Eu não me esqueci de ti, Hilda [update]

Steven Meisel
imagem Steven Meisel

Se eu disser que vi um pássaro

Sobre o teu sexo, deverias crer?

E se não for verdade, em nada mudará o Universo.

Se eu disser que o desejo é Eternidade

Porque o instante arde interminável

Deverias crer? E se não for verdade

Tantos o disseram que talvez possa ser.

No desejo nos vêm sofomanias, adornos

Impudência, pejo.

E agora digo que há um pássaro

Voando sobre o Tejo. Por que não posso

Pontilhar de inocência e poesia

Ossos, sangue, carne, o agora

E tudo isso em nós que se fará disforme?

Trecho selecionado do poema "Do Desejo" - do livro de mesmo nome.

O que devemos crer está subjetivo dentro de cada um de nós. E se não for verdade, qual a diferença faz agora? Nada faz diferença, se o universo caminha independente de nós. E hoje ainda disse "são coisas da vida" - o recheio dos nossos dias, que pode ser alegre, triste, amargo, doce... tantos sabores.

Enfim "E se não for verdade, em nada mudará o Universo."

Por isso, não me esqueço de ti, Hilda!

"Porque o instante arde interminável

Deverias crer? E se não for verdade"

Daí vem a Neiva, filosofando nos comentários"Pensa! Não seria espetacular se a vida estivesse tão boa que só quiséssemos que continuasse absolutamente igual?

"Se eu disser que o desejo é Eternidade"

Off-topic: Estou retornando às minhas férias e não sei quando postarei novamente, mas assim que tiver oportunidade haverá atualização.

"E agora digo que há um pássaro"

update: Por causa de alguns comentários, quero deixar claro que em momento algum escrevi que não acredito em Deus - sou crente, temente à Deus, porém livre dos dogmas.

35 comentários :

  1. menina!

    não sabia que o diabo estava associado a Vênus, rs*... faz sentido, rsrs*

    amei o poema e mais ainda a foto esoclhida.

    beijos, querida e um 2010 dourado para ti

    MM.

    ResponderEliminar
  2. Oi Luma!

    Otimo texto... também não sabia da associação de Vênus com o "Coisa Ruim"... rs

    E se for verdade? Ou não... nada mudará.

    E eu acredito... há um pássaro!

    ResponderEliminar
  3. Luma que gostoso este texto!
    Uma assunto que digamos nao muito facil de ser abordado e voce o fez, parabens!
    Ao ler sobre Jesus filho de Maria, me recordei de uma Madonna amamentano o Menino Jesus, quer algo mais humano, mais proximo de nòs?
    Veja a imagem:
    http://www.macrino.it/pg004/5_00/pop_021.html

    Hoje tb estou co m um texto falando da Epifania na Italia.

    ResponderEliminar
  4. Realmente o mundo segue sem se importar conosco, tampouco com os deuses que nós, humanos, criamos. Concordo quando ao fundo ético e moral que você citou e vejo que, no rol das crenças, estes são os fundamentos que ficam, embora muitas vezes não sejam efetivamente praticados.

    ResponderEliminar
  5. luma, um ano maravilhoso pra vc!!!

    ResponderEliminar
  6. Feliz 2010 cheio de magia
    Com carinho Monica

    ResponderEliminar
  7. Só mesmo vc Luminha para falar de um assunto tão complexo e às vezes polêmico e ainda iluminar com poesia!
    Também sou Deísta (para os deístas, Deus se revela através da ciência e as leis da natureza), vejo-o todos os dias quando olho para as árvores, flores, pássaros e o próprio ser humano em sua bondade e criatividade.
    E, soube que lá em Portugal hoje é dia de comer bagos de romã, coisa bem folclórica, que acho vou aderir.
    beijos cariocas

    ResponderEliminar
  8. Se foi sobre o Tejo, não é um pássaro qualquer. É uma Gaivota, que já se inclui na classe de passarona. E pelo que tou vendo na foto, nao há duvida, é mesmo... Gaivota!

    Já tive mais certezas sobre esse tal de inferno, agora não sei escrever sobre a minha certeza, talvez um dia destes me volte a encontrar na pontuação correcta.

    Férias Divertidas e beijos :)

    ResponderEliminar
  9. Luma, Deísta ou nao até o mais cego pode sentir a presenca de Deus em cada coisa.

    Um Feliz 2010 pra você e sua família.

    Bjao

    ResponderEliminar
  10. Tudo é muito subjectivo de acreditar ou não e sinceramente subscrevo as palavras de Lino.

    Boas férias!

    ResponderEliminar
  11. POst muito interessante, sobre o velho e eterno dilema humano: crer ou não.
    Querida, prefiro ver a vida de helicóptero...
    Beijinho e boa continuação de férias

    ResponderEliminar
  12. Gostei d+ desse poema!!! Bjs

    ResponderEliminar
  13. Crer ou não crer, fé ou dúvida... será que um dia saberemos, com certeza?
    Divirta-se, Luma, boas férias!

    Bjs.

    ResponderEliminar
  14. Como sempre arrasando nos posts.
    Big Beijos

    ResponderEliminar
  15. Um poema maravilhoso, delicioso!! Adooreii!!!

    Bom, e quanto a crer, acreditar, confiar... São tantas dúvidas, ou (in)certezas, não sei!!

    Aproveite 2010!! Feliz 2010 e muitos sonhos pra vc, minha querida!!! =D

    Divirta-se querida!

    ResponderEliminar
  16. Luma,
    Eu acredito Em Deus, e nele que me jogo quando preciso.

    Um Feliz 2010!

    Viver é acalentar sonhos e esperanças, fazendo da fé a nossa inspiração maior. É buscar nas pequenas coisas, um grande motivo para ser feliz! (Mário Quintana)


    Beijos

    ResponderEliminar
  17. Concordo plenamente com a tese de que nada mudará o universo - nada !!!

    Beijos e fiquei feliz com sua simpatica visita.

    ResponderEliminar
  18. Bom dia Luma, gostei do seu post e claro que passaria aqui para dizer-te o que penso sobre essa explanação tão bem feita por ti.
    Eu sempre preferi os mitos e confesso a você menina que sempre vi o Deus cristão como um mito também, parte de uma mitologia e sempre me perguntei de forma austera "o que seria da vida sem esses mitos?" Só que alguns mitos são mais reais e passíveis de crença, enquanto outros chegam a ser um atentado contra a inteligência.
    Enfim, acho que independente de tudo que acontece no universo, tudo é criação humana e parte integrante de sua evolução. O problema está na hierarquia das coisas, na necessidade de ser mais, de ir mais além. Veja você, o Papa em sua "santa" existência se julga no direito de dizer o que é certo ou errado. A sociedade também o faz, condenando as diferenças, julgando as crenças, as culturas, a própria existência.
    Somos limitados, como diz a Lu e precisamos acreditar que há alguém superior a nós para não perdermos o rumo. Claro que há excessões, a Lu questiona a tudo e a todos. Eu não chego a tanto, mas gosto de ver na Natureza (esse elemento feminino) o começo, o meio e o fim. Libertos de preconceitos e preceitos, apenas existindo e seguindo o curso natural das coisas. A Natureza age e reage assim como nós, ela não é nem pior, nem melhor que nós e é capaz de ferir com a mesma intensidade que é capaz de gerir.
    Agora essa figura masculina criada pelos homens que está acima de tudo e de todos sempre me fez lembrar a nós mesmos e nossos atos extremados, nada mais.
    Boas férias menina

    ResponderEliminar
  19. Oiiii
    Nossa eu assim como todos me indignei com a parte de venus ter ligação com coisa ruim!!!
    Poxa... nunca pensei!!!
    Mto bom este poema!!!
    Um beijao e boa quinta feira

    ResponderEliminar
  20. Luma,

    Obrigada pela menção. :D

    Sou Deísta também. Acabei de descobrir, com seu post. rsrs

    Beijos

    ResponderEliminar
  21. Lembrei-me que antigamente, a maioria das religiões pagãs era envolvendo a mulher como centro do universo, ou num situação de prestigio...

    Talvez no principio, devido a esta caracteristica nas religiões pagões, acabaram sendo associadas ao Diabo.

    E você menina, aproveite bastante as tuas férias.

    Fique com Deus, menina Luma (e leve o Max para passear, ok?).
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  22. Xi marquinhuuuu religião ...ai complica minha cabeça loira Luma kkkkkkk talvez somos parecidas nesse ...digamos sentido kkkkkkkkkkkkkkk
    Agora em relação ao poema achei lindooo li duas vezes e marquei um trechinho ,só eu mesmo kkkkk
    Luma vim aqui pra te deixar um bjão viu querida e desejar uma linda sexta feira !

    ResponderEliminar
  23. "um menino lindo de se sentir"
    ADOREI ISSO

    Aproveite as férias, e volta logo

    beijo

    ResponderEliminar
  24. eita...vivendo e aprendendo.

    tirei o haloscan lá do blog...aff.perdi tantos comentários queridos.

    Um ótimo fim de semana para você!!!!

    /(,")\\
    ./_\\. Beijossssssssss
    _| |_................

    ResponderEliminar
  25. Bom dia querida. Boas férias. Ainda não pude aproveitar as minhas.
    Amei o post e penso muito sobre a fé é uma questão d escolher uma verdade q melhor nos cabe.
    Bjs, feliz 2010.

    ResponderEliminar
  26. Se vc acredita ou nao em Deus, quem comenta em s eu blog, nao tem o minimo direito de escrever sobre.
    Afinal de cotnas, o Mundo está cheio de tragédias..praticadas por quem disse, em alto e bom tom:
    TUDO EM NOME DE DEUS.

    BJS E DIAS FELZIES

    ResponderEliminar
  27. Luma, já te desejei feliz ano novo? E com direito a muita lasanha?
    :) Um beijo!

    ResponderEliminar
  28. Isso me lembrou aquilo de que as coisas tem o tamanho que deveriam ter... Não sei bem o porquê... mas mem lembrei disso...

    ResponderEliminar
  29. Sobre o update:

    Deus criou todas as coisas. Os homens criaram as religiões, e as religiões criaram os dogmas... Seria absurdo pensar que Deus caberia neles...

    Bjs.

    ResponderEliminar
  30. Olá Luma,
    tema forte, polêmico e muito difícil de se falar, o que fez com maestria!
    Eu também acredito em uma força maior que reja o universo. Não vou mentir que muitas vezes fico confusa,pois existem pontos na história que me fazem questionar sobre muitas coisas.
    Mas por fim acredito que Deus seja esta força maior, independente de religião, dogmas ou seja lá o que for.
    Mas acredito também que se existe alguma coisa ou alguém que possa mudar o universo, somos nós mesmos.
    Não digo o univérso em seu exterior, mas sim em seu interior.
    A Natureza tem vida própria, porém nós conseguimos mudar seu rumo, causando talves um dos maiores desastres da história.
    Acredito que se for verdade ou não que exista um Deus, pouco importa se não acreditarmos que nós podemos fazer e sermos melhores a cada dia, a cada instante.
    Nós vivemos dentro deste universo e com Deus ou não, se não medirmos e repensarmos sobre quem somos e como estamos, e de como vamos estar se, não nos reeducarmos sobre todas as coisas da vida, dentre em breve não existiremos nós e muito menos o univérso.
    Beijo na alma minha linda e tenha umas férias magníficas, curta de montão!
    Você esta entre os seres que contribuem para que este universo(Mundo) permaneça em pé...

    ResponderEliminar
  31. Oi Luma,
    Que interesante este texto e coincidenia ler isso hoje. Ontem veio uma pessoa aqui em casa com um mapa astral na mao e nenhuma noçao do qu estava escrito. Mas tb com uma postura que é a cara dela: enviou seus dados a uma astrologa excelente e sem nenhum dado a mais. A astrologa teve mais ou menos que adivinhar da pessoa. E ela no final, a minha amiga,fez que nao "entendeu nada". Mas...ela é escoriao, om lua em escorpiao e ascendene peixes. Ou seja, aquela pessoa que ja veio equipada para perceber que a realidade é umailusao passageira, uma escolha,um modo de er. Portanto, como diz voce indepedente do que se acredite ou do ponto de vista que se tenh, o mundo vai contnuar existindo e sendo, e nos vams passar por ele. Nao adianta muio frufru, essas firula a gente inventa para que fiue mais facil viver sem ter controle algum sobre a existencia, por mais que queiramos ter algum.
    Basicamente m paree o que voce quis dizer nesse lindo post.Voce pode chamar de filho d Mria ou filho de Deus. A realidade é, que tdo vai continuar sendo independente da sua forma de olhar e acreditar. É isso?
    Beijos e saudades,
    Cam

    ResponderEliminar
  32. Luma, é sempre bom ler seu texto inteligente e intrigante. Volte inteira logo, pros seus leitores.
    Hilda Hilst é maravilhosa. Acho que poucos souberam expressar o desejo como ela. Parabéns por trazê-la aqui. Beijos.

    ResponderEliminar
  33. Luma, eu sempre acreditei no equilibrio natural de todas as coisas. Então se existe um Deus, é preciso que exista um Demônio. Se existe o bem, logo existe o mal e somos assim: metade bons, metade ruins, o problema é quando o peso final pede apenas para um lado.
    Quanto a ilusão religiosa, acho que o homem precisa disso, mas do que de si mesmo, infelizmente. Não contesto crenças e tão pouco incentivo uma ou a outra. Acho que cada um decide o melhor caminho a seguir, mas mesmo assim, acho que é preciso inteligência e moderação, excessos são excessos sempre e bem não há de fazer. Beijos carissima

    ResponderEliminar
  34. '...em momento algum escrevi que não acredito em Deus'...

    Que diferença faz para o Universo se acreditamos ou não?
    Que diferença faz para o(a) leitor(a) se Luma acredita ou não?

    Acreditar ou não faz de Luma menos que o(a) leitor(a) preocupado(a).
    Que cada uma(um) que olhe em si, e julgue se isso é matéria de cobrança.

    Falta-me saco, neste momento, para clima de cobranças.
    Faço isso eu mesmo por mim (se bem que, de toques, eu gosto).

    Linda postagem.
    Não a considero deísta (fui na wiki).
    Deus não é um Senhor, nem Pai, nem Mãe. Ela(Ele) disse que seria bem melhor, e também correto, que A(O) considerassem um(a) Amigo(a).
    Mania de descrevê-La(Lo) como humana(no)...
    Fazer o quê..., Ela(Ele) entende...
    Ahh: não se chega a Ela através da razão. Melhor usar os sentimentos.

    Luma, continue alumiando.
    Bjs.

    ResponderEliminar
  35. Luma, todo post que mexe com religião ou fé costuma causar rebuliço...eu já escrevi várias vezes sobre meu ateísmo na intenção de quebrar preconceitos e paradigmas...mas as pessoas não aceitam, ficam abismadas, ou com pena de mim, a pobre coitada que não conhece deus...ou tentam me convencer que não é bem assim, que eu acredito sim, que eu é que não sei...e coisas idiotas desse tipo...religiões existem desde que o homem surgiu na face da Terra, é um desejo de ligação com o sagrado, o consolo de imaginar que a vida não acaba aqui, uma muleta, uma tábua de salvação na hora do desepero...quando se fala na hipótese de que não exista nada além daqui, é claro que isso apavora as pessoas...afinal se dão conta de que podem ser apenas uma formiga no universo...pra mim, somos isso, apenas formigas, que numa pisada desapareceremos pra sempre...Todas as religiões, exceto as celtas,na antiguidade excluem a mulher ou a fazem ser representadas como meras deusas menores...o medo do feminino sempre apavorou a humanidade. Mas isso é assunto pra outros duzentos posts...
    Beijos.

    ResponderEliminar

Tenha identidade, não seja anônimo na web. Crie sua identidade virtual.

...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

PlagSpotter - duplicate content checker tool
Licença Creative Commonsget click

Algumas coisas não têm preço


finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
Verificar conteúdo duplicado

Me leve com você...

Leia o luz no seu celular

Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

Leia mais para produzir mais!

Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor