pessoa lendo as postagens para mim, mesmo assim... parcimoniosamente! Então tenha paciência comigo!!
      Beijus,

      Eliminar
  35. O jovem é lindo e o texto não desmorece.

    Realmente, a voz é um instrumento preciosos e eu gosto muito de canções que nem sequer suporte musical e também daqueles sins profundos de algins folclores-

    beijinhos, Luma

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ERRATA:
      "nem sequer TÊM..."

      SONS, não sins

      ALGUNS, não algins

      Peço desculpa e desejo tudo de bom

      Eliminar
    2. Oi, São!
      Tive que procurar os erros, pois li tudo certo!! :D Ah, o mecinho é mesmo lindinho, não?
      :)
      Beijus,

      Eliminar
  36. Olá Luma!
    Gosto do silêncio que grita em meu coração e da voz que silencia a alma. Tenho meus momentos de soltar a voz, se no canto, mais me encanto, mas se na fala, muitas vezes me dei mal por ser verdadeira e ingênua. Mas devemos aprender a usar voz e silêncio como notas e pausas de uma melodia. Adorei seu texto! Um beijo! To de volta... Estive aí por suas bandas... Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Claudinha!
      No antigo Egito, quando alguém morria, era pesada a sua alma. Se a sua consciencia estiver tranquila, dizer a verdade será de grande valia. Que é verdadeiro vai para o céu!! :D
      Beijus,

      Eliminar
  37. Acho que mais importante que falar é saber ouvir e só falar no momento certo.A entonação de voz é tudo.Silêncio é muito melhor do que ficar falando bobagem sem parar.E gritar?Deus me livre...Quem grita não respeita o outro!Achei super interessante a pesquisa,não sabia que quando a mulher envelhece a voz engrossa e no homem é o contrário!Bjos Luma!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Ane!!
      Perfeito! Dizer mais o quê? Então, até nisso a natureza nos prejudica... rs.
      Beijus,

      Eliminar
  38. Luma, acho tão difícil falar quanto ouvir. Já ouvi minha voz gravada e detestei, já me disseram que isto é normal (sei não rsrs), já aconteceu de ficar 05 anos sem falar com uma amiga, quando ouviu minha voz falou meu nome, deve ser o sotaque ou a lentidão, falou baixo em tom firme bem manso.
    Bela e delicada poesia!
    Melhore logo e volte para nós... Bjossss

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Bia!
      Você ouve sua voz e não gosta? Todos nós somos assim... e digo mais, o que você ouve quando escuta a sua gravação, não é a mesma voz que outra pessoa escuta dessa mesma gravação. A voz tem que ter a simpatia exposta para que nós sejamos aceitos como simpáticos. Na dúvida ou se estiver muito tímida, esbange sorrisos... rs.
      Beijus,

      Eliminar
  39. O olho no olho é um tradutor simultaneo dos ouvidos: se voce presta bem atenção, entenderá que nem tudo que se ouve é o que quer ser dito, e que há sempre algo nas entrelinhas... sempre tive muita paciencia para escutar, justamente por gostar de falar baixo, e de falar pouco... falar só o suficiente, organizar na medida das circunstancias os pensamentos. Tonrou-se uma facilidade para conhecer muito as pessoas sem necessariamente ser [re]conhecido por elas.

    bjojo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Tony!
      Você não acha que as pessoas estão falando demais e ao mesmo tempo não estão falando nada? Alguns relacionamentos perduram com erros porque as pessoas não gostam de falar de problemas e trocar falar em banalidades ou viver superficialmente. É difícil esse olho no olho a que se refere... Parabéns

      Eliminar
  40. Oi querida Luma , amei o texto, interessante, a voz é algo maravilhoso, mas temos que tomar cuidado, por que a palavra dita, depois de lançada não tem como recuperá-la, por isso as vezes o silêncio é melhor, as nossas palavras ou voz tem o poder, por isso o cuidado, agora esta dos homens amiga não sabia kkkk, ótimo texto, forte abraço e um ótimo final de semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Cristina!
      Uma voz tem poder! Alguns estudiosos dizem que o homem se apaixona primeiro pela voz para depois se apaixonar pela mulher. Se depois de anos de casados e consequentemente a voz muda, todo o resto pode sofrer algum dano. As mulheres tem a tendência de ficar com a voz grave com o passar dos anos e isso é o inferno para alguns homens :)
      Beijus,

      Eliminar
  41. Querida eu gosto de quem fala bonito!
    suave carinhoso mesmo em um momento de inesperado!
    Eu escrevo poesias! e tenho uma poesia sobre a fala a falta de comunicação ou o excesso dela, um dia eu lhe apresento para ter a sua opinião!
    No momento só quero aprender um pouco!

    Parabéns e bons sons para os seus olhos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Neilza!
      Vou aguardar a apresentação da sua poesia. Fui nos seus blogues, mas nenhum deles é direcionado ao assunto.
      Grata pela visita!
      Seja bem-vinda!

      Eliminar
    2. Eu e quem agradeço pela visita!
      E guardo a sua visita pois e muito importante a sua opinião!

      Eliminar

Tenha identidade, não seja anônimo na web. Crie sua identidade virtual.

...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

PlagSpotter - duplicate content checker tool
Licença Creative Commonsget click

Algumas coisas não têm preço


finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
Verificar conteúdo duplicado

Me leve com você...

Leia o luz no seu celular

Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

Leia mais para produzir mais!

Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor