Rubirosa

Nunca li nada que me espantasse tanto como a matéria de Bety Orsini sobre Porfírio Rubirosa no Caderno Ela. Tá certo que o cara morreu faz tempo, o que dota de certa elasticidade o conceito de invasão da intimidade, mas, e as damas envolvidas? Pelo menos uma delas creio que ainda viva.

Vamos combinar: eu as entendo, isto é, entendo essas mulheres que o Rubi amou e que, apesar de o terem sustentado, acabaram mais ricas à época do divórcio. Entendo sim, gente. É o poder do amor, da cumplicidade, ai, que energia isso dá. E não me venham com essa de que o poder do documento depende do tamanho, mas vamos combinar: vinte e oito centímetros?

É o que diz o livro e que frisa tanto esse detalhe.

VIDA LOUCA DE PORFIRIO RUBIROSA, A O ULTIMO PLAYBOY
Conceito do Leitor: Seja o primeiro a opinar
Autor: LEVY, SHAWN
Editora: RECORD

O dominicano Porfirio Rubirosa foi o último grande playboy - farrista prototípico, símbolo de virilidade e ostentação, exemplo perfeito do amante latino. Quando não estava com mulheres, Rubi dedicava-se a atividades tipicamente masculinas. Exímio jogador de pólo, pilotava também carros de corrida, e entre seus amigos mais célebres e companheiros de madrugadas havia nomes como Ted Kennedy, Frank Sinatra, Oleg Cassini, Aly Khan e o rei Farouk. Se o dinheiro porventura minguava, ele se divertia com missões diplomáticas obscuras, roubo de jóias ou qualquer outra atividade ilícita que se apresentasse. Se gozava de alguma influência, a devia a Rafael Trujillo, um dos ditadores mais sanguinários que o mundo já conheceu, e outrora seu padrinho. Quando, aos 56 anos, morreu num acidente de carro em Paris, toda uma era morreu com ele.

A Escritora/psiquiatra Alejandra Vellejo-Nájera acha que dá trabalhão ser sedutor; "requer prestar muita atenção ao outro e satisfazer as suas emoções".

Rubirosa

Seduzir tem a ver com temperamento, duas pessoas com temperamentos iguais não achariam graça na monotonia "Os passivos necessitam da energia de um colérico e nunca um fleumático seduzirá outro, seria muito aborrecido".

Na verdade o meu conceito de sedução é outro, mas quem sou eu para aborrecer a autora, que descende de uma estirpe de psiquiatras espanhóis e que diz existir nove tipos de sedutores, seguindo uma classificação anteriormente fixada pelo norte-americano Robert Greene.

Você acha importante descobrir em qual perfil sedutor se encaixa? No livro Psicologia da Sedução (editora Espasa, em castelhano), Alejandra Vellejo-Nájera escreve: "A sedução está relacionada com o êxito no amor mas não só. Seduzimos de cada vez que comunicamos uns com os outros e conseguimos que a pessoa em causa se sinta atraída por nós. Tem uma carga genética, porque há pessoas mais extrovertidas, que conseguem seduzir mais facilmente, e outras que nem tanto. Mas também têm influência as relações precoces com pais, amigos, professores. Até os mais introvertidos aprendem técnicas para conseguir seduzir. E há quem se sirva dessa introversão para os mesmos fins, conseguindo conquistar de uma forma muito original." Ela incentiva que usemos nossa sedução, quer seja na vida amorosa ou profissional.

Lembrei-me de Hilda Hilst in Cartas de um Sedutor. Estou doente. Taco, meu médico e amigo prescreveu champanhe gelado. Brut. E gelo nas têmporas. E sabes por que estou doente? Porque pressinto surpresas, notícias inquietantes, vindas não sei de onde...

14 comentários :

  1. Não creio que haja uma regra para sedução,LUMA. O que dá certo pra um ,pode não dar pro outro.
    Mas achei interessantes as respostas dos posts anteriores.
    Bacio!

    ResponderEliminar
  2. Um texto sedutor. Quanta inspiração!
    Parabéns.

    ResponderEliminar
  3. Oi Luma, tudo bem com vc? Nossa! O assunto do dia me surpreendeu - principalmente o enfoque dado aos famosos 28 centímetros.
    Não penso sobre esse tipo de coisa há tempos - sobre a questão do amor, do sexo, do tamanho. Isso para mim faz pensar em detalhes e fica tão pequeno diante de algumas singularidades que não se apresentam em lugar algum. Enquanto lia o livro "Cartas a D." me encantei com a descrição inicial feita pelo autor e ele falava de coisas corriqueiras que passam desapercebidas mas que eram tão singulares e importantes para ele que tudo mais que flutua na paisagem insana do homem é detalhe.

    O que sonham as meninas e os meninos? Será que sonham? Para mim, apenas deliram...

    E sigo ouvindo Noturno de Chopan por aqui. Beijos a vc...

    ResponderEliminar
  4. Dora13:13

    Luma. Tenho pena de quem "gasta" uma vida fazendo o tipo D. Juan, sempre cercado de mulheres, de ricaços, de celebridades, ou se envolvendo em malabarismos para ganhar dinheiro...enfim...Vidas de playboys bem ou mal "dotados" fisicamente me entediam...rs Menos o seu jeito( seu, de você, Luma) de tratar dos assuntos...Esse seu jeito de quem atravessa a vida, espiando as "doideiras" que a humanidade inventa, faz a minha curiosidade me trazer aqui!
    Você é "sedutora", sabia, né?
    Eu acho, que, de alguma maneira, todos nós, viventes, somos!
    Eu envio beijos para você!
    Dora

    ResponderEliminar
  5. Tal como disse o Do, acredito que não dê para reduzir a questão da sedução a vários ítems perfeitamente definidos e nos quais cada um de nós deve encaixar!
    Acredito que existem milhares de perfis de sedutores, não terá a forma como seduzimos muito a ver com o que somos? Acredito que sim.
    Tal como acredito que existem pessoas naturalmente sedutoras, e outros que precisam esforçar-se um pouco mais!

    Beijo Luminha!

    ResponderEliminar
  6. Muito legal este seu post Luma! E o interessante é que eu acabei de postar sobre o medo da felicidade lá no Koukla...aí eu padeço de tantas doidices...devia ir a um psiquiatra....heheheehe. Vc me anexou lá no Sonico? Sabe que as vezes eu esqueço que tenho e nem entro? Bjus.

    ResponderEliminar
  7. Tinha q ter algum teste pra descobrirmos o perfil q temos de sedução.
    Big Beijos

    ResponderEliminar
  8. Mesmo que você não viva disso, sedução é um assunto que interessa a todo mundo. Mas as indiscrições da Beth Orsini vão além da conta. Enfim, o que se pretende com isso é ganhar dinheiro, mesmo tratando a memória dos outros desse jeito.
    Beijo pra você

    ResponderEliminar
  9. Tem um mimo pra vc no Ambiente e Etc: http://ambientetc.blogspot.com/2008/05/mais-um-mimo.html
    bjs

    ResponderEliminar
  10. denise02:42

    Se fosse um'zé povinho', nem daria tanto ibope. Ai, Luma, isto me cheira a propaganda enganosa. E depois, 'tamanho' é documento? Acredito que sedução deveria ser algo sublime, como encantamento, conquista sincera do outro, e não esta 'manipulação' que se vê por aí.
    Estás concorrendo à sacola, viu!
    beijo, menina

    ResponderEliminar
  11. Que venham as surpresas. E que sejam repletas de sedução em todas as suas formas.
    Acho que não há regra. Cada caso é um caso. Cada situação uma estratégia.
    Ou não.
    Um beijo e um ótimo dia pra você!

    ResponderEliminar
  12. Não existem regras e limites para a sedução. É uma coisa expontânea. E depende muito de quem com quem.

    ResponderEliminar
  13. Oi Luma,

    Bem, o playboy ao menos divertiu-se na vida lol. Mas pergunto-me sobre o que estará por detrás dessa necessidade de "amar" tantas mulheres...que receio, trauma, ou sede se esconderá por detrás dessa mesma necessidade!

    A sedução é um conceito muito amplo, e há vários níveis de sedução (sexual, amoroso, a nível empresarial, infantil, social etc)!
    O meu conceito de sedução é tão complexo que levaria páginas a descrevê-lo lol lol; mas um item posso mencionar, aliás dois: classe e respeito pelo próximo!

    Se não falarmos antes do fim-de-semana: bom weekend :D!

    Beijos

    ResponderEliminar
  14. Bom, no quesito sedução...acredito que nao ha regra MESMO. Cada pessoa tem um jeito próprio de seduzir. É um conjunto de coisa, sabores, gestos, toques, olhares...


    Beijos e bom fim de semana!

    ResponderEliminar

Tenha identidade, não seja anônimo na web. Crie sua identidade virtual.

...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

PlagSpotter - duplicate content checker tool
Licença Creative Commonsget click

Algumas coisas não têm preço


finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
Verificar conteúdo duplicado

Me leve com você...

Leia o luz no seu celular

Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

Leia mais para produzir mais!

Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor