Lagoa dos Patos.

A Lagoa dos Patos, é a maior laguna do mundo e se localiza no Rio Grande do Sul. Mas não é desta que o título da postagem se refere.

A Lagoa do Rio Grande do Sul tem esse nome por causa das tribos indígenas que habitavam a região na época em que embarcações espanholas acossaram por lá. Os índios dessa tribo eram chamados "patos".

Aqui, é porque a lagoa estava cheia de patos.



Viram a historinha do post anterior? Foram várias histórias iguais àquela. Várias receitas testadas...

De férias, a pouco tempo atrás, fui para a fazenda e lá o Max pode exercitar uma das características particulares de sua raça e foi à caça. Ele fez todo o serviço pesado e o restante foi por conta do Chef (aka, meu irmão)





Depois do trabalho duro, o descanso.



Conversa vai, conversa vem, perguntei se alguém sabia a origem da expressão "Afogar o Ganso" - Essa curiosidade surgiu quando o Marco Santos escreveu o Post "O Pato e o Paquete".

"O seu blog Antigas Ternuras, preocupado com o seu bem-estar, está providenciando para que seus leitores aprendam sobre a origem destes ditos. Sinceramente, não sei como temos vivido sem saber dessas coisas" - Entonces eu criei coragem um tempo depois e perguntei. O Marco respondeu:



Mas não fiquei satisfeita.
Uma detalhe: A postagem que originou a minha curiosidade, data de 16 de Outubro de 2006. Fiz a pergunta praticamente um ano depois. Vejam a data do comentário do Marco, 22 de Novembro de 2007. Comprovação para dizer que não importa quanto tempo levamos para satisfazer nossa curiosidade, o importante é satisfazê-la. E isso, aconteceu agora a pouco tempo, nas férias de janeiro, portanto dois anos após.

Não teria graça se não pudesse passar o que descobri, adiante:

Afogar o ganso: A primeira vez que foi usada a expressão no Brasil, foi numa das centenas de cartas de Dom Pedro I para a Marquesa de Santos. Durante anos, estes dois, ficaram a passar gonorréia um para o outro.

Dom João VI, preocupado com a descendência, começou a censurar as cartas através de um emissário português (Antônio de Goes e Vasconcellos) que veio de Portugal especialmente para isto.

Pedro usava então a expressão ”afogar o ganso” no lugar de copular, referindo-se, inclusive, a afogar as mágoas, pois a marquesa adorava gansos, como é notório.

Mas o pior está por vir: O "afogar o ganso" também pode ser uma variação na relação sexual inventada pelos chineses. Há bastante tempo eles pegavam um ganso e mantinham relação sexual com a ave (zoofilia - forma de bestialidade) e para aumentar a pressão sobre o pênis, pouco antes da ejaculação, o homem mergulhava a cabeça do ganso na água. Deste modo, ele podia sentir "prazerosas contrações anais da vítima durante seus últimos espasmos". Enquando a ave se debatia, contraía a cloaca e daí, o doente mental sentia um prazer maior na penetração na relação.

Dessa bestialidade, houveram outras variações levadas até a relação de casais. O clássico do cinema erótico "Império do Sentidos" (1976) mostrava uma paixão enlouquecedora entre um casal que experimentavam todas as variações de relação sexual, entre elas a do "afogar o ganso" só que invertido, a mulher na posição de cavalgada asfixiava o parceiro com uma gravata até próximo do desfalecimento. Alguns filmes já exploraram essa variação, porém com a mulher sendo asfixiada. O risco é que o parceiro ativo muitas vezes não consegue controlar a adrenalina e acaba matando a companheira.

Eu, heim?

Mas não só os chineses faziam ou fazem, sei lá, atrocidades com os bichinhos; O Marquês de Sade escreveu que se usavam perus nos bordéis parisienses, onde o ato ficou conhecido "avessodomia".

É uma força de expressão que faz parte da cultura popular e que é de natureza chula e coloquial. Depois que fiquei sabendo, preferi traduzir como antes imaginava "Afogar o ganso, o mesmo que afogar as mágoas" - chorar, chorar...inundar-se em lágrimas.

Mágoa, definido é algo que não foi bem resolvido e que se instalou na alma. Depois de instalada, bem difícil sair. Vale ir à fundo e resolver as pendências. Essas pendências sempre atrasam nosso desenvolvimento como seres humanos. Algumas pessoas não exploram o seu potencial. E pensem na aposta que foi feita quando eram bebês.

17 comentários :

  1. Bom texto!

    Post muito interessante!

    Gostei muito do teu blog!

    Parabéns continue assim!

    Tenha um ótimo final de semana!

    ResponderEliminar
  2. Venho agradecer sua visita. Muito interessante o post. As fotos e as informações.
    Muito boa a mensagem sobre saciar a curiosidade, independente do tempo.
    parabéns.
    beijos

    ResponderEliminar
  3. Luma, querida...
    Algumas coisas:
    1 - Parabéns pela iniciativa do selo contra a pedofilia. O Santo Blog aderiu e agradece essa preocupação e carinho com nossas crianças;
    3 - E por falar em selinho... Posso ser bem cara de pau agora? Eu sempre amei o seu selinho dos 72% água... É tão a cara do Santo isso tbém! Vc se incomodaria se eu colocasse lá logicamente com o devido crédito ao seu blog? Desculpe o pedido, tá? Se vc se incomodar não há problema, ok?
    2 - Sobre ganso e cia... Ai, meus santos sais! kkkkkk Eu e a Vivi da Casa da Mãe Joana fizemos algum tempo atrás umas brincadeiras sobre esperados amores, no fundo perfeitos gansos, ursos e ornitorrincos... Hehehe. Leia o que no final da fofoca saiu no Santo em virtude dessa gostosa brincadeira: http://santoblognossodecadadia.blogspot.com/2007/11/procura-se-um-ganso-digo-um-amor.html
    Imagine o quanto eu ri lendo esse seu post aqui retratando a história da expressão afogar o ganso. Ah, coitado! Agora entendo pq está tão difícil encontrá-lo. Será que ele ainda anda pela China? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Parabéns como sempre pelo lindo blog, meu anjo.
    Bjs e muito axé!
    Santinha

    ResponderEliminar
  4. Querida Luma,
    Ai, menina, gansos em fúria correndo atrás de pessoas? Ah, não, preciso rever meus conceitos!
    (gargalhadas)
    Pois é... Qdo o Santo começou a proposta era bem despretensiosa, tendo o objetivo de fazer a alma rir, sonhar e suspirar.
    Acho que muito aos poucos as postagens estão amadurecendo, junto com as amizades queridas que vão surgindo.
    Sobre o selinho, façamos assim, então, eu te agradeço muito, muito mesmo pela generosidade de permitir a utilização, mas vou respeitar esse seu sentimento de ciuminho e não vou usar, certo? Compreendo bem isso, principalmente, vindo de quem queremos muito bem.
    Vou fazer assim, vou pensar no conceito e imaginar uma variação bem desvinculada, assim fica uma brincadeira querida entre nós, topa?
    Pensarei com calma!
    Um bjo muito gostoso e um ótimo findi.
    Axé!
    Santinha

    ResponderEliminar
  5. Ola Luma!
    seu blog é muito interessante. Gostei muito dessa sua pesquisa rs, bem intrigante o quanto somos acostumados a falar frases sem saber o real significado delas...e esse video bem legal tb!
    abraço!

    ResponderEliminar
  6. Bem explicado, mas como tem gnt maluca nesse mundo em? Bju e um ótimo fim de semana ;)

    ResponderEliminar
  7. Oi Luma, td bem?

    Obrigado por ter passado lah no blog, no fim o seu comentario apareceu direitinho, soh estava esperando moderacao.

    Adorei essa foto, esse eh o Max que vc comentou no post? O seu cachorro? Ele eh lindo demais!

    Bjs.

    ResponderEliminar
  8. Fiquei com pena do ganso...Bom fim de semana !!!

    ResponderEliminar
  9. Bacana Luma, esse seu post foi bem esclarecedor.
    Big Beijos

    ResponderEliminar
  10. E não é que "afogar o ganso" dá um tema científico nas mãos de quem sabe se expressar?? Curioso de um lado e até comico de outro.

    Ótimo final de semana Luma

    ResponderEliminar
  11. Luma seu blog é muito legal. tudo de bom! abçs

    ResponderEliminar
  12. Coitado dos gansos..

    Abraços

    ResponderEliminar
  13. Este espaço é agora meu roteiro onde aprecio, peça a peça, cada escrita e cada imagem em forma de sensibilidade.
    Um bom fim de semana

    ResponderEliminar
  14. Luma
    Como você, eu também não comento no meu blog os comentários das visitas!
    Eu considero que isso tira a autenticidade do score de comentários!
    Por isso coloco em meu perfil o meu e-mail.
    Não sei se entendi, mas achei que você não entendeu meu último post, A STRANGE BIRD IN THE SKY.
    O blog SKT WACTH FRIDAY, posta toda as sextas-feiras uma foto do céu de algum lugar do ESTADO DA GEORGIA nos STATES.
    Todos que postarem o ceu da sexta-feira em sua cidade e informar o site americano, terá seu lik exposto à visitação universal.
    É uma forma de divulgação mundial de seu blog.
    Recebi comments americanos e de outros países!
    É uma boa brincadeira!
    Eu escolhi uma coisa interessante: um "PÁSSARO RARO", da década de 50!

    Beijos do Luiz

    ResponderEliminar
  15. Vivendo e aprendendo... parabéns, Luma, gostei das explicações.

    ResponderEliminar
  16. Luma ADOREI o seu blog ...hoje tive tempo (tão corrido sempre) para ficar por aqui ler e ver com calma ...o video da cegonha ..a estória do afogamento do ganso .D Pedro ...tudo efim..delícia...e ainda por cima as causas que lindamente defendes...
    Parabéns..
    grande beijo Ví
    Obrigada pela visita e elogio ....

    ResponderEliminar
  17. Afogar as mágoas... muitas das vezes também é remetido para quem bebe muito. Questionam porque consome tanto álcool? E este responde: É para afogar as mágoas ...remete para esquecer as mágoas através do álcool..

    Cumprimentos de Portugal

    ResponderEliminar

Tenha identidade, não seja anônimo na web. Crie sua identidade virtual.

...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

PlagSpotter - duplicate content checker tool
Licença Creative Commonsget click

Algumas coisas não têm preço


finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
Verificar conteúdo duplicado

Me leve com você...

Leia o luz no seu celular

Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

Leia mais para produzir mais!

Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor