Resistências

O Sol brincou comigo nesse fim de semana e eu estava ali fazendo uma viagenzinha, agora tentando colocar a vida em dia. E porque o mar está agitado. 

Mais tarde ou mais cedo, isto tinha de acontecer: um movimento por um Natal sem presentes e sem sentimentos de culpa.

E sem sentimentos de culpa, pensei em não montar a árvore de natal.

- Quanto tempo pode durar uma árvore de Natal de cartão com enfeites de plasticina numa casa contendo um cachorro que não fica adulto nunca? Ou alguém aí sabe me dizer onde encontrar uma árvore prática, que abre e fecha como guarda-chuvas?

E Mamy já falou no telefone: - É tradição minha filha! No dia que Jesus nasceu todas as árvores floresceram (Ouço ecos lembrando ela falar isso!).

Não, não estou com a consciência pesada e, só porque é o primeiro ano que faço isso? Ontem mesmo montei e desmontei a árvore. De novo?

Estresso o cachorro ou ele me estressa?

E que Mamy está boazinha comigo..."come filhinha! Essa menina não come! Se não der na boca ela não come!"

Virá aqui no bloguinho e verá que já sei quais são os 29 alimentos mais saudáveis do planeta. Verá também que eu não sou dessas de ficar com a consciência pesada!

Entrando em ritmo de Natal!

0 comentários :

Enviar um comentário

Tenha identidade, não seja anônimo na web. Crie sua identidade virtual.

...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

PlagSpotter - duplicate content checker tool
Licença Creative Commonsget click

Algumas coisas não têm preço


finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
Verificar conteúdo duplicado

Me leve com você...

Leia o luz no seu celular

Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

Leia mais para produzir mais!

Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor