...Gordo, todo mundo fala que ele bebe pra caramba!

Mamãe já dizia, boca fechada não entra mosquito ou melhor, quem fala demais perde a razão. E toda vez que o nosso digníssimo presidente fala de improviso, fala besteira. Ou a culpa é da assessoria que não dá colinha pro Lullinha?
No último dia 04, o jornal "O Globo" publicou uma entrevista concedida pelo Lulla na coluna de Jorge Bastos Moreno - Na entrevista Lulla falou uma frase que chamou a atenção:

"O futebol brasileiro é que nem Caldas Novas (GO),
não tem gente jovem, só tem pessoas idosas e crianças"

O entrevistador, assim como eu, concordamos que entre Pelé e Robinho, existem gerações de jogadores de futebol que ficariam ofendidos com essa afirmação. Ou, invertendo a situação, os políticos não ficariam ofendidos se fosse afirmado que, tal qual o futebol, anda a política do país. Ainda somos dominados por políticos da velha guarda e por novos políticos, que mesmo estando a pouco tempo no planalto já se enturmaram e brincam com os esquemas e falcatruas. Ah, mas eles estão acostumados com ofensas!!

chuteiras do LullinhaQuanto ao mais recente disparate da digníssima pessoa do presidente, ao perguntar ao Parreira sobre Ronaldo estar gordo ou não. Eu fico pensando que sendo ele o "Presidente da República Federativa do Brasil", não deveria bancar o engraçadinho. Cada um cumpre o seu papel, ou deveria o Lulla emprestar as chuteiras para Ronaldo?

Deixa os meninos tranquilos para jogarem bola e fica o nosso presidente no Planalto. O Brasil é a "Pátria de chuteiras" (João Lyra Filho), mas não precisamos de um presidente que entenda de futebol. Não vamos misturar os personagens. Lógico que como cidadão brasileiro comum ele pode dar o seu pitaco, mas dê lá dentro da sua casa. Nunca é bom em momentos de estresse cutucar a ferida do outro.

Lulla disse que não quis ofender Ronaldinho. Sei que ele só queria ganhar mais popularidade em cima da nossa seleção. Deve ter ficado ofendidíssimo pelo "Fenômeno" não estar presente à entrevista. Fogueira de Vaidades...
Ronaldo colhe as mazelas de ser popular. Vi a entrevista que deu após a pergunta feita pelo presidente Lulla ao técnico Parreira, durante a videoconferência. Ronaldo estava contrariado. Também pudera! Um presidente que fica fazendo papel de alcoviteira e desenterrando assunto que é pra ser esquecido. Gostei muito da resposta de Ronaldo e acho que ele só falou da bebida, por que os jornalistas pressionaram. Um pouco antes, deixou subentendido outras dúvidas com relação ao Lulla, dúvidas que se fossem perguntadas, seriam aplaudidas, por pelo menos a metade da população brasileira. Imagina a repercursão se Ronaldo assumisse o papel de porta-voz do povo brasileiro? Queira ou não, o Ronaldo é formador de opinião, principalmente para os manezinhos que não tiveram oportunidade de frequentar um banco escolar.

Pra quem não assistiu

Lula: - Parreira, uma coisa que é curiosidade minha, como presidente da república e como torcedor. Às vezes eu encontro com o Ronaldo e sei que ele está magro, mas vira e mexe a gente vê na imprensa brasileira, que o Ronaldo está gordo. Ele está gordo ou não?
(Se encontra o Ronaldo sempre e sabe que ele está magro, porque perguntou cara pálida? Faltou assunto?)

Parreira: -
O Ronaldo está muito forte. Ele não é mais aquele garotinho de 1994. Ele teve uma certa dificuldade durante esse ano, ficou dois meses sem trabalhar no Real Madrid porque estava contundido. Mas está trabalhando com muita intensidade e estará pronto para a Copa.

Ronaldo: - Eu tenho certeza que ele foi influenciado pela imprensa e foi infeliz em ter perguntado isso. Eu não estava na videoconferência porque estava com febre ontem à noite e não participei. Meus colegas informaram que estava proibido fazer qualquer pergunta o presidente. Mas nós teríamos várias coisas para perguntar para ele Por exemplo, todo mundo diz que ele bebe muito. Tanto é mentira que seu estou gordo, quanto deve ser mentira que ele bebe muito.
(Boa!! Boa!! Ri a tarde inteira enquando lembrava da resposta)



Depois disso, surgiu uma conversa de comadres. Lulla manda carta por fax, se desculpando e dizendo que não tinha intenção de ofender Ronaldo. Depois é Ronaldo que diz que não ter intenção de ofender o presidente e que tudo não passou de um mal entendido.



Agora vem o ministro do Esporte, Orlando Silva Júnior, dizer Lula expôs sentimento do país sobre Ronaldo. Não foi o contrário, Ronaldo expôs o sentimento do povo sobre o Lulla? Bem, cada um interpreta o ocorrido conforme lhe convém!

Pergunto:

- Porque os jogadores foram proibidos de fazer perguntas ao presidente?

- O Lulla entendendo bem de futebol, governa melhor esse país?

Boa semana!
Beijus

0 comentários :

Enviar um comentário

Tenha identidade, não seja anônimo na web. Crie sua identidade virtual.

...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

PlagSpotter - duplicate content checker tool
Licença Creative Commonsget click

Algumas coisas não têm preço


finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
Verificar conteúdo duplicado

Me leve com você...

Leia o luz no seu celular

Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

Leia mais para produzir mais!

Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor