Quando a cabeça e o coração andam em sintonia, tudo evolui!

O médico cardiologista Claudio Domênico esteve na Região dos Lagos para lançamento do seu livro "Te cuida". Na palestra, o mesmo bla, bla, bla de sempre: Hábitos saudáveis e medicina preventiva para quem quer ter vida longa - Faço esse tipo de leitura logo pela manhã, assim consigo carregar a consciência o dia todo - O médico é boa prosa e fica o link do Sem Censura para que assistam uma das suas entrevistas disponíveis on-line.

O bom é combinar vida longa com prazer de viver e esse é o diferencial desse livro. De que vale viver longos anos de uma vida insossa? Isso posto, não seria melhor viver pouco, mas curtir a vida adoidado? Ooops! Não estou incentivando a cometer loucuras, mas que tenham espírito jovem - Ter pensamentos bons, anima! Quem se anima faz planos e xô tédio! Tédio engorda, leva às doenças psicossomáticas e em consequência, o aparecimento de outras doenças correlacionadas.
Charge Galvão

Um dos conselhos do médico Claudio Domênico é bem simples: Tire um tempo para você. Um tempo para fazer o que quiser ou não fazer nada, mas que seja um tempo exclusivamente seu, sem trabalho, sem família... Relax! O corpo tem limitações, mas nosso cérebro e nossa vontade, não.

Outro conselho médico: Leia livros! Na consulta ele pergunta o título dos três últimos livros que o paciente leu e seus autores preferidos. A leitura em jornal ou revistas não é válida, pois não tem aprofundamento, não faz a mente viajar, desprender-se das obrigações do dia a dia...

Pois vejam, a leitura também faz bem para o coração!

"A culpa minha, maior, é meu costume de curiosidade de coração. Isso de estimar os outros, muito ligeiro, defeito esse que me entorpece." - Guimarães Rosa
book giving day
A Gisele do blogue "Kids Indoors - Dicas para entreter crianças "presas" em casa" foi quem me apresentou o "International Book Giving Day" (Dia internacional da doação de livros). Fui no site, adicionei meu nome e no dia 14 de Fevereiro pretendo participar. Convido vocês a fazer o mesmo! :)

Infelizmente o site está em inglês, mas isso não impede que usem o tradutor ou que visitem o "Kids Indoors", onde a Gisele explica tudo direitinho no bom português.

As doações se destinam exclusivamente ao público infantil, seja uma criança agregada ou uma que você não conheça, perto de você ou enviado o livro para um país distante. Espalhem essa ideia!!

Tenho acompanhado o projeto do "Livro Peregrino" desde a sua concepção e agora ele começa a ganhar corpo. Destinado ao público de Portugal e como um peregrino, os livros percorrerão seu caminho, passando "de mão em mão, unindo e estreitando relações".

Eles partirão do Aveiro, Beja, Braga, Bragança, Castelo Branco, Coimbra, Évora, Faro, Guarda, Leiria, Lisboa, Portalegre, Porto, Santarém, Setúbal, Viana do Castelo, Vila Real, Viseu + Madeira e Açores

A Paula Elias, organizadora do projeto me contactou por causa do "BookCrossing Blogueiro" e o que temos em comum nos uniu - pois além de querermos partilhar o conhecimento, queremos estreitar as relações através de uma "brincadeira séria", enquadrando-a dentro de um projeto de vida com princípios e a querência de ajudar a construir o mundo. Não é pretensão. São pequenas iniciativas que somadas poderão fazer alguma diferença lá na frente. Crie algum projeto e coloque para andar! Quando tiramos um pouco de nós para doar ao mundo, principalmente em um mundo tão carente; um livro, somado a mais livros, poderão ser multiplicados...

Quando pensamos coletivamente, a "coisa" flui. Aqui falamos de livros, mas pode ser qualquer outro tipo de iniciativa. A minha mãe, por exemplo, tinha dois projetos de vida, um era fazer roupinhas para bebê e doar para orfanatos, maternidades... ela costurava toda noite. Podia comprar, mas necessitava fazer com suas próprias mãos. O outro projeto era ensinar música e nos finais de semana, íamos com ela e meu pai espalhar alegria.

Livro Peregrino é uma iniciativa da editora Caminhos de Pax que oferece os livros, entregando-os àqueles que se propõem a lançar o livro no seu distrito, Madeira e Açores. Eles passarão de mão em mão gratuitamente e depois de lido, devem repassar para outras mãos. Caminho esse que será acompanhado por todos os participantes.

Então, meus amigos de Portugal... Dia 1º de Fevereiro foi o dia de partida! Se encontrarem um dos livros peregrino, cuide muito bem dele! Ele irá com uma etiqueta de identificação e um caderninho para anotações, frases ou testemunhos. Boa viagem!!

Cada vez mais menos: livro
Bruno Nobru já publicou “Lembranças de quando éramos da água” (2006), “Tre-chos” (2008), “Novelho” (2011) e participou do coletivo “Mandú sem Fronteiras” (2010) e do fanzine “OrFEL #01” (2011).

"Cada vez mais menos", o livro mais recente, é uma coleção de "pequenezas" de publicação independente e na forma de doação. O livro pode ser lido on-line ou por download gratuito. Quem está em Pouso Alegre e redondezas, se beneficia com o resgate do livreto em alguns endereços. Confira!

Que belo desprendimento, Bruno!! Parabéns! Precisamos de mais escritores com amor à causa!

Campanha de inventivo à leitura
Ganhei o selinho "Campanha de Incentivo à Leitura", da Alê Lemos, da Doña Nieves, da Débora Acácio, da Lulu e da Karina - As quais agradeço imenso! Obrigada, Meninas!!

Vamos as regras:

1. Postar a imagem com o laço
2. Indicar 10 blogs (passo)
3. Avisar os blogs indicados  (passo)
4. Responder a pergunta:

Qual livro você indicaria para uma pessoa começar a ler?

Alice no espelho
Para uma criança: "Alice Através do Espelho".

Nada de avental, saia comprida e longos cabelos amarrados com uma fita. Alice, a menina que visitou o estranho País das Maravilhas e se tornou um clássico mundo afora, voltou repaginada em "Alice Através do Espelho" - continuação de Páis das Maravilhas - Atenção para as ilustrações de Edu Oliveira, que deu a Alice roupas moderninhas e cabelos escuros e bem curtos.

 Wonderstruck
Para uma criança crescida: "Wonderstruck"

Quem já leu "A Invenção de Hugo Cabret", uma deliciosa história de Brian Selznick que também foi transformada em filme, gostará de "Wonderstruck". O livro tem uma estrutura parecida com a de "Hugo Cabret" e conta a história de duas crianças; Ben que vive em 1977 e Rose que vive em 1927 - ambos em busca de alguém que não conheceram. Ben, cuja aventura é contada através de texto, procura o pai. Rose, que o leitor vai conhecer inteiramente por imagens, sonha em ser atriz sobre a qual ela leu. Como em "Hugo Cabret", você estará diante de um quebra-cabeça montado em uma viagem nos tempos.

Livro das horas
Para quem quer crescer: "Livro das Horas"

"Minha tristeza tem nome, não revelo. É dor minha, que não se extingue. A morte de quem se quer bem é um legado pessoal"

"Entre amigos, caminhadas, teatro, museus, restaurantes, consumo os dias. Um lugar fugaz que expressa atração pelo que é provisoriamente perfeito"

"As vezes, após despertar, vou à padaria da Rua Fonte da Saudade. O pão recém-saído do forno, aquece-me e alicia-me a viver"

(Frases sublinhadas do livro).

Moral da história: Para sobreviver sem alardes, cultive os amigos, chore as saudades e não se esqueça do pão.

74 comentários :

  1. Um médico que "receita" livros! Isso é ótimo!
    Acho que todos nós nestes tempos de tantas correrias, de tanto trânsito precisamos de um tempo só para nós, uma dica a ser levada a sério.
    Adorei saber destes projetos de liberdades e passeios para livros.
    Ah! E a dica da Nélida é excelente.
    beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ana Paula, as entrevistas que ele dá não mostram o quanto o livro é incentivador. Para melhorar a saúde é preciso ter consciência e vontade para querer ter qualidade de vida!!
      Nelida é ótima!! Beijus,

      Eliminar
  2. Adoro livros sobre qualidade de vida! Já me interessei. Também achei ótimo ele recomendar livros.

    Vou lá ver sobre o dia de doar livros e claro que vou participar!!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nunca é demais, não é mesmo? Bom saber o que estamos fazendo direito e nesse caso, o médico faz parte da nova medicina comportamental com doutorado na Europa. Não é inconsequente como alguns nutricionistas que fazem faculdade e sem experiência escrevem livros com títulos chamativos e acabam por destruir o metabolismo dos leitores.
      Oba!! Feliz porque se interessou!! Beijus,

      Eliminar
  3. Vou ler com calma. Muito boa a ideia.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  4. Oi Luma!
    Que interessante este médico e seu livro! ë isto mesmo: ficar dconsigo mesmo, fazer o que se gosta., estar com quem se gosta, doa a quem doer! Gostar de viver! Isso é saúde.
    Quero ler este livro!
    Isso mesmo, é de manhã que se programa amiga ( eu preciso ter mais foco pra continuar num bom ritimo de cura interna como estava! )
    Não vou participar do dia internacional da doação d elivros com o Blog, pois estarei dia 14 em pleno fulejo de carnaval, mas prometo doar um livro nesta intenção!
    Este livro Alice através do espelho quero ler muito faz tempo! Agora se o livro foi lançado recém, eu o previ! srrss
    Eu quero muito ilustrar livros, aceito dicas suas!
    Ah quero dizer que vou começar as minhas aulas de português, ( virgulas ) em agosto, o professor assina Saramago ...kkk ( To ferrado ! srsrsrs )
    Ah eu também quero dizer que te adoro :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Você vai gostar, Willian! Pois o médico ele não é "general", ele te convence de como é fácil fazer o certo.
      Sabe que conheço gente que fica com a consciência pesada em tirar tempo para si mesma? Esse lance de mostrar eficiência, ser bom marido/esposa, dono de casa, pai/mãe tem que ser revisado! Esquecer de si e somente satisfazer o outro é uma tremenda furada!
      Verdade, o carnaval te chama! William, você sempre está pensando à frente! Esse livro é recente, se não me engano foi lançado em outubro do ano passado. Às vezes leio e não atino para a publicação.
      Hum... ilustrar livros é uma boa, heim? Mais do que as crianças, fico encantada com as ilustras de alguns livros infantis. Você viu que "Os Gêmeos" estão ilustrando o caderno ELA? Tá lindo de se ver!
      Ah meu amigo! Você está antevendo muita coisa e depois te conto por email... :) Também te adoro!!

      Eliminar
  5. Voltei pra dizer ( To falante hoje! )
    que adorei saber do Livro peregrino! Adoro esta palavra 'peregrino'deve ser porque sou muito peregrino, já estou no Rio! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. William, aqui no Brasil temos um caminho de peregrinação conforme tem em Santiago de Compostela. Não entendo brasileiros sair daqui para ir lá peregrinar. O caminho daqui tem postos credenciados para ajudar, como hospitais, restaurantes, pousadas... Vamos nessa? :)

      Eliminar
  6. Acho ótima essa idéia e pretendo participar nesse ano!
    Bom domingão!!
    Beijos!
    www.asosmamaenadia.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nádia, ótimo encontrar alguém que já conheça o projeto! Coincide com o dia dos namorados no hemisfério norte e é um bom motivo para demonstrar carinho pelos pequenos. Vamos espalhar amor!! Beijus,

      Eliminar
  7. Olá Luma que idéia maravilhosa, eu como sou uma devoradora de livros. Parabéns pela participação neste belo projeto.Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Verinha!! Vem com a gente!! :)

      Eliminar
  8. Poxa, mas que iniciativa bacana, Luma!Faz com que eu acredite e tenha esperança na bondade dos homens.Parabéns :) =*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O mundo não é feito pela maldade. Foi o amor que criou o homem!! Assim, quem sabe voltamos a nossa essência? Beijus,

      Eliminar
  9. Luma,

    Quando terminar o comentário, vou assistir á palestra que você indicou do médico cardiologista.
    Não sei se o tédio engorda, pois eu tenho uma facilidade enorme pra perder peso, mas uma coisa eu tenho certeza; leva às doenças psicossomáticas etc. Rs Ainda bem que acordei a tempo. Rs
    Gostei de tudo que li, e destaco essa parte; "tire um tempo pra você". Bem colocado também o fato da leitura de livros.

    Não dá pra levar uma vida insossa. Ela é muito curta, e precisamos vivê-la da melhor maneira, desde que seja de uma forma saudável.

    Abraços

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tá bem, Lucinha!! Depois em conta o que achou... imagino que o tédio engorda. A pessoa não semte vontade de fazer nada e não gasta energia. Deprimidos não querem sair de casa... tédio aumenta o colesterol, faz você comer toda hora... eita ansiedade!!
      Lucinha, você que é uma pessoa ligada à natureza nunca vai sentir tédio! Quando algum desanimo começar a acenar para você, basta ir no seu jardim, ver suas plantinhas que todo o tédio vai embora! A troca de energia com as plantas é algo que não tem preço!! Beijus,

      Eliminar
  10. Lindo post..Cabeça e coração bem, tudo vai bem mesmo. E só concebo longevidade com qualidade de vida...

    Lindas tuas indicações de livros.Interessantes! beijos,tudo de bom,linda semana!chica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Verdade, Chica!! Que adianta viver muito sem qualidade de vida? Talvez era isso que o ministro japonês estava se referindo quando argumentou sobre o direito da pessoa idosa decidir se quer viver ou não. Tudo de bom para você também!! Beijus,

      Eliminar
  11. Eu vi a entrevista desse médico, achei mega interessante, ele vem mesmo acrescentar e não dizer aquele amontoado de coisas obvias.

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Assisti a entrevista do Sem Censura e agora vou assistir a da Marília Gabriela que a Astrid indicou... Assisti a palestra que ele deu antes do lançamento do livro e sentimos a capacidade de ser um pouco médicos de nós mesmos. Se não nos cuidarmos, não será uma visita ao médico que isso será viável. Já vi muitos pacientes mentirem para o médico! Beijus,

      Eliminar
  12. Luma, o texto hoje está delicioso e leve, deve ser porque me identifico... Passou o primeiro mês, já li dois livros, vou p/ o terceiro título.
    Era para ser surpresa porém estou me coçando p/ contar rsrsrsrs: Lendo uma revistas vi que em New York as mini bibliotecas em cabine telefônica, vc pega um livro e deixa outro, achei o máximo!
    Como eu e maridão temos um boa quantidade de livros, a maioria já lidos, vamos disponibilizar para troca como nas cabines em NY, só que isto será feito na Jubiart física (já temos o espaço do Artesão, vamos aumentar mais estantes), estamos pensando em implantar no primeiro semestre de 2013, divulgaremos em escolas de ensino médio e no campus da UFT. O porquê disto? Não sei se lembra-se, a nossa cidade tem em média 22 mil habitantes, não existe aqui livraria e nem revistaria. Acho que seria um estímulo interessante para o leitores locais. O que vc acha?
    Mais tarde assistirei a entrevista do médico...

    Tenha um domingo relax!
    Vou p/ cozinha prepara uma feijoada turca... Bjãoooooooo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pode ser, Bia!! Mas espero que esteja leve mesmo :) Apesar do tamanho. As pessoas querem blogar mas tem preguiça de ler, onde já se viu? Blogueiro não pode ter preguiça de ler!!
      Acho perfeita a sua ideia e a Jubiart pode se tornar um ponto credenciado do BookCrossing, pensou nisso? A casa da árvore em Valença, começou em um restaurante, onde os clientes esperavam em uma ante-sala com uma mini biblioteca; eles eram incentivados a levar livros para casa, assim como doar. O espaço cresceu tanto que foi necessário um espaço somente para o projeto. Vou torcer para dar certo!
      Ainda não me contou sobre essa feijoada turca. Quero saber o que é :) Beijus,

      Eliminar
  13. Como sempre gostei de todas as matérias que expões. Claro que o médico tem razão...mas também nós devemos ser médicos de nós próprios e para mim a melhor terapia para esquentar a cabeça...é limpar o que está limpo, andar muito a pé, alimentação equilibrada e jamais entrar no campo das lamurias.
    Ler, eu leio...mas nem sempre me apetece pois leio muito pela internet e em tempos indaguei a um psiquiatra: o blá, blá é sempre interessante...mas de barriga vazia acha que alguém consegue ter uma mente sã? Pois é amiga...o estado actual de Portugal tem levado a coisas...meu Deus...que já passei e ultrapassei e ajudo agora a ultrapassar. Os políticos é que deveriam levar 48h sobre 48h lições de que não devem viver da política (afinal somos nós que lhes pagamos o vencimento) mas sim para a política e passarem o que andam a fazer passar quem não contribuiu em nada para esta crise. Mas TUDO IRÁ PASSAR...até nós passamos.

    Os meus netos lêem bastante e até a de 17 meses já gosta de livros para a idade dela.

    Tenho agora resmas de livros( entre muitas coisas) que dois jovens casais deram antes de partirem de Portugal...e ando a deixar livros plantados em locais impensáveis...e fico feliz com a cara de espanto quando os encontram. Outros dei a quem não tem nada, assim como e outras coisas tais:)

    Beijos e um bom domingo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Errata: "para não esquentar a cabeça":)

      Eliminar
    2. Fatyly, quantas vezes analisamos o que sentimos e sabemos antes de ir ao médico o que temos? Lógico que não devemos nos auto-medicar, mas lembro de uma vez em que um médico me disse como é diferente examinar uma pessoa que conhece a si mesma. Podemos ajudá-los no diagnóstico. Mas atualmente com a vida corrida, as pessoas não param para afinar seus sentidos. Deixam a vida correr. Se sentem uma dor de cabeça, tomam um analgésico, se tem cólica tomam um anti-espamódico, se tem dores musculares tomam um relaxante muscular... não vão à fundo, na origem, do que pode estar causando a dor ou desconforto. Esse tempo para si mesmo tem a ver com essa análise. Algumas pessoas não se olham no espelho, não porque não gostam de si, mas porque não possuem tempo para si. Eu sei que você é super saudável porque atende ao chamado do seu corpo e também força ele a trabalhar, não deixando que o corpo fique mole (rs*)
      Qualidade de vida tem a ver com saciar as nossas necessidade básicas, não necessariamente ao luxo. Alimentar-se bem é um das satisfações, mas devemos satisfazer os cinco sentidos para termos qualidade de vida.
      Bom que esteja plantando os livros! Que germinem e frutifiquem na mente daqueles que se beneficiam. Tenho certeza de que tudo vai passar, mas a questão economica não se resolverá nos próximos 3 anos. O povo tem que se unir!!
      Beijus,

      Eliminar
  14. Bom dia de domingo Luma!
    Gostei demais desse seu post...a entrevista com o médico eu assisti! E gostei...só que com a entrevistadora Marília Gabriela, no canal GNT. Irei ver a sua indicação logo mais.
    Quanto aos outros links, todos adoráveis, já lhe adianto que irei ver com o maior prazer, e quem sabe participar...
    Gosto da idéia do Livro Peregrino, conheço via net a Paula Elias e sei da seriedade do trabalho que faz.
    Um beijo doce e saiba que irei compartilhar este seu post no FB e no meu blog.
    Astrid Annabelle

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom dia, Astrid! Vou procurar pela entrevista com a Marília Gabriela. Fiquei bastante satisfeira com a sua presença no "Kids Indoors" e por ter dado o seu apoio! A Paula estou conhecendo e gostando do seu jeito de pensar. Agradeço imenso toda sua boa vontade!! Beijus,

      Eliminar
  15. Luma, muito obrigada por ter aceito o meme. Achei bem bacana você indicar os livros por categoria de idade, vc é uma das poucas pessoas que eu conheço que mais entende de livros.
    Bom fds.
    Big Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lulu, às vezes demoro um pouquinho para responder, mas procuro responder sempre! A não ser que seja uma bobeira ou eu noto auto-promoção do blogueiro. Lógico que também esse meme foi bem simpático para mim.
      Jura que pensa isso? Tenho que correr atrás desse prejuízo :)
      Beijus,

      Eliminar

  16. Carinhosamente venho desejar um feliz e abençoado final Domingo.
    Uma semana de Realizações. sonhos realizados,
    pois a vida é um constante recomeçar.
    Beijos paz e luz,Evanir.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Evanir!! Que a sua semana seja rica! Maravilhosa!! Beijus,

      Eliminar
  17. Fiquei pensando nas dicas do médico, e acho que ele tem razão. Tirar um tempinho para você mesmo é ponto fundamental na vida. Eu tiro, sem remorsos. E como sou mãe de duas adolescentes, ouço reclamaçoes dia e noite por causa disso...

    Eu não trabalho. Segundo meu marido, eu "não faço nada". Ele vive tirando sarro de mim por isso. Aí hoje ele nao foi trabalhare ficou o dia todo reclamando que eu "não tinha tempo prá ele". Há... Não fazer nada ocupa um tempo danado!

    Ando enlouquecida com o meu projeto de capturar e castrar caes de rua e devolve-los para seu habitat. Esse projeto evita que os cães sejam mortos para "controle de população".

    Sobre os livros, estou doida para mudar de bahrain ( mentira!!) - prá poder libertar livros, participar de projetos de livros peregrinos ( verdade!!) e ter acesso a muitos livros que hoje não tenho!

    Bj

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Inaie, adoro me demorar no banho. Encher a banheira e lá ficar! Levo vinho, livros, revistas... coloco as músicas que gosto e relaxo!! Também gosto de me demorar no ritual pós-banho :) Me renovo assim e as pessoas da minha convivência reconhecem. Nessa hora não vale conversar comigo e nem me levar telefone para atender.
      Os adolescentes adoram se fazer de vítimas. São uns coitados! Tão problemáticos... não? Nem sempre é assim, mas eles gostam de nos jogar a culpa "Mãe, você não me dá atenção" ou "Minha mãe só sabe encher o saco" :) Já fomos adolescentes e sabemos bem de como a coisa funciona.
      Pois não é? Quando a mulher não trabalha fora, dá essa impressão de que ficar em casa é não fazer nada. Mas somos as culpadas! Sempre fazemos tudo quando eles não estão em casa. A dica é, cuide de você enquanto eles estiverem fora e quando eles estiverem dentro de casa, você cuida da casa e deles, pois atenção mesmo eles não querem. Dá um amigo para um adolescente e uma televisão para o homem que você terá sossego eterno!
      Não sabia que estava com projeto de captura de animais abandonados.
      Inaie, fica a sugestão: Coloca na sidebar do blogue os livros que você gostaria de ler. Quem sabe não enviam para você?
      Beijus,

      Eliminar
  18. Olá Luma!
    Eu sou da opinião que tudo deve ter limite, até cuidados com a saúde. O caminho do meio é a solução. Opto pela vida (no meu caso sobrevida) com intensidade, isto inclui sabores, dissabores , realidades e sonhos. Mas o exagero não faz bem.
    Sobre o Livro Peregrino, fiquei encantada e gostaria MUITO de receber e de repassar. Eu faço isso aqui, na cidade pequena, mas entre pessoas conhecidas. O dia em que deixei um livro num banco da praça, ele foi destruído. Por isso, escolho a quem entregar meus tesouros. Sobre o que começar a ler, vejo por minha filha, depende da idade. Ela , depois dos livrinhos, passou a H. Potter, Garcia Marques, e agora lê tudo sobre a II Guerra Mundial. É mesmo de cada um...
    Bj

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também, Claudinha! Tudo que vira "mania" não é bom.
      Lembro que em um dos bookcrossing blogueiro, alguém comentou sobre pessoas que jogavam livros no lixo e outras que por não terem acesso, acham que livro tem mesmo que ir para o lixo. Entendo o seu propósito e o seu modo de agir também vai de encontro ao bookcrossing, já que o princípio é não deixar livros trancafiados nas estantes. O livro precisa circular!
      Incentivo pelo exemplo é apenas um modo, nem sempre o mais seguido. Ótimo que sua filha está amadurecendo a leitura! Acho que a curiosidade é o maior incentivo!! Beijus,

      Eliminar
  19. Oi Luma, muito interessante!

    Este Dia Internacional da Doação de Livros é novidade pra mim, e um bom pretexto pra presentear as crianças.

    Quanto aos projetos "paralelos", às vezes parece que o maior beneficiado é mesmo aquele que compartilha ou faz algo pra beneficiar alguém. O dia em que eu me aposentar e tiver meu tempo livre é uma coisa que gostaria de fazer, só não encontrei ainda uma forma de fazer isso... Afinal é preciso ter jeito e talento pra compartilhar alguma coisa...

    Mas... até lá, muita água vai rolar e pode ser que eu encontre a fórmula pra isso!

    Um abraço e boa semana


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Carla, conheci o Book Giving no ano passado, mas não consegui participar. É muito bom compartilhar! Principalmente quando percebemos a surpresa e alegria de quem recebe. Sentem-se sorteados!
      Se é o que você quer quando se aposentar, acho que vai acontecer. Quando a gente quer, acontece!! Boa semana!! Beijus,

      Eliminar
  20. Olá Luma,
    É interessante quando temos bons livros para fixar ainda mais o fato de termos uma vida saudável.
    Com certeza a partilha será realizada.
    Beijos mil

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um bom livro é incentivo, tanto para ler, quanto para aprender e aplicar o que se aprende. Beijus,

      Eliminar
  21. O doutor soube bem aconselhar: leia livros, eles te fazem voar.
    É animador vermos como crescem os movimentos referentes ao incentivo a leitura.Então, dia 14 teremos mais uma edição, né Luma?Irei participar.
    Obrigada por todas as informações.
    Tenha uma ótima semana.
    Bjos,
    Calu

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Calu, o que percebemos, pelo modo que o médico se expressa, que ele lê bastante também. É articulado e bastante criativo! A leitura ajuda a desenvolver o pensar, o expressar e até mesmo a fala.
      Tomara que dê certo para você participar!! Eu já separei o meu livro!!
      Ótima semana para você também!!
      Beijus,

      Eliminar
  22. Luma!!!!!!!!!
    Estou híper feliz em participar do seu Blog!
    Cada postagem traz muito do que acredito.
    A propósito, obrigada pela"dica" no meu Blog.
    Vou seguir a sua sugestão agora mesmo.
    Venha enriquecê-lo sempre que puder.
    Ótima semana prá você!
    Abraço,
    Kátia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Kátia!! Seja bem-vinda!!
      Sinta-se à vontade para questionar qualquer coisa e sobre a ajuda, disponha... se eu souber, ajudo com muito prazer!
      Ótima semana para você também!! Beijus,

      Eliminar
  23. Não sei se alguém já passou por isso mas posso afirmar que pensamentos negativos, tristezas, decepções, nos fazem adoecer. No meu caso, elas podem alimentar qualquer celulasinha doida para virar um câncer, mas até agora tenho passado por vários e ainda estou aqui. No entanto, neste último fim de semana tomei uma decisão: chega de mais operações! Não quero passar o resto dos meus dias mais deficiente do que já sou! Vou usar toda a energia que me resta para fazer tudo aquilo que sempre sonhei! Ao menos vou tentar!
    Tem gente que acha isso suicídio. De minha parte acho que é suicídio você se entregar para a doença esperando uma cura milagrosa da medicina. Sei que ela não vira. E a gente só sofre mais com isso.
    Antes sã do que insana em uma cama de hospital...
    E sobre livros, quero dizer que adoro livros, principalmente aqueles que me remetem à minha infância, onde me torno heroína e salvo o mundo. Os que fazem pensar também, pois aí eu entendo melhor este mundo louco.
    Recomendo para todos que sonhos depois de um livro que leiam "Fios de Prata" de Raphael Draccon http://www.raphaeldraccon.com/.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Realmente, Adriana! Quando dizem que a cabeça é o nosso guia, nem sempre se refere ao caminho escolhido, mas aquilo que pensamos. Podemos nos sabotar!
      Adriana, não sei como sente os resultados da cirurgias, mas se existe a esperança de uma renovação, não deixe de fazê-las. As pessoas não compreendem muito o tipo de decisão que quer tomar e quem analisa por fora, achará que você está se entregando. Nem uma coisa, nem outra... procure um equilíbrio. Depois de uma decisão tomada, fica difícil voltar atrás, ainda mais quando se trata de saúde.
      Anotada a dica do livro! Cuide-se!
      Beijus,

      Eliminar
  24. É o que eu sempre digo, até já postei sobre o assunto. Temos que ter um tempo só pra nós. Aquela velha história: se um avião tiver caindo e vc estiver com uma criança do lado, primeiro vc coloca a máscara em vc pra depois colocar na criança. Se estamos bem, cuidamos melhor de quem depende de nós. Ótima semana!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Candy, precisamos mudar o nosso jeito de pensar! Cuidar de nós é também cuidar das pessoas que convivem com nós, afinal, quando ficamos mal, todos os envolvidos acabam também se sentindo mal. Bora comprar um monte de máscaras!! Beijus,

      Eliminar
  25. Oi Luminha

    Não deletei o outro... só mudei o link.. o outro del tilt

    Bjs
    Vou ler com mais calma agora meio dia.
    Bjs
    Debby :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Até achei estranho, porque havia comentado no outro e o meu comentário surgiu no que não sumiu... doideira!! :)
      Beijus,

      Eliminar
  26. Oi Luma! Obrigada pela visita, pelas dicas! O que me magou foi que em menos de 1 mês, escutei coisas muito ruins de uma pessoa que amo demais! E fiquei triste, desapontada e claro pensativa: será que terá um futuro essa relação? Por enquanto nos acertamos. Mas se acontecer novamente mês que vem, a separação será inevitável. Amo demais ele, mas me amo muito mais para ficar sofrendo!

    Obrigada pelas dicas... quando estou assim vou na academia malhar o corpo e a mente!!! Mas na sexta, estava péssima, e o pior (ou melhor) minha pressão estava hiper baixa (sou hipertensa!!!) Dai tudo colabora né!? Já estou no astral de novo!

    Sobre a sua postagem: Acredito que viver com rancor, ódio e mágoas só faz mal para a pessoa. Estou lendo muitos livros ultimamente e só tem me feito bem! Fora que adoro fazer artesanato e dai viajo, perco totalmente noção de tempo! E claro a primeira hora do meu dia é dedicado a malhação que é um momento só meu (não atendo celular e não adianta ligar para a academia! Me recuso a atender!!!) rs

    Acho que vou comprar uns livros infantis e participar do Book Giving Day! Vou estar passeando, mas não impede de doar em outro lugar né!

    Adorei as indicações no Meme! Vou anotar para ler! Até o infantil...rs


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Poxa, Karina... pense que isso apenas serviu para você parar para questionar e acertar os ponteiros da sua relação. Nem sempre é o fim e não sabemos porque as pessoas agem de modo a nos desapontar. Nem sempre elas querem isso. Mas vejo que você está conduzindo a sua vida muito bem! As crianças agradecem... beijus,

      Eliminar
  27. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Bruno! Boas energias para você também!! Você tem muito para nos dizer!! Beijus,

      Eliminar
  28. Eu não sou fundamentalista, nem oito nem oitenta.
    Luma, tem um boa semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A que se refere, Nilson? Acho que em momento algum falei sobre religião. Se qualquer maneira, nesse ponto concordo com você, pois até mesmo para ter fé, é preciso equilíbrio! Beijus,

      Eliminar
  29. Tento ter cuidados. Sei que o meu corpo é como uma máquina
    que se vai gastando...mas também tenho que viver.
    Enfim pudemos ter todos os cuidados e ter um acidente de carro,
    de avião, sei lá.
    Ah, que ser positiva.
    Beijinhos
    Irene Alves

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Verdade! Precisamos ter saúde, sem ela não vamos para lugar algum! Os riscos todos nós corremos, mas quem se expõe corre mais riscos!! Beijus,

      Eliminar
  30. Afinal somos um todo e se um não está bem o outro padece com certeza.
    Adorei o texto.
    Bjks doces e uma boa semana,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Somos todos da mesma árvore. Para que eu esteja bem, todos ao meu redor também precisam estar. Beijus,

      Eliminar
  31. Esse tempo, é o que eu gosto...sempre tiro um tempo , principalmente para devorar um livro bem escondida...sem barulhos, somente para desfrutar e viver aquele momento o meu livro...
    Paz e bem

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom, né? Mas sem barulho está complicado pra mim nessa época de carnaval. Vou ter sossego só depois!! Beijus,

      Eliminar
  32. Luma querida,

    Depois de um tempinho de férias, estou de volta ao mundo virtual.
    Quero agradecer por suas palavras lá no “Essência”, você sempre foi muito carinhosa e atenciosa comigo, obrigada mesmo!!!
    Parabéns pela postagem, na vida devemos manter o prazer em desfrutar cada momento sempre com muita esperança e otimismo.
    Sei que existem momentos que perdemos a fé diante de fatos que nos surpreendem.......mas hoje em dia, as pessoas estão perdendo a sua vivacidade, aquela alegria e prazer que faz parte da alma.
    Muitos estão se entregando á depressão, tristeza, desânimo, principalmente as pessoas idosas, que além de não serem respeitadas, estão cada vez mais se desvalorizando como pessoas, se sentindo muitas vezes inúteis.
    E os conselhos do Dr. Cláudio por mais simples que sejam, são fundamentais para que qualquer pessoa possa encontrar seu equilíbrio e resgatar a vontade e o prazer de viver.
    E sem dúvida nenhuma, a leitura é um dos melhores medicamentos que podemos em doses diárias avivar a nossa mente, refletindo em nosso físico com muita saúde e bem estar.

    Um grande beijo em seu coração!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Seja bem-vinda, Lu!
      Porque não haveria de ser carinhosa com você? Estou só devolvendo na mesma moeda! Realmente, as pessoas precisam se valorizar mais e respeitar-se para que as pessoas ao redor também lhes respeite! Obrigada pelo carinho!! Beijus,

      Eliminar
  33. Luma
    E quero ser sempre jovem e ter pensaentos bons.
    com carinho Monica

    ResponderEliminar
  34. Olá Luma.
    Concordo com o cardiologista. E adorei ler o seu texto. Ter objectivos e fazer coisas por nos e pelos outros ajuda a manter a mente e o coração saudáveis. Boa ideia a dos livros já ouvi falar. E ler é sempre tão bom e faz bem.
    Beijinhos grandes.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lena, quem não tem objetivo na vida passa os dias sem ânimo. Ter planos é a melhor forma de não pensar besteirinhas... rs. Beijus,

      Eliminar
  35. Oi Luma,
    Realmente viver por viver, levando uma vida insossa, não vale a pena. Ainda bem que gosto de ler, pois já ganho uns pontinhos...
    Gostei das iniciativas incentivando as leituras, vou conhece-las melhor.
    Sobre sua dúvida no bolo,acho que não tem problema substituir o cardamomo por gengibre. Experimente e depois me conte.
    Bj,
    Lylia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lylia, se não podemos com sal, adicionamos algumas ervas, não é mesmo? Vou testar e depois te falo!! Beijus,

      Eliminar
  36. Acho q estou amando...esse médico :-)

    ResponderEliminar
  37. É tipo uma blogagem coletiva? Tem prazo?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oi, Patrícia!!
      Esse médico faz parte da nova medicina, muito bom!
      De qual tópico está perguntando? A única coletiva é o Book Giving, ao qual você tem todas as informações... :)
      Beijus,

      Eliminar

Tenha identidade, não seja anônimo na web. Crie sua identidade virtual.

...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

PlagSpotter - duplicate content checker tool
Licença Creative Commonsget click

Algumas coisas não têm preço


finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
Verificar conteúdo duplicado

Me leve com você...

Leia o luz no seu celular

Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

Leia mais para produzir mais!

Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor