27 Dicas Poderosas Para Melhorar sua Blogagem

365 dias
365 days Bon Ton Burlesquers

Você gosta de truques de mágica?

Para mim, os melhores mágicos são aqueles que compartilham o que sabem. Penn and Teller são assim. Eles adoram demonstrar seus truques em frente da platéia. Então, você quer aprender algumas mágicas de blogs comigo?

Quando digo que são segredos, você, com certeza, vai estimá-los muito mais. Vale lembrar que já compartilho todos eles diariamente com vocês. Mas desta vez vou diminuir o rítmo e explicar o passo a passo de cada um, vamos lá?

27 Dicas Poderosas Para Melhorar sua Blogagem

Primeiros passos

1 - Um título intrigante pode demorar bastante para atingir o seu público. Procure ser mais consistente e direto ao criar um. Na falta deste requisito, os posts com os números parecem funcionar. Especialmente os números ímpares. Como 27 por exemplo.
Vários palestrantes, quando falam sobre mídias sociais, SEM e SEO, sempre citam a capacidade humana de identificar oportunidades em números. É sempre um atrativo a mais quando você cita no título do texto algo como, “7 dicas para melhorar o seu dia” ou “12 dias para emagrecer com este suco natural”. A lógica popular do mundo ‘real’ - e impresso - funciona perfeitamente para o mundo online - É uma simples curiosidade da natureza humana, contabilizar, juntar, somar e sempre ter a ideia de que está se levando um ótimo conhecimento prático e rápido para o dia a dia.
2 - Uma foto por postagem tem sido meu truque especial nesse tempo. Você queira ou não, ela sempre chamará atenção. Pelo conceito popular, sentimos atração ao visual e facilmente criamos um pré conceito sobre o assunto. Eu uso o Flickr Creative Commons para fazer isso e certifique-se de dar os créditos (autoria) adequadamente.
Está é outra prática similar ao título do post, usar da imaginação para criar um ambiente pré leitura de post na qual as pessoas possam se identificar, ou não, e automaticamente criar uma atmosfera pré estabelecida para a leitura.
3 - Você já percebeu que a maioria dos meus posts começam com uma pergunta? Isso é um segredo. Quando faço isso, eu já sei que você vai parar e pensar sobre a questão que vai ler. O mais importante aqui é trazer à sua mente o pensamento: “Como isto me afeta? Qual minha opinião sobre este assunto?”. Estou definitivamente lhe preparando para o que vai ler.
Filmes, seriados ou qualquer produção audiovisual, fazem sucesso por criar uma atmosfera com imagens, sons, iluminação, fotografia e claro, um ótimo texto. Já percebeu que muitas aberturas de filmes de drama ou sci-fi sempre começam com uma pergunta ou citação? É o ponto de identificação e, te inclui rapidamente, em ambiente confortável , é como se você chegasse em uma conversa com um grupo, e estivesse já sabendo o assunto e, preparado para debater.
4 - Quebre a leitura visualmente. Repare que eu tenho uma tag H3 (papo de html) igual ao título, isto é, eu repeti o título superior dentro do texto e também estou usando uma lista no corpo do texto, para dar aos seus olhos algumas “soluções visuais” naturais.
Este é um modo “não enjoativo” de leitura de um texto. Você cria uma subsequência de pequenos parágrafos - destacando o que cada um quer dizer, em um subtítulo. Assim, você consegue adquirir uma quantidade maior de leitores que podem ler exatamente o que mais interessa ou utilizar o subtítulo como um apelo para a continuação da leitura. Só tome cuidado para não criar mini-posts dentro de um assunto; crie as quebras-visuais, mas mantenha-se dentro do assunto do post.
5 - Ah, talvez eu devesse ter começado este post dizendo que você deve ajudar as pessoas e escrever algo útil para elas. As pessoas querem mensagens que possam usar para melhorar a si mesmos ou seus negócios.
Isto não quer dizer que vai adquirir um público seletivo ou sequer vai criar um público-alvo, é algo bem genérico, mas que pode funcionar com muitos assuntos do dia dia. Temas como Vida ou Morte – doenças, ganhos, etc -, são exemplos de posts: “acontecerá com todo mundo, como lidar com isto?” Arrecadará muitos leitores.
6 – Famosa regra da brevidade. Digo muito isto. As pessoas, em geral, simplesmente não vão ler posts longos. Há exceções, claro.
É um fato conhecido de que os norte-americanos contam com uma particularidade no vocabulário - a simplicidade - Uma palavra pode significar até 7 fatos diferentes. Então é lógico que qualquer textos em inglês-americano pode parecer maçante, se muito longo. Já, para nós, a regra é um debate orgânico e longínquo, pois temos uma das línguas mais ricas do planeta e pessoalmente eu acho um ‘grande drama edipiano’ não usar ‘influências da literatura anglo-saxônica’ e abusar de todo este conteúdo brasileiro nato, nato. Como diria o amigo Luís Fernando Veríssimo:
“O português é uma língua belíssima. Ou será que podemos ser objetivos a respeito da nossa língua-mãe, como certamente não podemos ser a respeito da nossa mãe biológica?”
7 – Escreva posts "inacabados" mantendo a ideia de que outros possam acrescentar algo no post ou melhorá-lo. Um tipo de convite a participação do conteúdo. Fazendo isto, você entrega uma ideia de compartilhamento e de identificação pessoal com o leitor.
Esta dica tem o mesmo nível de relevância da anterior, questões de cultura versos conhecimento versos gosto próprio. Muitas pessoas que gostam de longos textos podem se incomodar profundamente com posts no estilo noveleiro. “Amanha tem mais!
8 - Misture os tamanhos dos posts de modo que as pessoas possam ler artigos de variados comprimentos, como as revistas e jornais fazem.
Como eu mesmo procuro deixar claro, às vezes uma frase pode significar um texto de mil linhas. Mas vale lembrar que o blog é seu e o foco é sempre ter o seu estilo, nunca forçado.
9 - Considere fazer um calendário editorial que você possa acessar facilmente e identificar, para qual linha editorial está indo o seu blog. Isto pode ajudá-lo a fazer posts recorrentes e a gerar variedade ao que está escrevendo.
Mas sempre fica a dúvida, blogueiro tem tempo para isto? Ele quer o dia a dia como o de um jornalista? Poucos, eu diria. Mas é um trabalho importante para que você tenha seu conteúdo catalogado, organizado e sempre atualizado.
Coisas Técnicas

10 - O tema de blog “limpo” ou o famoso "template clean", sempre será uma boa escolha.

11- Torne fácil a assinatura para o seu feed. A maioria das pessoas pararam de colocar um botão RSS laranja grande no canto do seu blog. Se também fez isto, procure deixar sua visualização mais fácil na sidebar (coluna lateral) de outra forma ou deixe em cada post - veja nos MetaBlogs como deixar o botão feed mais acessível e atraente para seu leitor.

12 - Eu já disse isso antes, e vale repetir. Reivindique o seu blog no Technorati! Você não precisa gostar da ferramenta ou pensar que ele não funciona bem, mas ele aciona os mecanismos que você precisa para manter seu blog na existência dos indexadores que existem e aos que virão.

13 - Considere alterar a sua estrutura de permalinks - no Wordpress isto é em Configurações/Permalinks. Onde é que está em Movable Type ou Blogger? Mude para o Constumizer, adicione o /% postname% /. Isto aprendido com Chris Person e sugiro que façam uma pesquisa para entender melhor como funciona. Mas basicamente mantenha o seu permalink com o nome oficial do post, que a indexação para o “tio” Google é mais fácil.

Uma dica SEO: Ele (google) sempre dará preferências ao fácil e claro, por exemplo http://juliomoraes.blogspot.com/2010/05/sem-rotulo-no-label.html - Neste caso o google faz a hierarquia pelo que tem a esquerda até a direita, ou seja, Julio Moraes tem a preferência e logo em seguinda ele já indexa o "Sem Rotulo No Label". Assim o buscador não precisa fazer uma varredura longa para achar as palavras-chaves no texto do blog. É questão de rapidez na indexação, people! Agora, se tive posts numerais no permalink, não reclame que está aparecendo na página 10 do google. ;) - um exemplo: http://www.biquini.com.br/blog/?p=1301
14 - Se você se preocupa que o texto seja ‘furtado’ ou se você incentiva as pessoas a repassar o seu trabalho com as atribuições - o que eu incentivo, no estilo Creative Commons - inclua alguns links de compartihamento no post original, isto ajuda a mostrar educadamente às pessoas de onde vem o conteúdo, quando compartilhado. Isto também aprendido com outros bloggers, neste caso, Christopher S. Penn.
Não seja egoísta! Link seus amigos blogueiros nos posts, pois eles também ajudarão a encontrar seus textos copiados sem atribuição.
15 – Plugins e widgets: Antes de adicioná-los somente pela aparência ou suposto benefício ao seu blog, considere: - Será que eles vão melhorar seu blog ou vai pesá-lo? Eles deixarão seu blog mais acessível, inteligente, fácil? Questões práticas. Pense, teste e veja se fica bom.

16 - Aprenda um pouco mais de HTML, só um pouquinho. Saiba como fazer links, como adicionar fotos, usar negrito e itálico, essas coisas. Se você não tem ideia de como fazer ou precisa de uma ajuda, o caminho mais curto é procurar no Google, pois é notório o número crescente de Metablogs (blogs que ensinam outros blogueiros a blogar).

17 - Importante: Não force as pessoas a se registrarem para comentar no seu blog. Muita gente não vai topar sua ideia. Apesar de muitas empresas apoiarem isto, é uma ideia inválida. Se tiver problemas ou medo de comentários, basta moderá-los. Bem melhor do que exigir algo do seu leitor.

18 - A tecnologia deve servir aos seus leitores e a enriquecê-los. Considere todas as mudanças tecnológicas e veja como isto causa impacto no seu meio ambiente.
Procure sempre ajudar ativamente, não somente reportando em seu blog as novidades, como também opinando e divulgando; ajude seus leitores. Assim cria-se uma comunidade própria em seu blog.
Rodada de Bônus

19 - Partilhe seus posts – com parcimônia e educadamente - através de plataformas sociais. No Twitter, eu costumo fazer uma pergunta e fornecer um link para o blog, para ver as reações das pessoas sobre algum assunto. Não use sistemas que automaticamente adicionam os posts nas plataformas sociais #fail!

Ao adicionar outros links que não seja o seu, leia antes para não cair em uma furada. Nas redes sociais não 'imponha' sua opinião - pois elas, assim como os blogs, são 'conversação' sobre o assunto e as opiniões podem ser mais flexíveis. Ah, e nem todo post, mesmo que seja seu, é válido para compartilhar no Twitter :P

20 – O Facebook tem ferramentas como o Simplaris Blogcast, que integram o seu blog no próprio Facebook. Porém, isto pode cair na estratégia de disseminação do seu conteúdo, o que nem sempre é interessante reproduzir seu blog em tudo quanto é lugar - Perderá foco do blog e leitores com certeza. Faça um plano de divulgação.

21 – Divulgue, adicione links e distribua conteúdo de outros blogs no seu próprio blog. Acredite, eles podem complementar o seu post.

22 - Comente em outros blogs com frequência e com atenção. Adicionando comentários pensados e relacionados ao post do blogueiro vizinho, o que constrói amizades, laços na blogosfera e tenha atenção ao texto e faça o seu comentário, não sendo avulso ou desatento - todos nós sabemos quando isto acontece, até você em seu blog.

23 - Lembre-se de comentar em sua própria seção de comentários. Conversar com os leitores pode transformar seu blog em uma comunidade de leitores.

24 - Se conseguir formar essa comunidade, exponha. O Chris Brogan faz isso com o seu Rockstars - que tem a necessidade de atualizações constante; Aproveite para, ocasionalmente, convidar outros blogueiros a compartilhar alguma ideia postando em seu blog.

25 - Seja consistente. Você não tem que blogar diariamente, mas se você tem blog, atualize pelo menos uma vez por semana. Precisa de ideias para tópicos? Clique aqui e conheça pelo menos 100 ideias.

26 – Re-poste seus posts antigos de vez enquando. Muitas vezes esse conteúdo é útil para os novos leitores do seu blog.

27 – E por fim, continue compartilhando. Quando você não conseguir pensar sobre o que poderá compartilhar, compartilhe sobre isto. Ser útil é a primeira coisa que você pode fazer para sua comunidade. Partilhe os seus segredos. Afinal, você não pode executá-los todos, não é?

Suas ideias

O que achou das mágicas? O que você acrescentaria a essa lista? Quais segredos de blogs têm ajudado você? Há alguma dúvida sobre meus pensamentos? Vamos falar mais sobre isso.

(Ah, mas isso será segredo também, viu? :))
...
Conforme segredos expostos no ítem 24, hoje o convidado para postar no "Luz de Luma" foi Júlio Moraes, ao qual pedi que fizesse a tradução do texto de Chris Brogan - com a devida autorização de uso pelo autor - e como todo blogueiro que se preza, o Júlio sabiamente traduziu, adaptou o texto aos moldes de entendimento dos blogueiros da língua portuguesa e fez comentários hiper pertinentes. Agradeço imensamente a participação desta pessoa tão cara para mim e convido os demais leitores, se houver interesse, a mandar seus textos que serão analisados e eventualmente postados.

Mostre suas ideias!

49 comentários :

  1. Nossa, quantas dicas valiosíssimas. Amei. Ah acabei de postar um título intrigante, agora já foi...rs tivesse lido antes aqui né?
    Me interessei pelo link que você passou sobre as 100 idéias.


    Bjs
    Mah

    ResponderEliminar
  2. Boas dicas, Luma!

    Preciso mesmo ampliar horizontes, rever layouts, enfim, remodelar. E o que é interessante é que esse é um "universo" em permanente crescimento. Há muito blogueiro iniciante, chegando agora e portanto carente de tais informações.

    Está valendo!

    Abraços!

    ResponderEliminar
  3. Luma, muito boas as dicas..acho que vou re-postar(é assim que escreve?) um texto antigo...você deu uma boa idéia. Luma, eu procuro escrever bem, mas vou comprar um dicionário de português porque tantos anos fora e usando mais inglês que português está ficando ruim..meu blog é muito simples e não tenho grandes pretenções, mas acho mesmo que uma escrita perfeita ajuda bastante.
    Bjs carinhosos
    Márcia

    ResponderEliminar
  4. Luma

    Aprendi com uma Mestra! Muito obrigado. Abraço.

    ResponderEliminar
  5. Tu és MESTRE nestas andanças e li, reli e voltei a ler e metade é areia para a minha camioneta. Depois indo aos links esbarro sempre em algo: inglês:)

    O que terá acontecido no meu "blog cerebral" que apagou o inglês por completo quando eu falava e escrevia? Consequências de uma vida de inferno vivido ao som de canhões, bombas e tiros...e tiro daqui do teu espaço imensas lições, mas estas conforme disse...

    O que faço no meu espaço é espraiar/partilhar e pouco me importa que vão até lá e muito menos mendigar "comentários ou aderentes".

    Olha gostei e há coisas que anotei para pedir explicações aos "meus super técnicos de informática":)

    Um beijo do lado de cá do oceano

    ResponderEliminar
  6. Luma,

    Parabéns por apresentar essas dicas. Compartilhar segredos, nesse caso -óbvio- tem uma vantagem: seus leitores-blogueiros deixarão os posts mais prazerosos para ler.

    Beijos e ótima quinta-feira.

    ResponderEliminar
  7. Nussssssss vi que sei nadica de nada de blogs rs.. Muito legais as dicas.
    Já estou melhor amiga voltei aos blogs também.
    Ontem postei no blodggirls
    http://meninasdoblog6.blogspot.com/
    Montão de bjs e abraços

    ResponderEliminar
  8. adorei as dicas e já favoritei o post!!!
    bjo bjo

    ResponderEliminar
  9. Ótimas dicas!

    O que eu preciso, é acabar com a preguiça que existe em mim, e escrever minha idéias!

    Beijos

    ResponderEliminar
  10. Luma,
    Obrigada pelas dicas excelentes.
    COMPARTILHAR é uma palavra que para mim, define voce muito bem.
    Beijos,
    Cam

    ResponderEliminar
  11. Ótimas dicas, Luma! Acho que sigo pouquíssimas. :-/

    ResponderEliminar
  12. Luma,
    Gostei de suas dicas...
    Vou voltar para ler o restante!
    Mas venho te convidar para uma blogagem dia 18 no Minhas Memórias,
    Vvc se lembra de algum aniversário especial?
    Gostaria de contar com sua presença, posso?
    Passa lá para confirmar!
    http://minhasmemoriasdeinfancia.blogspot.com

    bjo

    ResponderEliminar
  13. Adorei suas dicas valiosas, algumas já adoto e outras irei acrescentando conforme as ocasiões surgirem. Obrigada por compartilhar, beijos

    ResponderEliminar
  14. Luma, sem dúvida são dicas ótimas.
    Vou ler, ler, reler, para ver se consigo adaptar-me.
    Bj

    ResponderEliminar
  15. Luma, minha querida!
    São dicas muito valiosas! A medida que o tempo vai passando, vamos amadurecendo a nossa visão como "blogueira" e pouco a pouco vamos incorporando essas dicas. Quando olho o meu início para agora, percebo algumas evoluções e acho que o processo é esse mesmo. Mas, é sempre interessante rever os conceitos. Eu adoro a sua apresentação, estética e escrita. Sempre que posso venho aqui aprender e me inspirar com você!
    Grande beijo,
    Jackie

    ResponderEliminar
  16. Vc. diz que, cf o item 24 o convidado foi Julio Moraes (ou será que li errado?). Como faz prá divulgar algo que eu escrevi ou escreverei? Btw, ótimas dicas. Vou mencionar no Blog-Memories2 (se puder). bjs

    ResponderEliminar
  17. Olá, Luminha.
    Suas dicas são boas. Algumas eu sigo desde algum tempo. Outras não sigo. E vejo que você também não.
    Tem dicas entre as que você sugere que, para mim, são como estivessem escritas em sumeriano arcaico. Não entendo patavina. Sempre digo que sou uma capivara para assuntos de informática e de fato o sou. Só sei o meu feijão com arroz e farinha e olhe lá.
    Se eu tenho outras dicas? Meus textos costumam ser longos para os padrões bloguísticos e bem sei que nem todo mundo que me acessa os lê integralmente. Na verdade, isso não se constitui em problema para mim. Percebi que sou muito mais lido via Google que pela minha lista de amigos. As pessoas que estão procurando informações sobre determinado assunto lançam a isca no Google e algumas acabam caindo lá em casa. De qualquer forma, percebi que uma forma de disfarçar meus textos longos é separá-los por *, ou agrupamento de ideias que compõem um parágrafo. Uso muitas imagens pois acredito que elas arejam o texto mais extenso.
    Quem toma a decisão de abrir um blog tem suas razões e motivações. Para alguns, é fundamental, primordial, quase uma necessidade biológica, a carência de ser lido. Outros, não tem tanta necessidade assim, escrevem pelo diletantismo, pelo hedonismo de alinhar letras e palavras, tendo público ou não.
    De qualquer forma, sua postagem é bem útil e acompanha sua postura blogueira-cidadã que eu sempre aplaudo.
    Carpe diem. Aproveite o dia e a vida.

    ResponderEliminar
  18. Sempre um post bom de se ler, mas no meu caso, deixo bem simples o blog porque é literalmente um diário, já faz tempo que criei algo de cunho mais interessante...

    Mas te respondendo uma "pergunta" um pouco antiga.

    Sei que a teu comentário envolvia a tecnologia mais recente, bem como as suas representações mais recentes (como o uso da Web através do Twitter, ou computadores mais avançados e por conta programas com mais recursos graficos, etc)...

    Contudo, a tecnologia deveria ser encarada em niveis de tecnologia (a única coisa que vi sobre referência sobre isto foi num RPG chamado GURPS-http://pt.wikipedia.org/wiki/Gurps-), no geral colocamos a história classificada em eras, mezozóica, idade da pedra, idade média e por ai vai, não exatamente por niveis de tecnologia...

    Por exemplo, senão me engano, nivel tecnologico três seria tribos que tem conhecimento sobre a escrita, fogo e agricultura, outro exemplo seria que teriamos tecnologia nivel oito (computadores atuais, aviões ultra rapidos e etc), já para armas de raio laser seria nivel tecnologico nove e nossa tecnologia atual mais evoluida -computadores mais rapidos, melhores conhecimento médicos e etc- (contudo não conheço tanto deste sistema para dizer todos os detalhes sobre a escala nivel de tecnologia).

    Engraçado que com isto, que para atingirmos o nivel posterior, temos de passar um nivel respectivo, vulgo, para chegar a fazer armas lasers do nivel tecnologico nove, tenho de ter desenvolvido os computadores do nivel tecnologico oito, bem como ter descoberto a agricultura, escrita e fogo do nivel tecnologico três.

    Ou pelo menos, quando se trata de povos de nivel tecnologico diferentes, ter contatos com povos de tecnologia mais avançada (mais ai corre o risco de se confundido com um deus, representante "divino")...

    Ai para termos real valor da tecnologia atual, temos de olhar com carinho sobre as tecnologias que se tornaram obsoletas e entender que foram necessárias para chegar ao que somos hoje.

    Hua, kkk, ha, ha, desculpa se viajei um pouco para dar a resposta.

    Fique com Deus, menina Luma.
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  19. Luma, li todo o post. Mas acho que precisarei lê-lo mais algumas vezes. Não por falta de compreensão do seu texto, que é muito esclarecedor, mas porque são tantas dicas e tantas tão interessantes que vale à pena ler, re-ler, tre-ler...
    Abraço!

    ResponderEliminar
  20. Hum...hum....brigadu pelas dicas. Algumas eu uso. Outras, terei que analisar.. heheeh quer dizer, terei que voltar para ler...
    Beijos

    ResponderEliminar
  21. Luma, já falei que eu te amo?!
    não?
    to dizendo agora!
    texto longo não é exatamente um inibidor de leitura...rs! nós já sabemos
    bj

    ResponderEliminar
  22. Li tudo e confesso que ainda estou engatinhando nesse universo. Grande abraço menina

    ResponderEliminar
  23. Luma, tudo é muito relativo.
    tem textos e textos.
    tem textos que sao longos e valem a pena ler.Depende muito do leitor.
    Tem leitor que gosta de textos misturando assuntos e temas.
    Eu gostava. Hoje, eu prefiro textos que sejam direcionados a um tema para que eu possa assimilar e pensar.Mesmo que o texto tenha trocentas pa´ginas, eu vou ler até o fim.
    As demais dicas, já sabia e algumas funcionam. Outras, nem tanto(muitas dos dois casos estao levando muito blogueiro á loucura)
    kkkk

    graceolsson.com/blog

    ResponderEliminar
  24. Oii Luma,
    Tá valendo, boas dicas.
    Depois vou selecionar quais gosto mais e vou aplicar...

    Bom fim de semana,

    Forte abraço.

    ResponderEliminar
  25. Luma
    Que dicas importantes, mas vejo que tenho muito que aprender. Sabe que vou ter que voltar aqui e ler com bastante calma, pois em certos assuntos para mim foi novidade.
    Será que consigo colocar isso tudo na min ha caixola? Bem vontade de aprender não falta.

    Obrigado por estar sempre presnete e obrigado pelas dicas e mais ainda por termos o seu blog para nos espelharmos.

    Beijos

    ResponderEliminar
  26. Luma você se esqueceu da 28a dica, que é o segredo que você guarda a 7 chaves.

    O conteúdo da publicação, já que não adianta seguir todos esses itens, se não há assunto ou tema que valha a pena ser lido.

    Nesse aspecto, você se torna singular, mas agora tirei uma dúvida que tenho há tempos. Responder aos comentários da postagem no próprio blog, não no de seu visitante. Acho bacana blogs em que há uma "comunidade" e fiz amizades que se estenderam até no flickr

    Bom restinho de semana Luma

    bj

    ResponderEliminar
  27. Luma!
    Adorei as dicas...valiosas demais!
    Ando tão relapsa com o mundo bloguístico! Postando menos, visitando menos...
    Preciso voltar a ativa!
    Beijão =)

    ResponderEliminar
  28. Acho que o item 12 está meio fora, pois pelo que pude entender na minha ultima passada no Technorati, eles não cadastram mais blog's que não sejam na língua inglesa, bem mas o texto é uma tradução, então esse item deve valer lá , mas aqui acho que não mais !

    ResponderEliminar
  29. Nossa quanta dica valiosa.
    Preciso melhorar muito o meu.rs!
    Ando meio sem tempo pro meu bloguinho.☺

    Um beijo

    ResponderEliminar
  30. Luma querida, suas dicas são mais que valiosas...

    Olha, confesso que acho vc uma blogueira maravilhosa. Seu blog é clean, perfeito e maravilhoso!!!

    E admito o feed num blog é tudo, rs... Prático demais!!

    Beijos minha querida!!^^

    ResponderEliminar
  31. @Mariposo-L, você está equivocado. Cadastrei meus dois blogues e também o meu twitter - http://technorati.com/people/Luzdeluma

    ResponderEliminar
  32. Oi Luma,, hoje li no blog da Lúcia, a referência ao seu post.
    Sem dúvida são dicas muito boas, mas acredito que muitos por terem um blog pessoal acabam tendo certa dificuldade em fazer algumas alterações.
    Não sei bem se tenho alguma coisa a acrescentar. Ah, acabei de lembrar de uma: muitas pessoas no comentário deixam as letras a serem digitadas para que o comentário seja salvo.Salvo algum problema que o blogueiro tenha e precise, eu na minha humilde opinião descartaria. Muitas vezes erramos a digitação e temos que refazê-la.
    Um beijo

    ResponderEliminar
  33. Oi amiga,
    Decidi ajudar a divulgar o congresso internacional idealizado e totalmente produzido por Anna Sharp, terapeuta holistica genial, que vai discutir Crop Circles. Aqueles desenhos gigantes e perfeitamente simetricos que aparecem no mundo inteiro em campos de plantações. O que se cogita é que é impossivel que sejam feitos pela mao do homem, e entao que misterio sera esse. Ela pretende com seus palestrantes, desmitificar a questao e ampliar nossa capacidade de visao de um outro aspecto da vida, do universo.
    O congrsso vai ser em setembro tanto no Rio como em SP. E ela conta com o marketing boca a boca e o marketing viral que os amigos possam fazer por que nem ha grana para divulgaçao. É puro idealismo mesmo. O link para a inscriçao é
    www.seminariofenomenoplantacao.com.br
    e o que te peço Luma é que se voce se interessa pelo assunto, divulgue no seu blog que é tao formador de opiniao. Bom pra variar acho que fiz algo errado por que nao esta clicando, o endereço. Mas é esse, é so digitar para fazer a inscriçao.
    Beijos e obrigada,
    Cam

    ResponderEliminar
  34. Luma, achei tudo muito útil. E lendo os comentários, vejo que o reconhecimento do seu papel de social "virtual" é extremamente merecido.

    Assim como os outros, também acho que existam "dicas" pressupostas. Quem já alguma vez refletiu sobre a essa tarefa virtual, já chegou até elas. A divulgação justamente dessas dicas talvez seja o mais valioso, porque as reafirma para quem já as concluiu e mostra um bom caminho para quem ainda não. A velha história de que o óbvio precisa ser dito.

    A essência da procura pela popularidade é o único item que eu refuto. É claro que tudo que li aqui fica armazenado, são muitas informações. E tenho consciência de que esse conhecimento vai me servir para futuras avaliações sobre publicações na Internet, inclusive as minhas próprias. Mas não dá pra negar que grande parte prima pela busca da popularidade e isso, essencialmente, é algo a ser dosado. A popularidade entre as pessoas certas é rica, mas já esse objetivo como necessidade pura e simplesmente, é muito pobre. Aí a questão é quem são as pessoas certas? Pra uns, críticos. Pra outros, amigos íntimos. Pra outros, família... Portanto, um conceito totalmente variável. Resta a certeza antiga de que quantidade não implica qualidade.

    E que da "realização" de um blogue seja algo da essência de cada um, sem regras, sem receitas. Li-vre. Porque escrever é libertar-se e isso acontece mesmo que ninguém te leia.

    Bjos e bom fim de semana.

    Michelle Siqueira

    ResponderEliminar
  35. Oi Luma,
    Gostei um bocado do post, embora como publicitária devo dizer que está longo e que faltou ilustraçoes, até para descansar os olhos dos leitores...
    como sou uma blogueira bem recente, pois tenho apenas 5 meses de blog, vou salvar este post em meus "Favoritos", para ver o que posso aplicar ou não. Muitas das coisas citadas eu já aplico.
    Parabéns pelo post!
    Bjkas e um ótimo final de semana para vc.

    ResponderEliminar
  36. Olá Luma,

    Obrigada pelas dicas. Confesso já conhecer muitas delas (e nem todas se aplicam a todo o tipo de blogue; contudo não deixam de ser úteis).

    O conselho que eu acho sempre essencial dar é o de comentar nos blogues de outros blogueiros: muito blogueiro não o faz, depois não recebe feedback no seu e acaba por desistir a pensar que ninguém lê o seu blogue...enfim.

    Bom fim-de-semana!

    ResponderEliminar
  37. Olá Luma,

    Se aprende a blogar...blogando né? Com o tempo vamos vendo o que é bacana, o que atrai mais e tudo isso claro relacionado com tipo de pessoa que somos, a maneira como postamos. Como você mesma disse, nao dá pra ser forçado.
    As dicas são ótimas. Eu confesso que preciso aprender mais de html.
    Tenho alguns selos por exemplo, ou algumas campanhas que outros blogues fazem e que simplismente nao sei colocar na barra lateral do Blog. Tudo bem, falta um pouquinho de interesse bem mais que de tempo, mas ainda não rolou.

    Um abraço!

    ResponderEliminar
  38. Maravilhosa como sempre, Luma! Vou te confessar: o único blog que leio posts longos é o teu, que sempre nos dá lições valiosas sem cansar. Vou ter que voltar mais vezes a este post.
    Bjim, cosquirídia.

    ResponderEliminar
  39. Dicas para blogar são muito bem vindas e, às vezes, achamos que já sabemos de tudo, mas sempre descobrimos algo importante para colocarmos em funcionamento.
    Bjs

    ResponderEliminar
  40. Muito bom Luma!
    Dicas interessantes. Vou me lembrar de algumas que ainda não aplico...
    Sobre os comentários: gosto muito de responder todos os comentários que recebo...dá trabalho, mas o retorno é garantido. Quando eu "falo" com alguém gosto que me responda!Básico...
    Beijos
    Astrid Annabelle

    ResponderEliminar
  41. olá Menina Luma,
    Como é bom encontrar alguém que se dispõe a compartilhar suas descobertas...
    Com 62 anos não tem muito tempo que navego por esse mundo virtual e acho maravilhoso aprender.
    Agradeço por compartilhar seu saber.
    Beijinho carinhoso.
    Regina Coeli

    ResponderEliminar
  42. Parabéns pelo post! Muito útil mesmo... mas algumas coisas não ficam claras pra mim, por exemplo, a questão do Technorati que até hoje não sei pra que serve/como funciona. Sobre os links no google, também não sei como mudar a estrutura de permalinks no blogger =/. Mas devagar e sempre é que se faz um blog! Beijos!

    ResponderEliminar
  43. Luma:
    Bom dia!
    Adorei suas dicas. Vamos ver se dou uma melhorada no que escrevo e nos meus assuntos.
    Beijos.
    Boa semana!
    Anny.

    ResponderEliminar
  44. Nossa, fiquei muito feliz com seu comentário! É legal ver que, mesmo seu blog sendo bem famoso, vc é muito atenciosa ao repsonder os comentários! Então, eu adorava bonecas, mas minha mãe adorava mais que eu e nunca deixava eu rabiscar nenhuma, então nenhuma virou chuck (Graças a Deus hehe). Vou me inscrever no Technorati e vamos ver no que dá hehe. Eu tirei os créditos da Tina Chan porque estou tentando deletar meu footer e não salvei o layout antes disso =/. Eu uso explorer e se vc for até o fim da página vai ver que fica um espaço enoooorme em branco e eu não consigo tirar isso de jeito nenhum, já tentei mexer no CSS com widht e hight, mas não dá certo, se tiver alguma dica, me avisa por favor! Vou criar um outro blog teste pra ver se recupero os créditos hehe.

    Obrigada pela vista! Beijos!

    ResponderEliminar
  45. hUMMM Luma, eu tava mesmo precisando ler essas dicas, tô querendo saber mais sobre o assunto, valeu!!!!
    beijão,

    ResponderEliminar
  46. Oi, Luma!! :)
    Muito bom, hein?
    Li atentamente e acho que tenho feito algumas de suas orientações, e ficarei atenta a tantas outras.

    Obrigada por compartilhar seu conhecimento e experiência. :)

    ResponderEliminar
  47. Olá, Luma
    Meus sinceros parabéns.
    Estou começando a minha vida de "blogueiro"
    Li umas 3 vezes o seu texto fiz algumas anotações que possam me ajudar bastante.
    Voce e nota 10.
    Entre em contato comigo através do email ou Messenger.
    hangaranime@r7.com ou lucas_faccino@hotmail.com
    Beijos ;)

    ResponderEliminar
  48. Olá Luma,
    Adorei tudo em seu blog: layout, textos, animação... Fabuloso!
    Esse post com as 27 dicas é excelente. Mesmo sendo blogueira há pouco tempo, já uso algumas intuitivamente, mas tem outras valiosas e completamente novas para mim. Muito obrigada pela generosidade em partilhar sua grande sabedoria de blogueira :-) Tenho muito o que aprender!

    ResponderEliminar

Tenha identidade, não seja anônimo na web. Crie sua identidade virtual.

...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

PlagSpotter - duplicate content checker tool
Licença Creative Commonsget click

Algumas coisas não têm preço


finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
Verificar conteúdo duplicado

Me leve com você...

Leia o luz no seu celular

Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

Leia mais para produzir mais!

Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor