Pensamento digital

inclusão digital

Hoje em dia o maior obstáculo para a expansão do desenvolvimento das indústrias, sejam elas de base ou de entretenimento, não se baseiam mais no acesso à terra, aos alimentos ou às letras. Se o cidadão tiver todos os itens anteriores, de nada servirá para capacitá-lo a participar do que hoje o mercado de trabalho e a sociedade pedem.

A realidade mudou e em muitos lares, crianças pequenas já tem acesso ao computador, controlam o mouse em joguinhos educacionais, aprendem a distinguir letras e números antes mesmo de entrarem para a escola e serem alfabetizadas tradicionalmente. Essas crianças quando entram em contato com cadernos e o manusear de um lápis, apresentam grande dificuldade de adaptação - O lápis, um instrumento da escrita que confunde a sua história com a evolução da humanidade - O que diria Plínio, o velho (70d.C.)?

Para quem não sabe, Caio Plínio foi autor da primeira enciclopédia, a Naturalis Historia ("História Natural" em latim) composta de 37 litros, publicada em 77/79 d.C. da nossa era comum.

Se o iletrado anterior era aquele que não conhecia o alfabeto, a ONU revisou este conceito e na definição atual, o analfabeto é o cidadão que sabe ler, mas não consegue interpretar um texto. Se você não entende um texto é como se não o tivesse lido, portanto, ler e compreender um texto é sinônimo do não desenvolvimento do pensamento e da abstração.

Você usa o pensamento durante todo o dia - como saber se o seu pensamento está correto, se em um simples texto não compreende metade do que está escrito? A leitura e sua compreensão ajudam-nos a desenvolver tarefas além daquelas realizadas mecanicamente no dia a dia. Você não é uma máquina, você difere dos outros animais por "saber pensar" - Se você não sabe pensar, você é um animal!! (rs*)

Existem muitos animais acessando a internet e que não sabem se comportar digitalmente. Se não conseguimos resolver o problema da nossa base educacional, como resolver a questão da inclusão digital? Como educar o analfabeto funcional para lidar com a comunicação visual e interpretação linguística da internet?

Grandes empresas, por não encontrar pessoas capacitadas, investem na formação digital de seus funcionários e oferecem treinamento básico em informática, mas essa iniciativa é um grãozinho de areia, perto dos cinquenta milhões de pessoas que vivem em estado de miserabilidade absoluta neste país.

Mesmo que o governo federal, abra linhas de créditos para que o cidadão tenha acesso a equipamentos de informática, a aquisição de tecnologia não é sinônimo de aquisição cultural e tem que vir acompanhada da necessidade de conhecimento, por isso sou super a favor da inclusão digital nas escolas.

O crescimento do país depende do seu crescimento tecnológico em nome da pura e simples eficiência e a vida será ou se não está, realmente difícil para aqueles que não se enquadram nesta nova ordem digital. Um excluído digital é também aquele que percebe que a maior parte do mundo não está inacessível para ele e o virtual não é uma ilusão. Vamos encarar a realidade: a outra metade da vida é online.

Não sei se vocês conhecem o Proinfo Integrado (Programa Nacional de Formação Continuada em Tecnologia Educacional), criado pelo MEC (Ministério da Educação) para dar apoio didático-pedagógico nas Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) dentro do cotidiano escolar das escolas públicas, distribuindo equipamentos tecnológicos e capacitando professores com conteúdos, recursos multimídia e digitais - entre outros recursos necessários para atender o processo de inclusão digital nas escolas.

Estou toda orgulhosa do "Luz de Luma", porque o blogue é mencionado (clique em "Saiba mais" para ler) no Proinfo Integrado, como um excelente exemplo de blogue "Ciberativista".

Ulalá, estou voltando a blogar com boas novas!!

27 comentários :

  1. Luma, adoreio texto!
    Vou indicar para alguns professores que conheço.
    bjs
    Jussara

    ResponderEliminar
  2. Você merece todas as menções, Luminha linda! Porque você é original e de qualidade ímpar, nos textos e no caráter! Beijo.

    ResponderEliminar
  3. Boas novas sempre bem vindas e SEMPRE merecidas!

    Como n tem gente que sabe se comunicar no real, tbm tem quem no virtual não se comporte!

    As iniciativas de inclusão sempre são uma saída, mas nem todo mundo consegue ter acesso a elas...

    Beijos saltitantes
    Boa semana

    ResponderEliminar
  4. Da inclusão digital depende o futuro do país, Luma. Por isto, como você, apoio integralmente as ações do governo no sentido de promover a integração tecnólogica junto aos alunos de rede publica de ensino.
    Quanto à menção do Luz de Luma no Proinfo Integrado, trata-se do justo reconhecimento ao excelente trabalho que você desenvolve na web, generoso no auxílio aos que têm dificuldades no uso das ferramentas tecnológicas (como é o meu caso - não esqueço a força que você deu à Toca), e, também, na partilha de conhecimentos acerca do mundo virtual. Assim, você não se limita ao discurso políticamente correto mas faz concretamente a sua parte na construção de uma sociedade melhor. É uma postura de vida a ser seguida. Parabéns.

    Beijo.

    ResponderEliminar
  5. Luma,
    tem um selinho pra você lá no meu blog.
    Xeros

    ResponderEliminar
  6. Ler um texto e não compreendê-lo é mau, muito mau. Ter internet e não saber usufruir, igualmente. Porém tudo para se aprender exige acima de qualquer coisa boa vontade e persistência.

    Acerca do que você comentou no meu blog, fiquei lisongeada rs, vamos pensar, sim. Mas afinal, como seria esse mutirão?

    Beijo na alma!

    ResponderEliminar
  7. Luma concordo totalmente com todo o texto.
    Sou a favor também da inclusão digital nas escolas.
    E parabéns pelo excelente exemplo de bog. Vou ler agora.
    Xeros

    ResponderEliminar
  8. Oi Luma! Eu estava viajando, só agora pude navegar. Espero que você esteja bem!
    Quanto a indicação... Todos seus amigos também estão orgulhosos de você, Luma! Parabéns!

    Ah! Hoje, mandei um email para você. Verifica!

    .::.Susy.::.

    ResponderEliminar
  9. A inclusão digital é necessária para o desenvolvimento do país, concordo plenamente com vc.
    Bjs

    ResponderEliminar
  10. ciberativista..isso vc é mesmo!!!!

    /(,")\\
    ./_\\. Beijossssssssss
    _| |_................

    ResponderEliminar
  11. O maior emelhor investimento que um país pode fazer,é a educação.
    Muito bom esse texto.

    ResponderEliminar
  12. Uhuuu...

    Parabéns, moça!!!!!

    Beeijos!!^^

    ResponderEliminar
  13. Luma, é muito bom ver um link para o nosso espaço, principalmente nesse caso.
    Parabéns.
    Acho que a escola é o melhor lugar para a inclusão digital.

    ResponderEliminar
  14. QUE LEGAL QUERIDA!!!

    Parabéns!

    bj

    ResponderEliminar
  15. Olá Luma Rosa
    Muito interessante e muito bom o texto !
    Sabes que em Portugal, desde há uns 4 anos, está a ser distribuido a todos os alunos da escola primária (alunos com 6 a 7 anos de idade) um computador gratuito e respectivo ensino do funcionamento algumas horas por semana ?
    A medida é extraordinária, porque permite a alunos sem possibilidades financeiras o uso e aprendizagem de informática no seu próprio computador !
    .

    ResponderEliminar
  16. Educação é a base de tudo, é a solução para tudo e não é exagero repetir isso. Logo, todos os esforços e todas as iniciativas nesse sentido são louváveis.

    Parabéns pela citação merecida.

    * Vou pensar sobre a proposta do post hot...rs

    ;)

    Beijocas!

    ℓυηα

    ResponderEliminar
  17. Oi Luma, como você está?
    Faz tempo que não passo aqui!


    Parabéns pelo sucesso do blog :]
    E volte com mais coisas boas pra contar.

    Acredito que você vá gostar dp blog da Jana, ela é uma querida e beem doidinha haha

    Beijos!

    ResponderEliminar
  18. Oi Luma
    Temos mesmo que pensar em Conhecimento. Falo assim porque sempre gostei de separar as duas coisas. Para mim Educação ainda é a maneira do cidadão se portar perante a Sociedade, e isto começa em casa e vem de berço.
    Já o Conhecimento, mesmo que iniciado em casa é de responsabilidade dos governantes, seja onde for. No Brasil, importa-se mais com quantidade do que qualidade e a cada aluno que entra para a Escola, 6 saem annalfabetos funcionais na 5ª série.
    Isso é vergonhoso para um país rico como o nosso. A internet dá mais oportunidade de conhecimento e compreensão a todos, pois a linguagem é diversificada e os meios são mais incentivadores.
    Tenho muita esperança de que tudo melhore.
    Excelente texto minha querida e você merece tudo de bom que lhe acontece.
    Parabéns!

    Bjs no coração!

    Nilce

    ResponderEliminar
  19. Impressionante como és uma garota informada e passas de uma boa reflexão sobre o presente e as novas realidades para a boa argumentação reforçada pelos clássicos...estou impressionada, Luminha querida
    Beijinho

    ResponderEliminar
  20. Luma querida,deixa-me te contar uma coisa.

    Na maioria das escolas que conheço, os computadores e a sala de informática estão sem uso por falta de pessoal para atendimento. Conheço uma em que alguns computadores enviados pelo governo estão estragando.

    O mundo evoluiu mas, a maioria das escolas públicas elaboram seus planos de ensino como se ensinava no século passado. Assim as crianças detestarão cada vez mais a escola.

    Quanto a estar orgulhosa por ter sido citada, não é só você minha querida. O orgulho é de todos os que a estimamos.

    Não é a toa que você é a luz desta blogosfera.

    Beijos!

    ResponderEliminar
  21. Super parabens pela mençao!!!
    Vim tambem te agrdecer o carinhoso comentario que voce me deixou, super obrigada querida!!
    Beijocas!!

    ResponderEliminar
  22. Por isso é tão bom ler você. Sabe das coisas, é bem informada, generosa.
    Parabéns!
    Beijo!

    ResponderEliminar
  23. Luma:
    Parabéns!
    Seu blog é referência e tudo de bom que ainda existe na blogosfera...

    Anny.

    ResponderEliminar
  24. O analfabetismo funcional realmente é gravíssimo em nosso país...aí eu te pergunto, como, sem um ensino básico de qualidade poderemos progredir como povo, como cultura e lá em cima, na universidade, deixar a meritocracia de lado pelo sistema de cotas...? A base é tudo...se a base for boa, não serão necessárias cotas.Tá tudo errado Luma, tudo...Quanto à necessidade de não só dar o aparelhamento tecnológico, mas tb conhecimento para usá-los é a mesma coisa que analfabetismo funcional, não é? De q adianta dar o peixe e não ensinar a pescar? Frase batida mas verdadeira. E, parabéns Luma, seu blog é de utilidade pública! Beijos, pena que não deu pra paritcipar do Poteiro...snif...

    ResponderEliminar
  25. É, realmente, mais que necessário, a inclusão digital. Levar o conhecimento, para os alunos da Rede Pública , creio ser o caminho mais rápido e seguro.
    Você tem que ficar muito feliz, por ter o seu Blog citado. Eu li: "Luz de Luma que é uma ciberativista que mantém um blog excelente."
    Um grande abraço.

    ResponderEliminar
  26. A Educação direta é muito importante para que se estenda a digital, pois somente pessoas com educação real terá na virtual.
    Gostei de seu texto.
    Abraços forte

    ResponderEliminar
  27. Sabe o que é engraçado, há um tempo atrás, teve um quadrinho que fala sobre a informação que a informação eletrônica que estamos criando não seria lida pela a tecnologia do futuro, com isto, apesar de nosso vasto conhecimento, não seria conhecido pelos nossos descendentes...

    Algo que o conhecimento feito através do lápis não tenha problema de leitura.

    Fique com Deus, menina Luma.
    Um abraço.

    ResponderEliminar

Tenha identidade, não seja anônimo na web. Crie sua identidade virtual.

...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

PlagSpotter - duplicate content checker tool
Licença Creative Commonsget click

Algumas coisas não têm preço


finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
Verificar conteúdo duplicado

Me leve com você...

Leia o luz no seu celular

Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

Leia mais para produzir mais!

Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor