Recanto dos Autores entrevista Luma Rosa

Luma, onde vc nasceu e onde mora hoje?
Nasci em Pouso Alegre, Sul de Minas Gerais e moro em Cabo Frio, Região do lagos no Estado do Rio de Janeiro.

Conte um pouquinho de sua família e de sua infância para nossos leitores.
Minha primeira lembrança da Infância tinha por volta dos 8 meses e quando rolei escada abaixo.
Mamãe contava que todos ficaram paralisados e sem ação. Quando cheguei estatelada no chão, sentei e ao ver todos olhando para mim, bati palmas. Até essa idade eu adorava ser o centro das atenções, depois me retraí e só queria ficar somente no colo de minha mãe. O que mudou novamente quando aprendi a andar.
Meus pais viajavam muito por serem do meio artístico e depois que meu pai faleceu – eu estava com três anos – minha mãe fincou raízes e começou a trabalhar no conservatório de música.
Minha vida sempre foi rodeada de música, alegria e muito amor. Com cinco anos fui morar em Portugal onde fui alfabetizada e aos 12 anos ganhei uma bolsa de estudos para estudar ballet na França. Só retornei ao Brasil para ser mãe.
Fui uma criança muito traquina, das que vivem com o joelho esfolado e com medo de médico. Porém nunca levei problemas para casa e sempre fui uma filha exemplar, aluna exemplar...

Você tem um blog onde posta suas poesias. Fale sobre como começou a escrever e deixe um link.
Poetei até a adolescência, principalmente quando estava longe de casa.
Até essa época tinha grande sensibilidade poética. Depois não sei o que aconteceu; faltaram momentos de introspecção e a vida ficou bem corrida. Atualmente prefiro compor músicas, aproveitando dessa veia familiar.
No blogue, as postagens são aleatórias que dependem da minha vivência diária.

Seu blog sempre tem assuntos do momento e expõe claramente suas opiniões. Nunca pensou em escrever um livro?
Tenho um livro em andamento que será publicado quando eu deixar meu trabalho formal, o que ainda vai demorar. Não tenho pressa. Será um livro de crônicas de viagens e cotidiano.
Aproveitei uma BC para apresentar um dos capítulos para sentir a recepção - Uma página do meu diário - Penso em publicar outras crônicas no blogue, que são independentes, mesmo respeitando uma ordem cronológica do tempo.

Vc organizou o BookCrossingBlogueiro por quantos anos? Como teve essa ideia e como tem sido a receptividade das pessoas?
O BookCrossing Blogueiro tem a cada edição exigido mais e mais dedicação minha. Às vezes penso que não vou dar conta sozinha e já pensei em dividir a organização. Na última edição, deixei claro que todos são responsáveis pelo evento, devendo cada blogger se responsabilizar pela tag em seu blogue. Essa atitude é porque penso em quando não mais estiver presente na organização... O BookCrossing Blogueiro não deve morrer.
Você vai entender a minha afirmativa acima quando eu lhe contar como o BookCrossing Blogueiro começou...
Em Outubro de 2010 fiz uma postagem contando da minha participação no “Livro Panorâmico” um projeto em que o blogue “Visão Panorâmica”, disponibilizava um livro para ser libertado entre blogueiros.
Nessa mesma postagem falei sobre o bookcrossing (evento que inspirou o BookCrossing Blogueiro) e como que “libertei” um livro pela primeira vez.
Nessa época eu estava bastante atribulada no trabalho – como sempre – e não queria assumir nenhum compromisso relativo ao blogue, quando a Isadora Nardi nessa mesma postagem, propôs que fizéssemos uma BC nos moldes do BookCrossing, chamada “Vamos esquecer um livro?” eu lhe disse que daria todo apoio de divulgação, mas que não iria assumir compromisso.
Aconteceu o primeiro e depois ela achou que demandava trabalho e caiu fora. Daí eu fiquei com dó de acabar com o BookCrossing Blogueiro. Por fim, disse para mim mesma “seja o que Deus quiser, vou em frente”.
Estamos indo para a 7ª Edição - eu continuo sem tempo - porém com muito carinho e dedicação ao projeto.

Luma, como é a espiritualidade em sua vida? Segue alguma religião ou filosofia?
Quando eu estava para nascer, minha mãe fez uma promessa para Nossa Senhora de Fátima e pelo testemunho dela, fui agraciada. Nasci prematura, mas sem problemas de saúde. A família da minha mãe é toda católica, seguem todos os preceitos da igreja e tenho dois tios que seguiram a vocação religiosa. No entanto, a minha mãe nunca nos privou de ter experiências com outras religiões e pude ter contato com a maioria delas. Sempre acreditei em Deus e na justiça divina, mas sou livre de religiões. Sigo a filosofia deísta

Se vc fosse uma musica seria... Mother- Pink Floyd
Se vc fosse uma cor seria... Borgonha
Se vc fosse um animal seria... Formiga
Se vc fosse um lugar seria... Praia
Se vc fosse uma flor seria... Tulipa

Uma frase para nossos leitores.
Diga-me o que te proíbem e saberás o que desejas – Frase de minha autoria e que serve como questionamento.

Muito obrigada pela gentileza de sua entrevista. Como eu pensava vc é uma pessoa diferente, Luma! Pessoas especiais como vc, com atitudes especiais diante da vida. Gostei de suas histórias e tenho certeza que os leitores do Recanto irão apreciar também! Beijos da Anne!

Anne, agradeço a todos os seus leitores que tiveram a paciência de ler a entrevista até o final para saber um pouco mais de mim e agradeço a você a oportunidade, afinal, não é sempre que temos a oportunidade de falarmos de nós mesmos.

Originalmente publicada em Recanto dos Autores em 25.05.2013 às 10:39

Comentários:

Oi Anne! Eu gostei muito da sua iniciativa de entrevistar a Luma Rosa. Pois ela é muito especial na blogosfera. Mulher inteligente, sensível e influenciadora de boas ideias. Admiro-as ainda mais. Beijo em vocês duas!
25/05/13 11:07

Que mulher inteligente, Anne! Segura de si e do que faz. São essas mulheres, como você, que fazem a diferença.
Gostei!
Abração. 
25/05/13 11:49  

Bom dia !!!
Bom sábado ......
Vim deixar um abraço, que seu final de semana seja cheio de paz.
Tem sempre um post valioso, que adoro, o que é muito bonito- Uma frase.
-Um amigo me chamou pra cuidar da dor dele, guardei a minha no bolso. E fui.
Clarice Lispector
Abraços Rita!!!! 
25/05/13 12:08  

Olá Anne!
Que lindo ver a Luma aqui no Recanto. Uma guerreira, dona de uma personalidade forte. Uma muher decidida que sabe o que quer e vai em busca dos seus objetivos. Sua iniciativa merece aplausos.
Beijos pra vocês duas.
Gracita 
25/05/13 15:56  

Foi muito bom conhecer mais sobre a Luma!
Beijos nas duas gurias talentosas! 
25/05/13 20:16  

Olá Anne!
Fiquei encantada em poder conhecer um pouco mais da Luma. Gosto demais dessa nossa amiga em comum.
Adorei a história da queda na escada...muito linda.
Um beijo doce para cada uma...
Astrid Annabelle 
25/05/13 20:50  

Que legal saber um pouco mais sobre a Luma!!! É engraçado como a principio a gente olha para ela e pensa uau essa deve ser uma super blogueira inacessível e com o passar do tempo descobre que além de ser inteligente, culta e com princípios sérios é também uma pessoa acolhedora com quem se aproxima.
E claro, impossível falar da Luma e não lembrar do BookCrossingBlogueiro, ano a ano ele tem se tornado um evento no calendário de muitos blogueiros no Brasil e fora do Brasil. Acho que todos os participantes amam se sentirem parte disso e multiplicar essa ideia.Parabéns ao Recanto pela entrevista e um chero para a Luma que é tão querida!!! 
25/05/13 20:58  

Amei saber mais sobre uma pessoa que admiro há um tempo...
Anne, parabéns pela entrevista, vc fez umas perguntas que eu faria, mas jamais tive coragem de faze-las rsrsrsrs
Bjossss 
25/05/13 22:04

Olá Anne e Olá convidada :)
Luma, não sabia que você morou em Portugal por um tempo, nem sabia que escrevia poesia.
Muito boa a entrevista. Parabéns às duas, Anne pela inicitiva e Luma pela forma sucinta mas cheia de informação que conseguiu dar às respostas.
Beijinhos.
Rute
26/05/13 08:09

Olá meninas,que deleite apreciar esta panorâmica vista sobre a entrevistada.
São oportunidades assim que nos propiciam revermos detalhes que ficaram guardadinhos em nossa melhor memória: a afetiva.
Eu tinha minhas desconfianças, Luma, de que vc traz um veia artística pulsante, desde que certa vez vc me falou de suas pinturas.
Acho animador este laço, mesmo que virtual, se estreitar através de empatias que vamos adensando por aqui.
Que Terpsicore esteja sempre te acompanhando, Luma.
Amei a iniciativa, Anne.
Bjos às duas e bom domingo.
Calu
26/05/13 09:46  

Gostei muito da entrevista , perguntas inteligentes e curiosas e respostas claras e interessantes.
Parabéns meninas, sempre muito bom saber o que vai no coração de pessoas que a gente admira (mesmo que virtualmente)
bjim e bom domingo
26/05/13 10:36  

Luma, aprecio muito você com essa capacidade intelectual poderosa! Tanta informação! Parabéns a vc e a Anne pela gostosa entrevista. Foi muito bom conhecer vc! Foram muitos dados até agora desconhecidos por mim e por muitos! Muito agradável de ler! Grande e forte abraço!
Adorei!
26/05/13 11:07  

Anne, meu abraço especial e os parabéns também! Como sempre vc sabe escolher as pessoas e eu morria de curiosidade de saber mais da Luma. Grande abraço e já vou buscar o que postar na "Semana Colorida." Um abração!
26/05/13 12:41  

Amiga Anne
Valeu a pena ler a entrevista de Luma Rosa, uma mulher cheia de fibra. Deu muito gosto conhecer um pouca da sua trajetória de vida. Faceta a destacar o que bem fizeste.
Beijos para a entrevistada e entrevistadora
26/05/13 13:33  

Cada dia que passa fico mais curiosa em saber quem é Luma. Já sei, mas queria saber mais e mais.
Uma pessoa assim especial merece toda minha consideração.
Quem sabe um dia terei a sorte de lhe dar um abraço e continuar com uma amizade que tem pouco tempo e é virtual.
Beijos, Anne!
26/05/13 15:06

Olá Anne,
Mais uma maravilhosa entrevista com um torneado diferente e tão gostoso de ler. Sigo Luma há bastante tempo para a considerar uma amiga especial entre as amigas! E gostei de conhecê-la melhor porque acho que ela tem um bom carater e uma forte personalidade. Diversificada nas suas postagens, uma pessoa com cultura. Gostei de saber que viveu aqui tanto tempo.
Abraço Luma. Obrigada pela amiga que és. Beijinho grande.Para ti Anne, agradeço também dares a conhecer melhor as pessoas com quem "privamos"!
Abraço para as duas
26/05/13 16:39  

Sendo Luma a entrevistada a entrevista só podia ser aquilo que é. Muito interessante. Há muito que conheço o blogue da Luma, mas desconhecia que já tinha vivido em Portugal.
Devo dizer que além da sua cultura patente nos posts que publica Luma é também, uma pessoa prestável que já me ajudou diversas vezes com os problemas que se apresentam a quem tem um blogue e não entende nada de informática. Abraço para as duas.
26/05/13 20:54  

Oi, Anne!! Vim lhe agradecer a oportunidade de mostrar um pouquinho mais de mim e chegando aqui, lendo os comentários dos amigos e o seu carinho no agradecimento da entrevista, senti a alma recompensada por ter encontrado tantas pessoas ricas na blogosfera!
Obrigada!! Beijus,
26/05/13 23:50  

Gostei muito da entrevista.Beijos e uma excelente semana.
Lita
27/05/13 10:35

Oi Anne!
Que delícia de entrevista! Conheci a Luma através da blogosfera e mantenho contato com ela sempre por aqui, pelo Face e já a tenho como uma pessoa querida e parte da minha família de amigos. Pessoa que nos passa confiança, alegria, bem estar. Valeu!
27/05/13 12:19  

Oi Luma!
Que legal...
Gostei de saber um pouco mais sobre você.
Sempre percebi a sua veia e alma de artista.
Bom demais!
Beijão.
27/05/13 13:24  

Legal saber um pouco mais sobre a Luma. Valeu, Anne.
27/05/13 13:24  

Muito bacana a entrevista, adoroooo pq conhecemos um pouco mais de quem esta do outro lado da tela e que acaba fazendo parte do nosso cotidiano...
tbm amo tulipa.
27/05/13 16:54

Gostei muito te conhecer um pouco de Luma, adorei a forma dela responder, e a forma que encara a vida em si, beijos
Luconi
27/05/13 23:03  

Perfeita a Luma nesta radiografia, gostei de conhece-la nesta bela entrevista.
Parabens Anne nesta sua ideia que nos apresenta otimas pessoas com suas historias e sentimentos de um mundo.
Um abração para voces duas.
Bjo
28/05/13 01:05  

Gostei muito da entrevista com Luma.
Valeu mesmo.
Obrigada!
28/05/13 10:47

Olá Anne.
Linda entrevista, parabéns. Quanto a Luma, só o aumento da admiração que tenho por ela. Uma pessoa inteligente e que nos dá sempre textos excelentes para conhecer e refletir. Aqui ela mostra o quanto é encantadora e uma pessoa bem definida quanto a vida e suas escolhas. Parabéns a ela.
Beijinhos.
28/05/13 14:31  

Oi Anne
Só tenho que te dar os parabéns mais uma vez por essa entrevista tão gostosa de se ler, a uma blogueira fantástica que é a Luma. Simplesmente adorei!
Bjos.
28/05/13 15:33  

Olha nós aqui de novo!
Por está em conflito com o Google, pois ele não está a colaborar conosco em abrir os blogs amigos e até os nossos ,por isso demoramos a aparecer.
Sabia que você iria fazer uma bela entrevista, as suas escolhas são de dedo, como esse de escolher Luma para alavancar mais assuntos curiosos como essa entrevista. Luma está de parabéns também por relatar as curiosidades da sua vida e compartilhando conosco um pouco de si.Parabéns mesmo as duas.
Abraço
28/05/13 16:22  

Obrigada à todos os amigos que comentaram a entrevista. O nome de vocês estão gravados em meu coração!! 

...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

PlagSpotter - duplicate content checker tool
Licença Creative Commonsget click

Algumas coisas não têm preço


finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
Verificar conteúdo duplicado

Me leve com você...

Leia o luz no seu celular

Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

Leia mais para produzir mais!

Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor